Feriado do prazer

Enviado por Morena Casada em 23/10/2016
Encontros Casuais | Compre produtos eróticos sem sair de casa

Categoria: Traições | Visitas: 40754
Avaliação: [Votar]
6 Comentários [Comentar]

Oi, meu nome é Lívia e por várias semanas não tive nenhum contato com o Diego. Estive evitando ele das mais diversas formas. Ele me enviava várias mensagens, fotos suas, de seu pau duro, perguntava se eu tinha gostado, e eu resolvia ignorar tudo.

Ele chegava ao ponto de me enviar fotos minhas toda gozada por sua porra e me esculhambava, mas eu apenas visualizava e resolvia ignorar. Houve até um dia que ele, como sempre ousado, foi me procurar na faculdade. Eu me escondi dele e suava frio.

Parecia que eu estava fugindo do bicho papão (e eu estava, rsrs). Só de pensar que se ele me achasse eu seria fodida pra valer, como ele sempre fez comigo, eu ficava super excitava. Consegui escapar dele e em casa não resisti.

No banheiro eu toquei uma siririca tremenda pensando no Diego me fudendo pra valer numa das salas da faculdade, me esculhambando e metendo com vontade seu puta cacetão na minha bunda. E eu até sonhei em nós dois nos encontrando e fazendo muitas outras loucuras.




Passei alguns dias imaginando isso e pensei em ligar para o safado ou mandar mensagem, mas desisti. E também não recebi mais mensagens dele de forma alguma. Comecei a pensar que talvez ele tivesse arrumado outra putinha pra ele se aproveitar dela como fez comigo.

Pois bem, no último dia 7, feriado, minha familia toda foi lá pra casa. Foram meus pais, minhas irmãs, meus cunhados, meu afilhado e o... Diego. Vou contar direitinho o que aconteceu.

Estávamos preparando o almoço e alguns dos convidados estavam na sala conversando e se descontraindo. De repente escutei alguém bater no portão.
- Amor, veja quem é... estou ocupada aqui! - pedi ao meu esposo.
- Deve ser o Diego! - meu marido respondeu.

Eu não acreditei no que o meu marido tinha acabado de dizer. Fiquei logo nervosa, meu coração acelerou e comecei a me tremer. Minha mãe percebeu na hora.
- O que é isso, minha filha? Está sentindo bem? - ela me perguntou.
- Não é nada, mãe! - sorri sem graça pra ela e ela logo tomou o talher da minha mão.

- Vai conversar com os seus amigos... deixa que eu faço isso! - minha mãe falou, percebendo claramente o quanto eu estava perturbada.
- Tá bom! - respondi, respirei fundo e resolvi encará-lo, pois eu já o ouvia entrando e conversando com meu esposo, já que eles são muito amigos.

- Oi! - falei timidamente quando ele entrou e nossos olhares se encontraram.
- Oi, Lívia! - ele falou, cínico, e me abraçou.
Eu não retribui o abraço, e fiquei mais nervosa ainda. Eu sabia que ele estava fazendo aquilo de propósito.

- Lívia, convidei o Diego... ele também vai passar o dia com a gente! - meu marido acrescentou. "Ah, corno!", pensei ao ver meu esposo todo animado. De repente minha irmã falou, da cozinha, que estava precisando de mais algumas coisas pro almoço e que os homens eram quem iriam comprar.

O Diego se sentou bem à vontade no sofá e disse:
- Puxa vida! Acabei de chegar, estou cansado!
- Fica aí, cara! Descansa... eu e o pessoal aqui vamos! - meu marido respondeu.
Fiquei desesperada, só pelo pavor de ficar sozinha com o Diego novamente.

- Amor, eu também vou! - falei prontamente.
- Nada! Fica aí, Lívia! - meu marido retrucou.
- Mas eu preciso ir... tenho que comprar uma sandália nova! - insisti e meu esposo ficou meio aborrecido.

- Lívia, só vai homem... fica aí com as mulheres... e com o Diego... Hahaha, esse cara é fraco, viu! Vamos, pessoal! Voltamos já! - ele finalizou e vi que não tinha jeito mesmo. Meu marido então chamou todos os homens da casa para irem com ele e deixou só o Diego em casa, comigo e com as outras mulheres.

