Enviado por Corninha Dela em 22/01/2020
Encontros Casuais | Compre produtos eróticos sem sair de casa

Categoria: Traições | Visitas: 11540
Avaliação: [Votar]
4 Comentários [Comentar]

Era sábado pela manhã e estava sol e calor. Eu e minha esposa Paula decidimos então curtir um dia de praia. Mas dessa vez não quisemos levar cadeira e guarda-sol, já que, às vezes, gostávamos de ficar nas mesas e cadeiras dos restaurantes bem próximos à areia. Assim, chegando na praia, pegamos uma mesa bem na frente para olhar o mar e já pedimos um cerveja e uma caipirinha para curtir o dia.

Minha esposa tinha uma coleção de biquinis de putinha, desses bem ousados mesmo. E dessa vez ela pegou um todo branco e liso na parte de cima e na parte de baixo. Não falo isso porque sou o esposo dela, mas ela ficava muito gostosa com esse biquini, e ele deixava ela com a buceta bem avantajada. Além disso, bastava esse biquini ser molhado para ele ficar bem transparente mesmo.

Depois de bebermos mais um pouco, eu e a Paula fomos dar um mergulho para nos refrescar e, quando voltamos, vimos que a mesa de trás tinha sido ocupada por um negão com pinta de pagodeiro, com corrente e pulseira de ouro, óculos, chapéu panamá e sunga branca. Ele deveria ter uns 40 anos e estava sozinho, e já estava bebendo uma cerveja, todo tranquilão, típico de homem com a vida já ganha.

Então chegamos na nossa mesa e minha esposa, como sempre fazia, esticou a canga ao lado da minha cadeira para tomar sol, pois o sol estava atrás de nós naquele horário. Não foi nada planejado, mas ela ficou bem na frente do negão. E, na hora de esticar a canga, a minha esposa já deu uma bela de uma abaixada com seu biquini fio dental, que fez a bunda dela abrir toda para o negão.




Em seguida ela se deitou de barriga para cima. A Paula estava de óculos e também com uma viseira para proteger um pouco o rosto. Seu corpo estava bem esticado e com as pernas um pouco abertas, bem esparramada mesmo. O problema é que, quando ela se deitou assim, a buceta dela ficou bem testuda, e mostrava até um pouco do risquinho de sua xoxota.

Percebi que o negão estava só observando a minha esposa, comendo ela com os olhos. E ele estava sentado com as pernas abertas e dava para ver claramente que ele tinha um belo volume dentro da sunga. O clima ficou assim por vários minutos. De repente notei que o negão mexia no celular, e tive quase certeza que ele estava tirando foto da buceta da Paula. Talvez ele estivesse até mandando para os amigos e grupos no WhatsApp, pois estava sempre digitando.

Houve momentos em que ele ficou tão confiante e descarado, que ele até dava umas ajeitadas na rola dentro da sunga bem na frente da minha esposa, para ter certeza que ela estava vendo o volumão dele. Então, passados mais alguns minutos, ele se levantou para ir dar um mergulho e deu para ver que o pau dele estava bem marcado, um pouco mais duro que meia bomba, mas não durão demais.

E quando ele se levantou, ele fez questão de esticar o corpo e mostrar o pauzão para a minha esposa, que estava de frente para ele. Depois ele foi lá na água, se molhou rapidamente e voltou e se sentou na cadeira novamente, que na verdade era um camarote para ficar olhando a minha esposinha. Que safado! Apreciando o priquito da minha gostosa.

A Paula, que parecia já estar muito atiçada, se levantou um pouco e ficou em pé próxima de mim, tomando cerveja e caipirinha. Percebi que ela estava toda manhosinha e cheia de charme para o negão, que não tirava o olho dela.
- Vou dar mais um mergulho, tá? - ela falou, me deu um beijo na boca e saiu em direção à água, desfilando sua bunda gostosa naquele fio dental ousado e provocante.

Depois de se molhar, minha esposa voltou para onde eu estava, sempre desfilando e mostrando a buceta avantajada e os peitinhos gostosos. Os homens ao redor pareciam que iam ter um troço, de tão maravilhosa que a Paula estava. Então, para provocar os machos um pouco mais, ela ficou um pouco em pé para escorrer a água, bebendo e beliscando uma isca de peixe que tinhamos pedido.

