Estórias de Sexo - Contos Eróticos e Experiências Sexuais

Consiga o WhatsApp de centenas de mulheres solteiras e casadas de todo o Brasil. Temos grupos de WhatsApp de putaria e muito mais. Você é ou quer ser acompanhante ou garota de Programa? Cadastre-se gratuitamente

O inesperado aconteceu em nossa viagem - Parte 2


Enviado por Corninho dela em 28/06/2018
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto

Categoria: Traições | Visitas: 4184
Avaliação: [Votar]
4 Comentários [Comentar]

Este conto é a sequência de uma história verdadeira que aconteceu comigo e minha esposa durante uma viagem para o Recife. Para quem não leu a primeira parte intitulada "O inesperado aconteceu em nossa viagem - Parte 1 - O início", sugiro que leia antes de continuar, pois somente assim ficará inteirado de como se deu o início deste acontecimento que mudou radicalmente as nossas vidas e, confesso que mudou para melhor.

Bom, vamos aos fatos: No dia seguinte fomos à Praia dos Carneiros. Quem já esteve naquela praia sabe que é muito bonito aquele lugar, e lá ficamos o dia todo. Minha cabeça parecia um computador em processamento, tentando resolver um problema muito difícil ou desvendar um enigma. Estava complicado para eu digerir tudo aquilo.

Talvez minha esposa pensasse que tudo aquilo se tratava de uma brincadeira. Ou não. Quem sabe ela estaria levando a situação a sério? Era difícil de saber sem perguntar ou falar sobre o assunto e ver a reação dela. O problema era que, depois da noite anterior, ela não tocou mais no assunto, e muito menos eu. Mas da minha parte não foi por falta de vontade.

Eu queria comentar, acho que para esvaziar um pouco minha mente daqueles pensamentos, e ter uma opinião dela sobre o assunto. Mas me faltou coragem porque tudo era muito novo pra nós. Jamais falamos ou comentamos algo parecido em nossos relacionamentos. Sem falar que eu tinha uma reputação a zelar e, desta forma, fiz de tudo pra não tocar no assunto e tomei uma decisão.


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Se a Bruna mencionasse alguma coisa e dependendo de sua reação, eu agiria de acordo com ela. Caso contrário eu ficaria na minha, embora não estivesse nada fácil.



Antes do sol se pôr, minha esposa quis voltar ao hotel. Ainda argumentei com ela que o lugar era gostoso, bonito e que poderíamos aproveitar um pouquinho mais. Porém, não era isso que ela queria.
- Amor, eu gostaria de curtir um pouco na piscina antes de escurecer... sem falar que nós marcamos com o Sérgio de nos encontrarmos lá, ou você se esqueceu? - ela disse, toda manhosa.

Acabei concordando com ela e retornamos para o hotel. Durante o trajeto de volta, que durou mais ou menos uma hora, não pude deixar de ter alguns pensamentos maliciosos. "Será que ela quer voltar mais cedo por causa do Sérgio?". "Será que ela tá levando tudo a sério mesmo e já está planejando algo?". Fiquei pensando coisas deste tipo e, como ela havia mencionado ele, acabei criando coragem para tocar no assunto que me atormentava.

- Amor, o que você acha do Sérgio? - perguntei, um pouco apreensivo.
- Como assim? - ela se fez de desentendida.
- Sei lá, do físico, da presença..., coisas que uma mulher repara em um homem...! - insisti. - Mas me diga abertamente... sem mentiras... seja verdadeira!


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana


A Bruna ficou quieta por um momento.
- Hhhuuummm, sei lá... ele é um coroa bonito, é alto, é esbelto, tem um corpão!... ele é o tipo de homem que toda mulher gostaria de ter, ué! - ele disse. Conforme ela ia falando, ao contrário de eu ficar com ciúmes, eu ia ficando excitado. Não sei o porquê disso, mas fiquei contente com a declaração dela e parecia que era aquilo que eu gostaria de ouvir da minha esposa.