Aproveitei que o Diego estava assistindo TV e as outras mulheres estavam na cozinha e no quintal e resolvi sair de mansinho e ir para o quarto, sem que ele me notasse. Porém, quando eu ia fechando a porta do quarto para relaxar, ele a empurrou de uma vez.

- Seu maluco! O que você quer?! - falei baixinho.
- Ora, o que eu quero? Você sabe muito bem o que eu quero! - ele falou sarcasticamente.
- Não!! Sai, Diego... senão eu vou gritar!

- Você não é doida, Lívia... - ele retrucou e pensei bem. Quem mandou meu marido convidar minha maior tentação? Ia levar mais chifre. Com medo de chamar a atenção das outras mulheres da casa, resolvi abrir a porta e o deixei entrar. Ele a trancou cuidadosamente e voou em cima de mim.

- Diegoooooooooooo... meu deussssss... meu marido vai te matar se pegar a gente... - tentei falar mas a boca dele grudou na minha, me dando um beijo que me deixou completamente tonta. Uma de suas mãos entrou por baixo do meu vestido e já foi puxando minha calcinha para baixo.

Que loucura! Um tesão incontrolável tomou conta de mim. Ainda de vestido e com a calcinha na altura das coxas eu me entreguei ao Diego e deixei ele agir. Parei de resistir e de repente eu estava ali, toda excitada na frente dele. Com jeitinho ele terminou de tirar minha calcinha, me deitou de ladinho na cama, levantou meu vestido e se encaixou atrás de mim.

- Ohhhhhhhh... - gemi gostoso quando o pau dele encontrou a entradinha da minha buceta e deslizou pra dentro de mim. Minha xoxota estava tão babada que a pica dele entrou sem qualquer dificuldade e ele começou a me comer de ladinho, dando beijinhos na minha nuca.

- Sua puta safada... vocẽ queria isso, não era?! - ele falou com a boca colada no meu ouvido. Eu gemia toda dengosa, mas não respondia a ele. Ele me pegava de jeito pelo pescoço e seu mastro me penetrava bem fundo. Empinei mais a bunda, facilitando a penetração.

Eu ainda estava de vestido e sutiã, mas sua mão atrevida conseguiu encontrar meus seios e começou a brincar com os biquinhos durinhos de tanto tesão. Eu estava totalmente dominada pelo seu toque, e aquilo parecia mágica. Virei o rosto pra ele, procurando sua boca para beijá-lo enquanto ele me comia sem dó.

- Ai, Diego, seu safado... quando isso vai acabar? Isso é loucura... ohhhh - falei e ele continuava me comendo com vontade. Resolvi me soltar e curtir o que aquele safado estava fazendo comigo.
- Nossa... esse seu pauzão é incrível! Oh! caralho... - falei bem baixinho.

Logo ele parou de meter em mim, me segurou firme pelos cabelos e me colocou pra chupar seu cacete melado.
- Delíciaaaaa... que pica mais gostosa...! - eu olhava pra ele com cara de safada e falava, tentando abocanhar tudo.

- Vai, Lívia! Engole tudo, sua puta! - ele falou e fiz o que ele me ordenou. Eu o enlouqueci completamente com a minha boquinha quente e molhada. Enquanto eu mantinha seu cacete dentro da minha boca eu olhava pra ele sorrindo. O safado estava louco de tesão, eu sabia.

- Aaaaaaa... Líviaaaaaa! Caralhoo! Estou gozandooooo... - ele falou e senti seu pau pulsar. Ele havia gozado na minha boca. Eu recebia toda aquela porra e engolia tudinho, fazendo bem meu papel de puta safada. Chupei a pica dele até sair todo o restinho de esperma.

Quando eu pensei que havia acabado, fiquei de pé para me dirigir até o banheiro lavar minha buceta e me juntar às outras mulheres. Ele me pegou de repente, por trás, e me empurrou contra a parede.
- Diego... meu deussss... não podemos demorar muito! Vão notar! - falei ofegante.