Nessa hora deu pra ver que o biquini dela estava meio transparente e aparecendo um pouco o pretinho do pelinho de sua buceta, e estava marcando o grelo dela. Minha esposa estava um verdadeiro tesão. Eu, é claro, nem falei nada, e deixei ela bem à vontade. E o negão só de olho nela, inquieto e sempre com o celular apontado para a Paula, certamente tirando várias fotos dela.

Bebemos e comemos mais um pouco e então minha mulher resolveu se deitar na canga novamente, sempre fazendo movimentos sensuais. Ela apoiou o joelho e, na hora de se deitar, se arrebitou toda para arrumar a canga e ficou assim um tempinho, e só então se deitou, de bruços, ficando com aquela bunda gostosa na reta do negão, a um metro de distância. Por dentro eu já estava rindo, do tanto que o negão estava ouriçado por causa da Paula.

Minha esposa, safada como sempre, faz questão de ficar com as pernas bem abertas, mostrando todo o fundinho da buceta dela para o negão. Dava até para ver uns pelinhos escapando pela lateral do biquini. A provocação estava realmente a um nível muito elevado. Nessa hora o negão até se ajeitou na cadeira e ficou hipnotizado com a bunda e a buceta da Paula. Novamente ele pegou o celular e começou a tirar fotos da minha esposa e nem disfarçava direito, totalmente confiante.

Talvez ele tenha percebido naquela hora que a minha esposa era putinha e eu era corno, daqueles que gostam de ver sua mulher ser apreciada por outros machos. E, como eu dava a entender que não estava percebendo nada, o negão ficou ali admirando a minha esposinha e ficava ajeitando o pau na sunga toda hora. Acho até que essas mexidas na rola eram para se masturbar, pois parecia que ele já estava realmente cheio de tesão.

- Mô, pega o protetor e passa nas minhas costas! - a Paula me pediu, depois de mais um tempinho deitada de bruços. Fui até a bolsa, peguei o protetor, me agachei ao lado dela e comecei a passar o creme em seus ombros e costas.

- Passa no meu bumbum também, tá?... e nas pernas! - ela me pediu e obedeci de imediato, muito excitado. Espalhei creme na bunda dela e fiquei passando a mão para espalhar, e com esses movimentos eu abria a bunda da Paula para o negão apreciar ainda mais. De onde ele estava, com certeza, era possível ele ver muito bem o rêgo dela, e o fio dental bem enterrado entre as nádegas, roçando o cuzinho dela.

Fui até as pernas da Paula e passei o creme. Em seguida comecei a fazer uma massagem na minha esposa. Eu passava a mão nas virilhas dela e ela, propositalmente, empinava o bumbum cada vez mais, ficando bem arrebitada. Meu sangue fervia de tanta excitação. E o safado do negão devia estar ficando louco com a visão que ele estava tendo. E, para satisfazê-lo ainda mais, terminei de passar o protetor solar na minha esposa e ela continuou deitada na frente dele, se exibindo.

A distância entre o negão e a minha esposa eram de menos de dois metros. Por essa razão, ele podia vê-la em todos os detalhes, mas nós podíamos analisá-lo também. E percebi que ele estava com um pau durão, com uma ereção fortíssima. Estava realmente um clima de muito tesão e eu também estava de pau duro e melado. A Paula, por sua vez, estava cheia de tesão, muito manhosa, no cio, louca pra dar, e o negão só curtindo aquela azaração.

"Como eu vou fazer para esse negão meter na Paula?", comecei a pensar e bolar umas idéias. Nesse momento ele se levantou mais uma vez para dar um mergulho e logo em seguida eu fui também. Já na água eu me aproximei dele e puxei um assunto qualquer. Começamos a conversar e percebi o quanto o cara era muito gentil e educado, um sério candidato a faturar minha mulher.

O papo fluiu legal mesmo. Saímos da água conversando e fomos em direção à minha esposa, que continuava deitada de bruços, com a bunda bem empinada para os machos apreciarem.
- Amor, este é o Gilberto! - apresentei o negão à Paula e os dois se cumprimentaram com beijinhos no rosto.

- Oi, Paula... prazer... sou o Gilberto, mas todos me chamam de Giba! - ele disse à minha esposa e ficamos alí conversando. Então ele comentou que estava só curtindo uns dias de feriado e logo em seguida já voltaria para a sua cidade, e que estava no apartamento de uma amigo, que ficava de frente para o mar e que tinha uma bela vista. Enquanto ele falava a minha mulher não tirava os olhos dele.