"Nossa! Isso tá ficando emocionante, mas onde será que vai parar?", pensei comigo.
- Mas por que você quis saber a minha opinião sobre ele? - minha esposa me perguntou, depois de me falar o que ela achava sobre o Sérgio.
- Nada... só curiosidade mesmo... nada demais! - respondi e ela sorriu.
- Hhhuuummm, você tá bem curioso, né? - ela disse e demos uma enorme gargalhada.


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana


Eu queria fazer uma pergunta que poderia definir toda a situação e ver se eu estava sozinho nesta loucura toda ou se ela estava comigo. Mas resolvi esperar a gente chegar ao hotel. Mesmo após ter percebido a espontaneidade com que ela falou sobre o Sérgio, eu ainda sentia certo receio de ultrapassar as fronteiras do desconhecido (pelo menos para nós).

Assim que chegamos ao hotel fomos direto pra piscina. Não demorou muito e o Sérgio apareceu. Notei que a Bruna ficou toda sorridente, e o semblante dela mudou radicalmente. Dava para perceber nitidamente que ela estava contente com a chegada dele. O Sérgio, muito educado e cavalheiro, a cumprimentou com um beijo em sua mão.
- Nooooooossa!... Que cavalheiro! - ela disse, toda sorridente e feliz.

- Uma dama como você, Bruna... deve sempre ser tratada com todo cavalheirismo! - ele respondeu, olhando fixamente nos olhos da minha esposa.
- Caramba!... mulher... você tá podendo, heim? - brinquei, sorrindo também.
- Não é todo dia que a gente encontra um cavalheiro como o Sérgio! - minha mulher comentou, com um belo sorriso nos lábios.

Depois de toda aquela frescura eu fui até a recepção pedir para que enviassem um garçom até a nossa mesa, pois fazia um bom tempo que não aparecia nenhum por lá. Quando eu estava voltando, notei que o Sérgio estava mais próximo da minha esposa e que os dois conversavam como se fossem velhos amigos, muito sorridentes. Mas o que me chamou mais a atenção foi que a Bruna estava com uma das mãos sobre a coxa dele e, quando ela percebeu que eu estava voltando à mesa, ela tirou rapidamente.

O mais engraçado foi que aquilo não me abalou e nem fiquei com ciúmes. Acho que eu estava ficando imune a esse tipo de sentimento. Eu me sentia bem confortável com a situação. Deixei a Bruna com toda liberdade para conversar com nosso amigo. O clima era bem agradável entre nós, que conversávamos, ríamos e brincávamos sobre diversas coisas.

Quando o Sérgio saiu pra ir ao banheiro, minha mulher chegou bem pertinho de mim me deu um beijo na boca.
- Tá tudo bem, amor? - ela me perguntou, com aquela carinha safada.
- Sim, está tudo bem, querida.... vocês podem ficar à vontade... o Sérgio é um cara legal e eu estou curtindo a amizade dele! - respondi.
- Mas tá tudo bem mesmo amor? - ela enfatizou a pergunta.

Aí foi a minha vez de perguntar:
- Mas por que você está insistindo nesta pergunta, amor?... eu, por acaso, demonstrei algum desconforto até agora?
- Não, querido... pelo contrário, você tá bem legal e tô gostando do seu jeito!... meu maridinho lindo! - ela concluiu e me deu um beijo nos lábios. Me limitei a sorrir.

- É que eu nunca fui de ficar papeando deste jeito... com toda liberdade com outro homem e, então, às vezes fico preocupada! - a Bruna disse, depois de olhar ao redor.
- Amor, fique de boa! Continue assim, você esta radiante e se sentindo feliz... isso é o que me importa! - falei, para encerrar o assunto de uma vez por todas.

Ela me deu um beijo novamente.
- É por isso que eu te amo tanto, querido! - ela falou, toda melosa. Trocamos mais alguns carinhos e logo o Sérgio voltou, com mais um baldinho de cerveja.
- Pô, cê tá a fim de nos embebedar é? - perguntei a ele.

- Essa é mesmo a minha intenção, Humberto! - ele prontamente respondeu e caímos os três na gargalhada.
"Você tem outras intenções além dessa, seu safado... eu sei!... você está doido pra meter na minha mulher!", eu pensei, no meu íntimo, e sorri maliciosamente para a minha esposa. Pela cara que ela fez, pareceu até que a safada ouviu meus pensamentos. "E essa aí está doida pra levar a vara do sujeito!", pensei, mal acreditando naquilo.