- Cala a boca, sua puta! Você vai pagar por ter me desprezado! - ele falou e me segurou fortemente por trás. Senti uma de suas mãos levantar e segurar meu vestido na altura da minha cintura. O pau dele, mesmo já tendo gozado, estava muito duro e se encaixou na racha da minha bunda.


- Aiiiiiiii... Diegoooooo... aí atrás não... meu deusssss... - falei quando aquele cacete melado entrou no meu cú. Eu estava esperando ele enfiar na minha buceta e fui pega de surpresa. A cabeça daquele puta cacetão estava adentrando uma vez mais minha bunda.

A dor veio forte mesmo. Mas em seguida o prazer me consolou. Apoiei meus braços na parece e empinei mais a bunda, ficando dormente e relaxada, me sentindo ótima, sendo fodida mais uma vez pelo meu Diego gostoso.

- Olha só, Lívia, seu cuzinho está apertando meu cacete... ele quer mais, não quer? - ele falou me segurando firme pela cintura. Eu olhei pra ele e novamente abri aquele sorriso safado.
- Você sabe que adoro fazer isso com você... eu amo... mete, vai... já que você veio aqui pra isso... aproveita! - falei entre gemidinhos de dor e prazer.

Eu não estava acreditando naquilo. As outras mulheres na cozinha e no quintal, conversando alto, e eu trancada no meu quarto com o Diego, no mesmo quarto que durmo com o meu marido. Que sacanagem mais gostosa. E o safado do Diego metendo no meu cú, me fodendo por trás, me apertando contra a parede, puxando meus cabelos com violência e eu enlouquecendo de prazer.

- Diegoooooooo... meu deussssss... vou gozarrrrrrrr... vou gozar, meu macho gostosooo... - falei e comecei a dedilhar meu clitóris como louca.
- Também vou gozar, minha cachorra safada... goza comigo... gozaaaa! - o Diego falou e me apertou mais ainda.

Quase chorei ao gozar. Minha vontade era gritar e xingar o Diego de todos os nomes possíveis. Mas gozei quietinha, sem fazer qualquer barulho. Foi uma gozada muito incrível, e uma vez mais ele encheu meu cú de porra. Quando ele me soltou e o pau dele saiu do meu cú eu me deitei na cama para o esperma não escorrer para o chão.

- Caralhooooo!! Olha o que você fez, Diego... - falei, deitada de bruços na cama com o cú aberto e o mostrei todo cheio de sua porra pra ele. Ele sorriu e veio pra cima de mim novamente. De repente escutei a moto do meu marido chegando e buzinando ao portão e me desesperei.

Bem rápido eu vesti minha calcinha, desci meu vestido e arrumei meu sutiã, enquanto o Diego correu para o quarto de visitas bem ao lado, com suas roupas nas mãos, pelado no corredor. Quando me lembro disso eu penso no risco que corremos. Foi mesmo uma loucura.

Eu fui receber o pessoal de volta com a bunda toda cheia de porra, suada, descabelada e com um sorriso ultra falso.
- Ai, que calor! Casa quente, né? - eu reforcei quando me olharam e perceberam como o meu rosto estava vermelho.

- Vai tomar um banho, amor! - meu marido rebateu.
- Agora não... mais tarde! - falei. "Quero ficar um pouquinho mais com a porra de seu amigo dentro de mim, seu corno!", pensei logo em seguida.

- Cadê o Diego? - meu marido perguntou.
- E-E-está no quarto de visitas! - eu respondi apreensiva.
- Ei, cara! Diego? Fazendo o quê?
- Vou tomar banho... me empresta uma toalha sua! - o Diego respondeu no automático e quase deixei escapar uma risadinha.

Tudo ficou bem. Todos se acomodaram e fomos eu e meu esposo para o quarto. Lá discutimos, pois ele percebeu que não gostei dele ter chamado o Diego para passar o feriado conosco. Para disfarçar eu alimentei o pensamento dele explicando que deveria ser apenas coisa de família, não entre amigos.