- O que vocês acham de irmos até o meu apartamento pra gente tomar uma cerveja e apreciar a vista? - o Giba nos convidou. Mas eu sabia o tipo de vista que ele queria apreciar. O safado já estava com o pau muito duro e não parava de alisar as pernas da Paula, discretamente, é claro.
- Nossa... acho a idéia ótima! E você, amor? - minha mulher disse.

Topei também, pagamos a conta e fomos. E a Paula foi de biquini mesmo, nem quis colocar a saida de banho, e eu e o Giba de sunga. Rapidamente atravessamos a rua e chegamos no prédio, que era bem bacana mesmo. Chegando no apartamento ele foi logo pegando um cerveja para cada um de nós e foi nos mostrar o imóvel do seu amigo. Depois chegamos na sacada e realmente tinha uma vista muito linda.

Ficamos ali bebendo e conversando, e ele não tirava os olhos da minha esposa, e ela estava toda cheia de charme para ele, o que resultava em uma paquera gostosa. Eu e o Giba de pau duro, visivelmente duros, e a Paula nos provocando cada vez. Até que a minha esposa disse que iria fazer xixi e eu fiquei sozinho com ele. Era a hora de dar um basta naquela enrolação, que já estava me deixando cansado e agoniado.

- E aí, Giba? O que você achou da minha esposa? - perguntei a ele, bem direto.
- Cara, ela é muito bonita e muito simpática! Você é um homem de sorte, viu?
- Você achou ela gostosa? - perguntei e ele me olhou atentamente. Nessa hora ele entendeu que eu era um corno manso e assumido.

- Sim, cara! Achei ela bem gostosa, com todo o respeito! - ele falou, ainda meio receoso.
- Então, eu e a minha esposa somos um casal liberal... e eu adoro ver minha mulher transando com outros homens... e ela gostou de você, cara! E sou bem direto. Você quer comer ela? - falei, dando a carta final.

- Sim, claro! Com certeza... eu percebi desde lá na praia que vocês são bem liberais mesmo... eu sempre tive muito tesão por mulheres casadas, mas nunca tive uma chance! - o Giba me explicou.

- Sua chance é hoje, cara! Bom... eu vou falar com ela pra você meter gostoso nela... vamos fazer assim, quando ela voltar você diz que vai tomar uma ducha rapidinho e eu converso com ela... e conforme for eu falo para ela ir tomar banho junto com você, beleza?
- Sim, combinado...! - o negão concordou na hora, no exato momento que a minha esposa voltou.

- O que vocês estão cochichando aí, hein? - a Paula já foi nos perguntando.
- Nada, amor... eu estava falando com o Giba o quando você é bonita e gostosa! - expliquei.
- Ain, amor, eu nem sou tão bonita e gostosa assim! - minha esposa fez jeitinho de manhosa e respondeu.

- Giba, não é verdade que ela é bonita e gostosa? - falei. - "Dá uma voltinha pra ele, amor... deixa ele ver o quanto a sua bunda está gostosa nesse biquini! - concluí e peguei na mão da Paula e girei ela na frente do Giba, oferecendo ela a ele.
- Você é muito bonita e gostosa mesmo, gata... com todo o respeito, viu? - ele disse, com os olhos brilhando.

- Ain, obrigada, Giba você é muito gentil! - a Paula respondeu e me abraçou por trás, bem apertado. Quando ela faz isso eu sei que ela está me dizendo que vai dar para outro homem, mas eu continuo sendo o oficial. Pisquei para o Giba e ele entendeu.

- Então, fiquem à vontade que eu vou tomar uma ducha rapidinho e já volto! - ele falou e foi em direção ao banheiro, nos deixando sozinhos na sala.
- Amor, eu estava conversando com o Giba e ele está doidinho de tesão pra enfiar a rola em você... você quer? - falei bem rápido para a minha esposa.
- Ain, amor... como vocês são tarados! O que você disse pra ele? - ela quis saber.

- Pra não ficar enrolando muito eu decidi ir direto ao assunto e disse pra ele que somos um casal liberal e eu adoro ver minha esposa transando com outros homens... e ele disse que tinha desconfiado disso... e que adora mulheres casadas mas nunca teve uma chance de comer uma... você quer meter com ele, meu amor? - falei e abracei minha esposa, dando um selinho na boca dela.

- Ain, amor, Como você é tarado e safado... você sabe que eu adoro isso... e faz tempo que não saimos com ninguem, né?... a hora que eu fui fazer xixi, eu estava toda molhadinha de tesão... minha buceta está piscando! - a Paula falou e puxou o biquini para o lado. Passei o dedo na sua bucetinha e realmente estava bem melada.