Depois de mais algumas cervejas, notei que quando a Bruna ia falar com o Sérgio, ela colocava a mão sobre sua coxa e às vezes, até alisava. Confesso que aquilo me dava um tesão danado. Em alguns momentos eu saía pra ir ao banheiro e demorava um pouquinho mais, apenas para deixá-los sozinhos e ver como tudo progredia. Em uma destas idas ao banheiro, ao retornar, vi que o Sérgio estava bem perto da Bruna falando algo em seu ouvido e ela estava sorrindo, satisfeita.

Como eu estava atrás de uma porta de vidro, permaneci parado ali mais um pouco, a fim de observar. Aquela visão da minha esposa se derretendo para outro homem estava me deixando louco de tesão. E fiquei mais ainda quando o Sérgio começou a passar sua mão sobre o braço dela. Meu pau ficou duro e a minha vontade era ficar parado mais tempo só observando e ver se aconteceria algo diferente.

Mas eu já havia demorado muito e os funcionários do hotel podiam perceber as minhas intenções. Por isso resolvi retornar à mesa. Tão logo cheguei, o Sérgio se levantou dizendo que iria dar um mergulho na piscina. E quando ele se levantou, deu para ver nitidamente que ele estava de pau duro.

Por ele estar de sunga, era fácil notar, pela silhueta e o volume que fazia em sua frente, que ele deveria ter um cacete enorme e, o que eu achei interessante, foi que da mesma maneira que aconteceu no barzinho, quando retornou da pista de dança com a minha esposa, ele nem tentou disfarçar. Eu é que tentei disfarçar meu olhar e fiz de tudo para não fixar os meus olhos naquele volumão de rola. Mas, mesmo sendo rápido, não pude deixar de notar o tamanho, ou melhor dizendo: tamanhão da vara.

Depois que o Sérgio entrou na piscina, a Bruna saiu para ir ao banheiro e passou caminhando próximo a ele, que estava na outra lateral da piscina. Minha mulher estava com um biquíni fio dental enfiado todinho na racha do cú, o que deixava sua bunda exposta completamente. E o que mais me intrigou é que ela parecia se exibir para o nosso amigo, que a observava fixamente e até parecia que iria comê-la com os olhos. O coitado estava quase babando.

"Para o Sérgio estar de pau duro desse jeito, a conversa entre os dois deveria ter sido bem picante! Que sujeito mais safado!", pensei imediatamente. Aquilo aguçou ainda mais o meu tesão e finalmente comecei a gostar da ideia de ver nosso amigo fodendo minha esposa. Neste momento já não havia mais dúvida. Aquela fantasia se instalou em minha mente e eu gostaria que ela se realizasse.

Entretanto, isso não dependia só de mim. Agora dependia única e exclusivamente da Bruna, já que a buceta era dela, é claro. Ela podia tanto concordar como discordar completamente, e eu nem sabia como falar isso para ela. Talvez minha esposa estivesse apenas curtindo todo aquele exibicionismo e o joguinho de sedução e nada mais.

Ambos sabíamos que dali a dois dias iríamos embora e tudo aquilo ficaria para trás. Sem falar que a minha vida de homem íntegro, direito e honesto, que sempre demonstrei para a minha esposa, me deixava envergonhado só de pensar no fato de ver ela com outro homem. Agora imagina eu pedir isso a ela, pedir para ela dar para outro cara. Nossa! Era muito complicado.

Assim, resolvi esperar uma oportunidade onde eu teria a deixa apropriada para pôr meu plano em prática. Plano este que era de vê-la transando com o Sérgio. Todavia, se tal oportunidade não surgisse eu deveria me conformar com o fato e continuar apenas com a fantasia.

Como já estava escurecendo e só havíamos nós três ali na piscina, resolvi dar um pouquinho mais de corda e deixá-los sozinhos um pouco mais de tempo. Falei para a minha esposa que eu subiria até o nosso quarto a fim de pegar o carregador do celular e que logo retornaria. É claro que eu não precisava de carregador coisa nenhuma, e a Bruna sabia disso.