Mas por dentro eu estava tão feliz que o Diego estava ali pra me fuder. Meu marido nem imaginava a felicidade que ele estava me proporcionando por ter convidado seu amigo do peito para ficar um dia com a gente.

Um pouco mais tarde fomos todos almoçar. Claro que para provocar, eu usei um shortinho preto e uma blusinha que realçava meu decote. O Diego não parava de olhar para os meus seios e eu, de vez em quando, dava uma olhada pra ele.

Eu percebia que ele me comia com os olhos, e aquela situação me deixou toda molhadinha. Se ele pudesse, ali mesmo ele me foderia. Meu esposo estava empolgado, combinando de ir à praia jogar bola com o pessoal. Todos confirmaram presença e até o Diego disse que iria.

Assim, ficou combinado que todos nós iríamos à praia depois do descanso do almoço. Porém, eu e o Diego, os dois sem-vergonhas, combinamos pelo chat do celular de ficarmos e nos divertirmos um pouco em casa.

Cochilei um pouco e logo meu esposo veio me chamar para sairmos. Inventei que estava com cólicas e indisposta. Ele insistiu, mas eu acabei definindo que não ia de forma nenhuma e ali, deitada na cama, fiquei. Quando o silêncio tomou conta da minha casa, sai do quarto e fui dar uma olhada.

Ninguém estava em casa, somente eu... e o Diego deitado na rede na varanda. Meu coração começou a palpitar. Respirei fundo e já fiquei toda excitada. Fui novamente checar se não havia realmente ninguém em casa além de nós dois, e não havia mesmo.

Toda feliz eu fui correndo pra varanda e me agachei perto da rede dele. Ele parecia estar dormindo mesmo. Comecei a acariciar seus mamilos, beijei seu peitoral de mansinho, chupei um de seus mamilos suavemente e ele acordou. Não trocamos palavras, apenas olhares e sorrisos safados.

Fui baixando até chegar na minha parte predileta, seu cacete que já estava durão e, a esta altura, já havia se tornado propriedade minha. Comecei a mamar na pica do Diego loucamente, babando nela todinha. Eu chupava com tanta volúpia e o escutava gemer.

Meu deusssss!! Eu estava com tanta saudade daquela rola que não conseguia parar de chupá-lo, não conseguia tirar aquele pauzão da minha boca. E foi aí que resolvi proporcionar uma novidade a ele. Preparada para a ocasião eu até já estava sem sutiã. Tirei minha blusinha e fiz uma espanhola no pau maravilhoso do Diego.

Ele amou minha iniciativa.
- Porra, Lívia... você sabe ser cachorra mesmo, né, caralho! - ele falou e não aguentou. Fiz ele gozar nos meus seios fartos. Depois me deitei com ele na rede e ficamos um tempo namorando e ouvindo música.

Logo meu fogo voltou e fomos para a sala. Lá no sofá fizemos um delicioso 69. Enquanto eu me deliciava com seu cacete, o Diego abocanhava minha xoxota molhada de tesão e enfiava seus maiores dedos bem devagarzinho no meu cu.
- Ahhhhhh, Diego, ahhhh... caralhoooooo! Lambe meu cuzinho, lambe... humm - eu gemia gostoso e falava.

Aquilo foi demais. voltei a chupá-lo e eu sentia meu cu sendo fodido por sua língua melada, e em seguida cuspidas e dedadas, enquanto eu me deliciava com seu pau totalmente atolado em minha boca. Não resisti mais e gozei feito louca.

- Toma, sua puta... você pediu e agora vai ter! - o Diego falou e, sem deixar eu recuperar o fôlego, já foi logo me pegando de lado e me fudendo. Seu pau entrou suave em mim e eu o olhei com uma cara de satisfação mordendo os lábios e gemendo baixinho.

Trepamos com muita vontade mesmo. Ele me comia de lado e eu gritava feito uma puta, gemendo e xingando ele.
- Aaaa! Vai, caralho, vai, Diego, me fode, vai!
- Lívia... empina essa bunda pra mim, vai, quero te fuder de quatro!