- Então tá bom, amor! Eu combinei com ele que, se você topasse, você iria entrar no banheiro para tomar banho junto com ele... você quer mesmo ir? - perguntei à Paula, só para ter certeza de que ela estava realmente disposta a dar para nosso novo amigo negão.

- Ain, amor, eu quero sim! - ela falou e me abraçou, toda feliz. - Mas só se você estiver de acordo, tá?
- Claro que estou de acordo, minha putinha safada! - falei e dei um longo beijo na boca da minha mulher. - Agora tira esse biquini e vai lá que ele já está te esperando!

Quando falei isso a Paula ficou toda animada. De imediato ela desamarrou a parte de cima de seu biquini e eu, me abaixando na frente dela, tirei a parte de baixo, deixando-a peladinha para o Giba. Rapidamente ela foi até o banheiro e deu duas batidinhas na porta.
- Posso entrar? - minha esposa perguntou quando o Giba abriu um pouquinho a porta.

- Claro, meu amor... entra aí! - nosso amigo disse e abriu a porta para que a minha mulher entrasse no banheiro. Quando ele fez isso eu pude vê-lo pelado e com a rola balançando, meia bomba, mas muito grossa e comprida. A Paula já foi entrando no banheiro e logo estava com o negão no box. Foi coisa rápida. Em segundos os dois começaram a se beijar e passar a mão um no outro. E eu só olhando.

O Giba passava as mãos nos peitos da Paula, apertando, massageando. Depois ele ia até a bunda dela, na buceta, alisando e apalpando tudo, e a minha esposa pegava no pau dele, que estava cada vez mais duro. Era uma rola grande e grossa e minha mulher nem fechava direito a mão. "Caramba! Será que minha esposa aguenta essa vara?", pensei comigo.

Mas a Paula parecia não estar preocupada. Ela pegou na rola do Giba e ficou punhetando de leve, vendo o pau crescer ainda mais.
- Chupa, sua deliciosa... quer chupar a rola do negão, quer? - nosso amigo fez minha mulher se agachar e já foi colocando o pau em sua boca. Vi minha esposa abrir sua boca ao máximo para permitir a passagem daquela glande enorme, uma chapeleta que dava até medo.

- Hummmm... delícia de rola cheirosa... hummmmm... que pau gostoso...! - a Paula falou e ficou ali chupando a rola do Giba todinha. Ela chupava e punhetava ao mesmo tempo. Depois ela descia e beijava o sacão enorme, e voltava lambendo até a glande novamente. Que boquete mais gostoso que a minha mulherzinha estava pagando para o negão. Ela chupava com vontade mesmo, até que o Giba não aguentou e tirou o pau da boca dela, provavelmente para não gozar rápido demais.

- Vamos lá pra cama, sua deliciosa! - o negão falou para a minha esposa. Rapidamente eles se enxugaram só por cima e foram para o quarto. Fiquei só curtindo a cena, enquanto o Giba deitou a minha esposa na cama e abriu as suas pernas, deixando-a toda arreganhada, na posição de frango assado.
- Delícia de língua, Giba... hummmmm... chupa mais... vai... me chupa todinha... ahhhhhh...! - a Paula gemeu quando nosso amigo começou a lamber sua buceta.

Minha esposa se contorcia, cheia de tesão, na boca do Giba, e ela até segurava a pelinha do clitóris para o negão lamber bem em cima dele. E ele realmente sabia como deixar uma mulher louca. Enquanto chupava o clitóris da Paula, o Giba enfiava o dedo na buceta dela, melava bem, e depois levava a pontinha do dedo no cuzinho da minha esposa. Ela rebolava e se tremia toda de tesão. E eu com o pau para fora, batendo uma punheta e observando os dois.

Depois de mais alguns minutos o Giba se encaixou entre as pernas da minha mulher e ficou esfregando a cabeça da rola no clitóris dela, só torturando. Eu via a Paula jogar o corpo para a frente, querendo a penetração, mas ele recuava o pau, e depois voltava a passar a enorme glande dele entre os lábios vaginais dela.
- Mete, vai... mete esse pau na minha buceta... mete logo, seu safado gostoso! - a Paula começou a pedir, quase suplicando.