Mas ela nem questionou o motivo, coisa que em uma situação normal, ela perguntaria com certeza. A janela do nosso quarto tinha vista para o mar e a gente podia dali observar tranquilamente toda a área em volta da piscina. E, quando olhei pela janela, percebi que o Sérgio já havia saído da piscina e estava sentado ao lado da Bruna. Notei que depois de um tempinho, o Sérgio se aproximou dela e falou algo no seu ouvido, e Bruna levou a mão até a coxa dele, como fez anteriormente.

Eu já havia chegado ao quarto com o meu pau duro, de tantas coisas que passavam por minha cabeça. Meu tesão era tanto que tirei a pica pra fora e comecei a bater uma punheta. Hoje eu percebo que naquelas alturas dos acontecimento eu já estava pronto pra me transformar no mais novo "corno" da orla brasileira, e é claro que eu não aguentei quase nada e gozei abundantemente no chão.

Depois dessa punheta, ao contrário da outra vez que me masturbei, não bateu nenhum arrependimento e nem me deu nenhuma sensação estranha. Eu até que fiquei de boa, querendo algo mais. Depois de limpar a meleca toda que eu havia feito no piso do quarto, me deitei um pouco na cama para esperar o meu coração desacelerar e me recompor para voltar à piscina.

Desci e ficamos conversando mais um pouquinho, os três. Como já estava ficando escuro, eu a minha esposa resolvemos ir para o nosso quarto, e o Sérgio permaneceu na piscina. Assim que chegamos no quarto, nos deitamos na cama e ficamos assistindo TV. Eu confesso que eu apenas olhava para a tela da TV, porém não assistia nada.

Minha mente estava envolvida com outras coisas que seriam: Como eu poderia fazer para aquela situação que estávamos vivenciando se desenrolar para os finalmentes? De repente, a Bruna se virou para mim, colocou sua cabeça sobre meu ombro e começou a alisar minha barriga e levou a mão até meu pau, que ainda estava mole.

- Amor, naquela hora que eu subi aqui no quarto para pegar o carregador... olhei pela janela e vi que o Sérgio estava falando algo em seu ouvido... o que era? - perguntei para a Bruna.
- Hhhuuummm, tá com ciúmes é? - ela olhou para mim, com cara de safada, e perguntou, sem responder à minha pergunta.
- Claro que não, querida... estou de boa... aliás, desde o começo estamos conversando abertamente sobre isso... não há motivos para envolver ciúmes nisso, você sabe!

- Amor, você está mesmo de boa?..., eu posso ficar tranquila? - minha mulher me perguntou, ainda sem responder a minha pergunta.
- Sim, estou de boa mesmo! - respondi e ela, bem safadinha, ficou alisando o meu pau.
- Sabe, amor... quando você foi ao banheiro, o Sérgio disse em meu ouvido que eu estava muito linda ontem à noite, e que ficou encantado!

- Sério? - perguntei, demonstrando interesse.
- Sim... e depois que você veio buscar o carregador, ele falou em meu ouvido que quando dançou comigo a noite passada, ele ficou muito excitado! - minha esposa falava, quase sussurrando. Meu pau levantou na hora com a confissão da Bruna. Ela percebeu o meu tesão.
- Quer saber mais? - ela me perguntou.
- Sim... quero sim... conta mais! - respondi rapidamente.

Minha mulher, nesse momento, já estava percebendo o meu estado de excitação.
- Tá preparado para o que eu vou revelar? - a Bruna me perguntou novamente. Nossaaaaa! Naquele momento eu tive que tirar a mão dela do meu pênis, pois caso contrário eu iria gozar.
- Tô preparado sim, amor!... pode contar!

- Naquela hora que estávamos na piscina, ele disse que estava excitado como na noite anterior, e perguntou se eu gostaria de comprovar! - ela me revelou. Meu sangue ferveu nas veias.
- Sério?!?... ele falou isso mesmo? - perguntei, muito animado.
- Sim, querido!... eu fiquei muito curiosa, e levei a mão até a coxa dele, mas não tive coragem de continuar... e fiquei apenas alisando sua perna!