- Seu escroto... taradoooooo! - falei e bem rápido empinei minha bunda abrindo meus fundos pra ele me comer com tudo. Comecei a piscar meu cu, me preparando para o melhor.
- Ohhhhhhhhhh... Vai, Diego, vai! Me fode feito uma cachorra, vai, fode essa sua puta, fode!

Ele continuou fodendo minha buceta, mas desta vez com o dedo atolado na minha bunda. Foi demais. Ele me fodia pra valer enquanto eu gemia e gritava, e apertava seu dedo no meu cu.
- Ai... Diegoooooo! Ai! Eu te amo, caralho! Eu te amo, Diego!

- Vamos pra cama, amorzinho... eu quero que você foda meu cu lá! - falei e já fui puxando o Diego pelo pau. Fomos rapidinho, pois eu não queria perder tempo. Chegando lá eu fiquei na mesma posição, toda empinada pra ele. O Diego subiu em cima de mim e bem devagarinho foi atolando seu puta cacete em mim.

O pau dele entrava e saia do meu cú, me deixando cada vez mais dilatada. De vez em quando ele tirava a pica e cuspia dentro, e eu ficava esperando com o cuzinho todo aberto e gemendo. Seu pau gigante foi penetrando meu reto e eu já estava toda arromabada e gozada.

- Vai, amor... vai! Ahhhhhhh! Eu estava esperando tanto por isso! Fode esse cu, fode! Ele é todinho seu! Aaaai! - falei, naquele vai e vem gostoso, curtindo o Diego entrando e saindo e eu apertando seu pau.

- Líviaaaa! Aaaa, eu vou gozar! - ele gritou de repente.
- Isso, amorzinho, goza vai! Enche meu cu de porra, vai, do jeitinho gostoso que você sempre faz! - falei e ele começou a dar mordidinhas no meu pescoço, nuca e ombros. Ele ia gozar no meu cu de novo, do jeito que eu gosto.

Eu falava num tom bem puta pra ele, até que eu senti seu pau pulsar dentro de mim e aquela porra quente saindo, enchendo e melando todo meu reto. Foi demais! Alí eu fiquei empinada e toda gozada por uns dez minutos, só gozando daquele momento maravilhoso.

Em seguida fomos tomar banho, juntos, é claro. Nos lavamos, nos beijamos, nos acariciamos e, como estávamos loucos um pelo outro, ali no banho mesmo, fodemos novamente, ou melhor, tentamos, pois estávamos já bastante fracos.

Quando meu marido chegou com o restante da família, eu e o Diego estávamos no sofá assistindo TV, claro, eu bem distante dele. O corno do meu marido nem desconfiou.

Todos estavam exaustos, inclusive eu e o Diego (rsrsrs), e já se preparavam para ir embora, e infelizmente, o Diego também. Eu não queria deixar ele ir, e aquela sensação voltou, coração apertado, fiquei logo tremendo e corri para o quarto. Alí, sozinha no banheiro, toquei uma siririca lembrando da nossa foda.

Tirei a calcinha e coloquei dentro da mochila do Diego, que estava no quarto de visitas. Minha calcinha gozada como lembrança. Ele com certeza iria gostar muito.

Hora da despedida, desta vez dei um abraço nele lhe agarrando pelo pescoço e ele me pegou pela cintura. A família toda estava se despedindo e conversando, e ninguém notou nosso abraço safado e cheio de intenções. Se pudessemos, ali mesmo nos beijaríamos.

- Coloquei um presentinho pra você na sua mochila, seu safado! Eu te amo, Diego! - falei bem discreta pra ele quando nosso abraço terminou.
Ele, sorrindo feito um safado, agradeceu e foi se despedir dos outros, e em seguida foi embora em sua moto.

Mais tarde eu e meu marido discutimos, pois para ele, eu não soube ser anfitriã da casa, não agradei os visitantes, não saí com eles, ficou um visitante em casa (o Diego) e eu não o servi bem. Eu, calada, escutei e pedi desculpas.

"Ele quem pensa que o Diego não saiu daqui satisfeito... inocente!", pensei e comecei a sorrir por dentro.