Finalmente o Giba encaixou a cabeça da rola na entrada da xoxota da minha mulher e empurrou.
- Ahhhhhhhhhhh... isso, seu tarado... negão safado... comedor de buceta... uhhhhhhhh...! - minha esposa gemeu quando a cabeça do pau entrou. Ela mesma movimentou o quadril e foi rebolando no pau do Giba, que foi escorregando lentamente para dentro da xaninha da minha amada. Nessa hora meu tesão foi lá nas alturas.

Ah, que delícia ver minha mulher ser fodida por um negão safado e pauzudo! E ela estava doidinha de tesão, mordendo o lábio inferior e olhando na cara do Giba. E nosso amigo enfiava um pouco, tirava quase tudo, e depois enfiava um pouquinho mais. E a Paula rebolando o quadril e empurrando a buceta na pica dele, até que entrou tudo, ou melhor, quase tudo, pois a vara do Giba era realmente muito longa e grossa.

Sempre tive o maior prazer em ver minha esposinha na rola de outro homem, mas dessa vez eu estava surpreso, ao perceber como a xoxotinha dela engolia o pauzão preto do negão, e ela parecia querer mais, mesmo sabendo que o pau dele não ia entrar mais que aquilo.

- Fode, seu safado... tarado... comedor de buceta de outro homem... ahhhhhhhh... que pau gostoso na minha buceta... está me rasgando... uhhhhhhh... delícia, delícia...! - minha mulher gemia como louca. E o Giba ficou metendo devagarinho, com movimentos longos e profundos. Quando ele puxava o pau para fora, a buceta da minha mulher parecia querer vir junto, apertando o pênis dele, não querendo soltar a pirocona.

- Tú é gostosa demais, sua safada... que delícia de buceta... vou te arrombar todinha! - o Giba falou para minha esposinha e foi aumentando o rítmo das socadas, até meter nela com vontade mesmo. E a Paula gemendo igual uma putinha daquelas bem escandalosas, gritando de tesão, pedindo para o negão arrombar a xota dela. E eu estava tão excitado que a cabeça da minha rola babava de vontade de gozar, mas eu queria curtir mais.

De repente nosso amigo colocou a minha mulher de quatro e foi por trás dela. Foi muita safadeza. Ele chupou a buceta dela por trás, lambeu o cuzinho, subiu beijando suas costas, beijou a nuca, e finalmente virou a cabeça da Paula para trás e a beijou na boca, um beijo de língua, cheio de putaria. Minha esposa gemia, toda manhosa.

Então o negão ficou novamente pincelando o pau na buceta dela, por trás, e a Paula com a bunda bem empinada, esperando ser penetrada com força. Mas o macho safado queria torturá-la mais um pouco.
- Vai, gostoso... hummmmmmm... mete na minha buceta, vai... soca nela... soca até eu não aguentar mais... ahhhh... delícia... me fode com esse seu pauzão, vem...! - minha mulher gemia e falava, muito ansiosa.

Assisti maravilhado quando o Giba encaixou a cabeça da pica na entrada da buceta da Paula e ficou parado. Novamente foi a minha esposa que ficou rebolando no pau dele, empurrando a bunda e engolindo a pirocona preta.
- Delícia, cara... que mulher mais gostosa... hummmm... eu meto numa safada dessa o dia inteiro, cara... puta que pariu... ahhhhhhhh... buceta gostosa demais! - nosso amigo falou e meteu na minha mulher com muita vontade.

A Paula gemia de tesão e rebolava gostoso, levando sua xoxota melada de encontro à rolona do Giba, que socava o pau sem dó, dando bombadas bem firmes e fundas.
- Isso... isso... gostosoooooo... ahhhhhhh... mais... mais... vou... ahhhhh... vou... soca tudo... isso... estou... gozandooooooooooo...! - minha esposinha avisou e gritou desesperada, tendo um fortíssimo orgasmo na rola do negão. O corpo dela começou a se tremer e se contrair todo.

O Giba, que até então estava tentando se segurar também, não aguentou e segurou minha mulher com força e deu mais umas bombadas. Foi muito gostoso ouvir o urro descomunal que ele soltou. Parecia um leão. O safado trincou os dentes e começou a gozar como louco, enchendo a buceta da Paula de porra. Foi uma cena incrível. Minha esposa paradinha, ainda tendo as contrações do seu orgasmo e o negão segurando firme as ancas dela e despejando toda a porra dentro de sua buceta.