Você faria sexo com mulheres feias discretamente? Temos várias cadastradas no nosso site

Envie seu conto erótico ou estória verídica para publicarmos: Gostaria de publicar sua estória ou conto erótico em nosso site? Basta enviar para cintia_gomes@estoriasdesexo.com.br

Darei preferência aos contos inéditos, ou seja, que não foram publicados em outros sites do gênero. Também me reservo o direito de revisar seu texto (para deixar o português "tinindo" de bom).

Ao enviar o conto, não se esqueça de colocar um TÍTULO, CATEGORIA e o NOME DE USUÁRIO (aquele que aparece como a pessoa que publicou). O nome de usuário pode ser algo como "Menina Novinha", "Urso Carinhoso", "Pegador de Coroas", etc. No corpo do conto você poderá colocar seu e-mail para contato, se quiser, é claro.

Gostou Desta Estória? Compartilhe Com Seus Amigos

Dê sua nota para este conto erotico

Gostou deste conto erótico? Deixe sua nota:


Comentários

Nome: Fogoso
E-Mail: Ronaldo.05@hotmail.com
Data: 23/10/2016
Aí morena casada cara de sorte este Diego se fosse eu que te pegasse te foderia de todas as formas na cama no banheiro no chão do quarto e de brinde pro corno te ordenava que ficasse com a buceta cheia da minha porra ora ele chupar sua xana penssando que vc tava melada era de tanto tesão vc morena e outras mulheres afim de muito sexo porra é prazer serem dominadas meu zap(32)99969-5217 suspensão curiosos
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia

Nome: Albert Farias
E-Mail: fariasantos25@gmail.com
Data: 24/10/2016
Muito bom o conto adorei
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia

Nome: Nelson
E-Mail: nelson0153@hotmail.com
Data: 25/10/2016
Depois dizem que perigo não provoca prazer, bobo é quem diz isto, pois só de pensar nos riscos eu já me excito...
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia

Nome: A. Oliveira
E-Mail: anthonyphysique@gmail.com
Data: 25/10/2016
Me chama no whats.098992284270
Vamos fazer amizade 😈❤

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia

Nome: junior
E-Mail: jose.edilson@hotmail.com
Data: 27/10/2016
adorei as mulheres q gosta de sacanagem minchama no zap 962952638
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia

Nome: junior
E-Mail: jose.edilson@hotmail.com
Data: 27/10/2016
adorei as mulheres q gosta de sacanagem minchama no zap 962952638
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário
Chat de Sexo | Sex Shop Goiânia


Deixe um Comentário

Quem quiser entrar em contato pra conversamos um pouco sobre sexo ou quem sabe fazer uma boa amizade, deixe os seus dados nos comentários abaixo que entro em contato.

Importante: Devido à reclamação de várias pessoas de que seus números de telefone estavam sendo postados aqui sem o seu conhecimento, permitimos agora somente o endereço de e-mail.

Contos Eróticos Relacionados

Loirinha delícia desfilando na praia
Vejam que bundinha mais gostosa, balançando de um lado para o outro. Na hora já imaginei a bucetinha dela no meu pau
Comendo o cú da amiga da namorada
Minha namorada caiu na besteira de me apresentar a sua amiga gostosa. Não deu outra. Levei a safada para o motel e comi o cú dela
O melhor boquete da minha vida
Novinha safada chupa meu pau bem devagar e pede pra eu gozar em sua boquinha linda

Veja mais vídeos pornô de novinhas

Consiga o WhatsApp de centenas de mulheres solteiras e casadas de todo o Brasil. Temos grupos de WhatsApp de putaria e muito mais. Cadastre-se gratuitamente

Alguns homens e mulheres recém-cadastrados no Classificados de Sexo
Quer conversar com eles? Basta enviar uma mensagem!

moreninhalinda
De: Porto Alegre - RS

Sou divertida sensual sexi e to aprocura de homens
Mensagem Chat
casalrp
De: Ribeirao Preto - SP

Olá SOMOS UM CASAL bem resolvidos e discretos, estamos a procura de uma mulher ou casal, que assim c
Mensagem Chat
deusasafada
De: Pedreiras - MA

Sou casada safadinha e adoro sexo, aventuras e novas experiências. me chama pra gente conversar.....
Mensagem Chat
menina_curiosa
De: Salvador - BA

Oi, pessoal, sou novinha e adoro sexo virtual. Fico toda meladinha quando estou conversando besteira
Mensagem Chat
negao_3535
De: Arcos - MG

super discreto a procura de aventura
Ver Perfil Chat
dorisly
De: Cabo Frio - RJ

Me acho uma mulher muito interessante e de dar inveja aos outros homens, pois sou liberal ao ponto d
Mensagem Chat

Veja mais usuários do sexo feminino e masculino

Últimos Comentários dos Leitores

Gozo gostoso na pica do meu irmão roludo
TIAGO RIBEIRO GOMES disse:
Vou deixar meu ZAP pra gente conversar melhor (61)994551406

Foi por acidente... pelo menos na primeira vez
Gilvan Santos. disse:
Gostaria de conhecer mulheres praticantes ou iniciantes em zoofilia pra podermos trocar muitas ideias sobre zoo
No aguardo

Foi por acidente... pelo menos na primeira vez
Gilvan Santos. disse:
Gostaria de conhecer mulheres praticantes ou iniciantes em zoofilia pra podermos trocar muitas ideias sobre zoo
No aguardo

Muito excitada e com meu irmão dormindo do meu lado. Não resisti e dei pra ele
Rosalina disse:
Morning

Meet your best Buds - True Wireless Earbuds with amazing sound, convenience, portability, & affordability!

Order yours now at 50% OFF with FREE Shipping: musicontrol.online

Best regards,

Rosalina
Muito excitada e com meu irmo dormindo do meu lado. No resisti e dei pra ele - Contos Erticos, Estrias de Sexo e Relatos Sensuais

Estou perdidamente apaixonada pelo meu cachorro Ringo - Parte 1
Gilvan Santos disse:
Muito bom esse conto me deixou gozando
Gostaria de conhecer mulheres que gostem de zoo pra nós nos deliciarmos se possivel praticar virtualmente

Comendo a Gabi, minha filha caçula
Anônimo(a) disse:
Dou muitas risadas ao ler os comentários.
Oooo!!! Gente idiota; isso é ao um conto.

Dei minha bucetinha e meu cuzinho para o amigo do meu marido
ricardo disse:
me liga mulherada sou casado 11988994432

Surpreendida e enrabada
gostosona disse:
quero ser arrombada por alguns homens me liga 11993257302

Adoro tomar no cú desde mocinha
ROGÉRIO MOREIRA disse:
Adoraria poder comer um cuzinho e uma bucetinha de coroas ambos os sexos que estejam acima dos 60 anos posso ajudar vcs em tudo o que precisarem , ajudar nos seus banhos nas suas alimentações nas suas necessidades quaisquer que sejam estou desempregado preciso trabalhar posso fazer seus serviços na suas casas não cobro caro só me chamar no meu email rgfotos1@hotmail.com

A fantasia do meu marido
Anônimo(a) disse:
Excelente conto. E o sonho que tb tenho

A crente casadinha e o pedreiro safado
Regis disse:
Sou coroa + tenho muita experiência adoro da prazer as casadas e novinhas zap 77.99199.6363 principalmente da minha cidade Vit da conquista

Deixei esfregar e não aguentei
qeadQcAI disse:
LsSpFyBrbuCcvHq

Deixei esfregar e não aguentei
ixVvKzpPujM disse:
pVYlkeFRHBsdQDj

Muito excitada e com meu irmão dormindo do meu lado. Não resisti e dei pra ele
Hans disse:
Hey there

World`s Best Neck Massager Get it Now 50% OFF + Free Shipping!

Wellness Enthusiasts! There has never been a better time to take care of your neck pain!
Our clinical-grade TENS technology will ensure you have neck relief in as little as 20 minutes.