Parecia que os dois estavam colados, gemendo. Então o Giba abraçou ela por trás e ficaram assim mais um tempinho, curtindo as últimas contrações do gozo. Em seguida o negão soltou a Paula e ela caiu para a frente, de bruços na cama, com a buceta escorrendo porra. Ao fazer isso, a rola do negão saiu de dentro da buceta da minha esposa todo babado e melado de porra. A Paula, safado como sempre, caiu de boca na enorme jiboia e chupou toda a gala, deixando a pica do Giba brilhando de limpa.

- Satisfeita? - falei para a Paula e comecei a rir. Ela e o negão riram também.
- Sim, meu amor... super satisfeita... e ela também! - minha esposa falou, passando um dedo na racha da buceta. Em seguida ela vestiu o biquini novamente. O Giba sugeriu um banho mas ela recusou. Nos despedimos e fomos embora, não sem antes pegar os contatos do negão para, quem sabe, voltarmos a repetir a aventura.

Chegando no carro eu dei um beijo bem gostoso na boca da minha esposa, sentindo o gosto da porra de outra macho na saliva dela. Isso é loucura, mas eu adoro! Enquanto nos beijávamos, enfiei a mão dentro do biquini dela e passei meu dedo na racha de sua xota. Ainda estava encharcada de porra. Pisei forte no acelerador para chegarmos logo em casa.

Mal entramos no nosso apartamento eu já joguei a Paula de quatro no sofá. Rapidamente puxei a calcinha do biquini para o lado e caí de boca na buceta dela, por trás. Chupei muito a xoxota e o cuzinho dela, saboreando o esperma fresco de outro macho. A porra saía da buceta da Paula e descia lentamente por suas coxas.

- Ahhhhhhhhhhhhhhh... safadoooooo... mete, meu corninho... safado...!! - minha mulher gemeu quando eu a penetrei ali mesmo, no sofá da nossa sala. Foram no máximo umas cinco bombadas e gozei como um cavalo.

Quem gostou do meu relato deixe contatos e comentários. Eu gostaria muito de conversar a respeito desse tema com homens e mulheres que também curtem o relacionamento aberto e respeitoso.

Você faria sexo com mulheres feias discretamente? Temos várias cadastradas no nosso site

Envie seu conto erótico ou estória verídica para publicarmos: Gostaria de publicar sua estória ou conto erótico em nosso site? Basta enviar para cintia_gomes@estoriasdesexo.com.br

Darei preferência aos contos inéditos, ou seja, que não foram publicados em outros sites do gênero. Também me reservo o direito de revisar seu texto (para deixar o português "tinindo" de bom).

Ao enviar o conto, não se esqueça de colocar um TÍTULO, CATEGORIA e o NOME DE USUÁRIO (aquele que aparece como a pessoa que publicou). O nome de usuário pode ser algo como "Menina Novinha", "Urso Carinhoso", "Pegador de Coroas", etc. No corpo do conto você poderá colocar seu e-mail para contato, se quiser, é claro.

Gostou Desta Estória? Compartilhe Com Seus Amigos

Dê sua nota para este conto erotico

Gostou deste conto erótico? Deixe sua nota:


Comentários

Nome: Regis
E-Mail: regisdoqueijo33@gmail.com
Data: 23/01/2020
Tô a disposição pra da prazer a casadas.77991996363

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia

Nome: Casadinha safada
E-Mail: lorenabomfimamaral@gmail.com
Data: 14/06/2020
Adorei esse conto adoraria trepar com outro macho na frente do meu marido! homens e mulheres da Bahia mim chama no email!
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia

Nome: Paulo E Michely
E-Mail: Casal4435iniciantes@gmail.com
Data: 22/09/2020
Adorei o conto e adoraria conversar sobre isso.
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia

Nome: Charles
E-Mail: Charlessoares085@gmail.com
Data: 23/09/2020
Me chama

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia


Deixe um Comentário

Quem quiser entrar em contato pra conversamos um pouco sobre sexo ou quem sabe fazer uma boa amizade, deixe os seus dados nos comentários abaixo que entro em contato.

Importante: Devido à reclamação de várias pessoas de que seus números de telefone estavam sendo postados aqui sem o seu conhecimento, permitimos agora somente o endereço de e-mail.

Contos Eróticos Relacionados

Novinha mostrou o cuzinho
Gatinha com sede de pica tira o short e a calcinha e faz um vídeo mostrando a bucetinha e o cuzinho todo depilado
Fodendo a safadinha no banheiro da festa
Novinha putinha queria mesmo uma pica bem grossa na xoxotinha. Depois de beijar o cara eles foram para o banheiro meter
Novinha deliciosa dançando
Gatinha linda começa dançando de shortinho e depois tira a blusa e a calcinha, ficando completamente peladinha

Veja mais vídeos pornô de novinhas

Consiga o WhatsApp de centenas de mulheres solteiras e casadas de todo o Brasil. Temos grupos de WhatsApp de putaria e muito mais. Cadastre-se gratuitamente

Alguns homens e mulheres recém-cadastrados no Classificados de Sexo
Quer conversar com eles? Basta enviar uma mensagem!

moreninhalinda
De: Porto Alegre - RS

Sou divertida sensual sexi e to aprocura de homens
Mensagem Chat
casalrp
De: Ribeirao Preto - SP

Olá SOMOS UM CASAL bem resolvidos e discretos, estamos a procura de uma mulher ou casal, que assim c
Mensagem Chat
deusasafada
De: Pedreiras - MA

Sou casada safadinha e adoro sexo, aventuras e novas experiências. me chama pra gente conversar.....
Mensagem Chat
menina_curiosa
De: Salvador - BA

Oi, pessoal, sou novinha e adoro sexo virtual. Fico toda meladinha quando estou conversando besteira
Mensagem Chat
negao_3535
De: Arcos - MG

super discreto a procura de aventura
Ver Perfil Chat
dorisly
De: Cabo Frio - RJ

Me acho uma mulher muito interessante e de dar inveja aos outros homens, pois sou liberal ao ponto d
Mensagem Chat

Veja mais usuários do sexo feminino e masculino

Últimos Comentários dos Leitores

Levando na buceta e no cuzinho: minha primeira dupla penetração
Prof grande disse:
Sou de SP...professor, 45 a 1m84 alt 88 k bco...gosto de casais que sonham fazer a 3, muito discreto e sigiloso... corpo bem cuidado, poucos pelos...

Eu, a mais puta de todas - Parte 1
disse:
Uma bosta esse estória....com certeza foi escrita por homem....pois só fala do prazer do homem que é focado na rola apenas...homem quer socar a rola na buceta, no cu, na boca...mas mulher gosta mesmo é de ser comida com aboca no corpo inteiro, inteiro mesmo....a rola fica pro final

Muito excitada e com meu irmão dormindo do meu lado. Não resisti e dei pra ele
Hermes Dagoberto disse:
Olá, achei interessante sua puplicação e gostaria de ver se é pertinente colocar em meu site que é:

planosdesaudehdm.com.br

Um forte abraço.

Bebi demais e dei para um cachorro pela primeira vez
Hassan disse:
Que delicia e bem gostoso quero videos +258845336332

Conhecendo na Net
Beto disse:
Larissa vc e de onde meu zap 34992599777 me procura do pica pra vc

Estou perdidamente apaixonada pelo meu cachorro Ringo - Parte 1
Cicero da costa disse:
Oiê Isabella adorei seu conto, fiquei super excitado e estou esperando ansioso a segunda parte.
Bjs

A fantasia do meu marido
Emano disse:
Muito bom seu conto, foquei cheio de tesão na verdade esse também é minha fantasia de ver minha esposa gozando gostoso em outro pau na minha frente ,já falei pra ela mas a resposta é que vai fica só na minha cabeça mas fico de pau duro quando emagino.

Muriel e seu cachorro Valente
Cicero da costa disse:
Oiê Jaci, adorei o conto, parabéns fiquei de pau duro e latejando de tanto tezao imaginado vc e a Muriel grudadas em seus dogs, se puderem me mandar vídeos de vcs grudadas com seus dogs ficaria muito feliz.
Bjks e curtem muito seus dogs
ZAP 11 95437 7981

Muriel e seu cachorro Valente
Cicero da costa disse:
Oiê Jaci, adorei o conto, parabéns fiquei de pau duro e latejando de tanto tezao imaginado vc e a Muriel grudadas em seus dogs, se puderem me mandar vídeos de vcs grudadas com seus dogs ficaria muito feliz.
Bjks e curtem muito seus dogs

Muriel e seu cachorro Valente
Anônimo(a) disse:
Oiê Jaci, adorei o conto, parabéns fiquei de pau duro e latejando de tanto tezao imaginado vc e a Muriel grudadas em seus dogs, se puderem me mandar vídeos de vcs grudadas com seus dogs ficaria muito feliz.
Bjks e curtem muito seus dogs