Get Yours: hineck.online

The Best,

Hans
Muito excitada e com meu irmo dormindo do meu lado. No resisti e dei pra ele - Contos Erticos, Estrias de Sexo e Relatos Sensuais

De tanta curiosidade pelo sexo anal, entreguei meu cuzinho
juliano disse:
oi. gostei muito do seu site, vou verificar toda semana as atualizações.Obrigado

Amamentei diariamente o safado do meu vizinho
Paulo disse:
Quero alguém de santa catarina . Manda msg pra nós conhecermos. .. Tudo discreto e sigiloso

Traindo meu marido no hotel
Ariana Langrin disse:
Que neste ano atípico que passamos, a ressureição de cristo possa renovar suas forças e sua esperança.

“Determinarás tu algum negócio, e ser-te-á firme, e a luz brilhará em teus caminhos.” (Jó 22.28.)

Que o Senhor inspire o seu coração a planos, projetos e “NEGÓCIOS” firmes, cheios de excelência, e que você em todo tempo seja “DETERMINADO” para que a “LUZ” celestial “BRILHE” em todos os teus “CAMINHOS”.

“O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia". (II Pedro 3.9a.)

Deus jamais "RETARDA" a sua "PROMESSA", Ele nunca falha, Creia!; Deus tem o controle de todas as coisas e sabe de tudo o que você necessita antes mesmo de pensar ou pedir. Confie!

Uma ótima páscoa para você e toda sua família.

São os sinceros votos
de toda equipe
DivulgaMais

De tanta curiosidade pelo sexo anal, entreguei meu cuzinho
sander disse:
gostei muito do seu site e do conteúdo. vou acompanhar toda semana as atualizações

Traindo meu marido no hotel
TOTAL ECOFLEX disse:
Ola ! Estoriasdesexo


Apresentamos os Carrinhos de Plastico Ecoflex .

Ecoflex: plastico reciclavel e ecologicamente correto.

**** Ofereca o melhor para seu cliente ***** A partir de R$515,00.

*** IDEAL para SUPERMERCADOS, EMPORIOS, CONDOMINIOS, HOSPITAIS, FARMACIAS, PETS, EMPORIOS e LOJAS.

- Presente nas prinicipais redes do pais. Pao de Acucar, Cobasi, Pets, Carrefour, Mundo Verde, drogarias, supermercados, entre outras redes de lojas.

****

- Livre de Ferrugens e Perda de Brilho
- Maior resistencia a choques com outros carrinhos, prateleiras e elevadores.
- Manutencao Simples. Basta lavar com agua e sabao.
- Nao apresentam trincas, ranhuras, desbotamento de cores.
- Rolagem sem ruidos.
- Otima resistencia aos raios UV e agentes atmosfericos.
- Ecologicamente correto e 100% reciclaveis.

*** MODELO VERTICAL - TOTAL 25 - COM 2 CESTOS REMOVIVEIS DE 12,5L . ***** Necessario para todas as lojas e perfeito para lojas com pouco espaco e corredores estreitos.

**** DIVERSAS CORES ****
*
Capacidades: 25L, 60L, 90L, 120L, 150L-Abastecedor, Compacto 60L e Cestos de 12,5L

*** VENDAS - VENDAS - VENDAS - VENDAS ****
email: carrinhosecoflex@gmail.com

***** Conheca todos os modelos do facebook e instagram. ******
*
*
Instagram/Facebook: Total Ecoflex
*
*
**** Solicite uma apresentacao em PDF. ******

ATENCAO ! ***** SOMENTE RESPONDEREMOS, POR SEGURANCA, PELOS CANAIS ACIMA. Utilize o codigo abaixo no assunto para identificar-se..

CODIGO = ZEc8vEY3

-
atenciosamente


Total Ecoflex - Distribuidor/Revenda Autorizada


Adelaide Costa


Contos Eróticos Sugeridos

Contos Eróticos Mais Vistos

Categorias de Contos Eróticos

Vídeos Pornô de Novinhas
Anal / Sexo Anal
Diversos
Em Público
Fantasias
Fetiches
Gatas/Gatos
Gays/Lésbicas
Héteros
Incesto
Jovens X Mais Velhos
Masturbação
No Emprego
Orgias
Sadomasoquismo
Teens - Jovens
Traições
Três ou Mais
Zoofilia