Meu cunhado me pegou de jeito
Marcelo disse:
Esse conto foi muito gostoso

Perdi meu cabaço na escola
Anônimo(a) disse:
gostei 33999505688

Sofri na rola do Carlinhos [Conto erótico gay]
Dadá 69 disse:
Delícia de conto, Como se diz, "O tempo não voltam o que volta é a vontade de voltar no tempo". Que saudades dos roca troca na infância, A última vez que fiz, fui só ativo, meu primo não quis me comer. Penso que por isso ficou a vontade de dar o cuzinho até hoje rsrsrs. Agora, só com travesti,

Como eu perdi minha virgindade no pau do nosso jardineiro bêbado
João disse:
Como encontro a segunda parte do seu conto

A fantasia do meu marido
Marco Antônio disse:
Adoraria conhecer vocês, meu ZAP 32988888297

Me arrependi de querer ver minha esposa com outro
Marco Antônio disse:
Gostaria muito de ser convidado por um casal assim, moro em Minas Gerais, meu ZAP 32 988888297

Casadinha feliz
Diogo disse:
Ola sou louco para pegar um loirinha, deve ter a buceta branquinha, ou pegar uma novinha deve ser uma delicia, ou pegar mae e filha😬 tambem pegar uma casada na frente do marido eita, mulher q esta ai cheia de tesÃo me chama no zap 11947841246

Me arrependi de querer ver minha esposa com outro
Diogo disse:
Ola sou louco para pegar um loirinha, deve ter a buceta branquinha, ou pegar uma novinha deve ser uma delicia, ou pegar mae e filha😬 tambem pegar uma casada na frente do marido eita, mulher q esta ai cheia de tesÃo me chama no zap 11947841246

Traindo meu marido no hotel
TOTAL CONSULTAS disse:
Ola ! Estoriasdesexo

Total Consultas - Consultas Cadastrais de CPF/CNPJ Online, sob medida para sua empresa.

***** Sistema Pre-Pago e Pacotes/Planos Pos ******

***** NOVO PACOTE DE CONSULTAS - RESTRICOES COMPLETAS ***** SEM CLAUSULAS DE FIDELIDADE ****

***
O Pacote contempla: 10 (dez) consultas de Restrições Completas de CPF ou CNPJ, com Protestos a Nivel Nacional; ou 6 (seis) consultas de CPF/CNPJ - Restrições Completas + Score de Credito; ou 12 consultas de pendencias/negativacao destalhadas.
-----
Ideal para empresas que realizam somente consultas de débitos, negativacoes, pendencias financeiras a nivel nacional.
Consulte Pacotes com quantidades maiores.
****
*
**** Retorno da Consulta ******
*
Consulta atraves do número do CPF/CNPJ, as Pendencias financeiras e os Protestos a nivel Nacional (todas UFs), podendo ou Nao ser adicionado o Score de Credito.

O sistema também apresenta:

- Sintese cadastral
- Registro de débitos
- Dividas vencidas
- Cheques sem fundos (CCF)
- Cheques - Todas ocorrencias.
- Restricoes comerciais dos segmentos do comercio, industria, servicos e bancos.
- Detalhamento das pendencias e protestos a nivel nacional por UF Regionalizados.
- Síntese cadastral
- Alerta de Documentos Roubados
- Status do CPF/CNPJ na Receita Federal
*

******** Conheca outras Consultas *******
*
- Consultas de Faturamento de Empresas.
- Consultas de Restricoes completas.
- Consultas Completas de CPF/CNPJ.

$$$$ REDUZA OS CUSTOS DE SUA EMPRESA .

***** ACESSE O SITE ! WWW.TOTALCONSULTAS.COM.BR *****

***** Contrate e Resolva tudo pelos Canais Digitais *****

***** Consultas por WhatsApp ******
Escolha a consulta, pague e receba pelo whatsapp e por email.

***** Quer saber mais ! Informacoes somente pelos canais de atgendimento do site. *****

Atenciosamente

Levi Nasser.

.totalconsultas.com.br

Marido bêbado dormindo e outro homem comeu sua mulher
Velho sifide disse:
Vc deve ser muito gostosa
Queria muito comer essa buceta

Contos Eróticos Sugeridos

Contos Eróticos Mais Vistos

Categorias de Contos Eróticos

Vídeos Pornô de Novinhas
Anal / Sexo Anal
Diversos
Em Público
Fantasias
Fetiches
Gatas/Gatos
Gays/Lésbicas
Héteros
Incesto
Jovens X Mais Velhos
Masturbação
No Emprego
Orgias
Sadomasoquismo
Teens - Jovens
Traições
Três ou Mais
Zoofilia