- Você ia mesmo pegar no pau dele?!? - perguntei, muito excitado mas um pouco agoniado.
- Então, amor... ele... ele pegou minha mão e levou até o cacete dele... amor... eu apertei... e percebi o quanto aquilo é grande... e como estava duro! - ela finalmente falou, me olhando fixamente nos olhos. Deus do céu! Minha esposa tinha tocado a rola de outro homem.

E enquanto ela estava me relatando, eu já havia segurado a sua mão para que ela não continuasse com o movimento de masturbação em meu pau, porque eu não estava aguentando de tanto tesão. E, ao ouvir aquela confissão, surgiu a grande oportunidade que eu pacientemente aguardava, para fazer aquela pergunta que eu não havia feito no carro, quando retornávamos da Praia dos Carneiros.

Então percebi que esse era o momento certo de dar início ao meu plano de realizar a minha mais nova e louca fantasia. Com a respiração ofegante, dado ao meu estado de excitação, eu fiz a pergunta fatal:
- Amor, você... você teria coragem de transar com o Sérgio? - Pronto! Essa era a pergunta que eu tanto queria fazer. Ela olhou pra mim e sorriu, mas não respondeu. Ficou apenas alisando e olhando para o meu pau.

- E aí? teria ou não, amor? - perguntei novamente.
- Claro que eu teria coragem, querido! - ela olhou para mim e disse. Diante daquela afirmativa eu prossegui.
- Você tá mesmo a fim de transar com ele? - fiz a derradeira pergunta.
- Depende...! - ela disse, sem demorar desta vez. Mas não respondeu minha pergunta.

Aquela situação estava realmente acabando comigo. Eu não queria me apressar, queria que tudo fluísse normalmente.
- Mas, depende de que? - perguntei.
A Bruna sempre foi muito esperta. Eu sabia que ela não iria apenas responder sem antes me fazer confessar o meu desejo e, já impaciente diante da demora de uma confirmação, eu perguntei novamente:

- Depende de que, meu amor?
- Depende..., porque se meu maridinho quiser mesmo ver a sua esposinha transando com outro homem... eu tô a fim sim! - ela finalmente respondeu e já subiu sobre mim e me beijou deliciosamente.
- Você está querendo me ver transando com o Sérgio?... me fala... você tá querendo ver sua esposa debaixo de outro homem? - a Bruna me perguntou, com a boca encostada no meu ouvido.

Meu pau já estava em plena ereção, e eu não via a hora de engatá-lo todinho na buceta da Bruna, e gozar lá dentro, ejacular dentro da xaninha dela igual um cavalo desesperado.
- Responda pra mim, amor... fala... você realmente quer ver eu dando para o Sérgio? - ela insistiu e não mais resisti.
- Quero, querida... quero sim! - respondi sem titubear, com a voz muito ofegante.

- Então eu quero que você diga pra mim... o que você realmente quer? - a safada me perguntou.
- Amor, eu quero ver você transando com o Sérgio... quero ver você dando pra ele, querida... quero ver aquele pauzão dele nessa sua bucetinha gostosa! - falei no ato, sem mais demoras, e puxei a calcinha dela de lado, tentando penetrar o meu pau em sua xaninha, que já estava toda encharcada. Mas ela me impediu.

- Nãooooo!... já que você quer me ver transado com ele... ligue agora para o quarto dele e chame ele pra vir aqui tomar uma cervejinha com a gente! - ela falou e saiu de cima de mim.
- Querida...! - tentei falar.
- Ligue agora, amor... senão mudo de idéia! - ela me interrompeu. - E enquanto você fala com ele, eu vou tomar um banho e me preparar, pra poder ficar bem gostosa pra ele!

Caramba! Minha mulher estava me matando de tesão agindo daquela maneira, e juro que eu jamais tinha imaginado que ela poderia se tornar aquela mulher safada que estava ali na minha frente. Hoje eu percebo claramente que ela estava desempenhando certinho o papel de como deveria ser a esposa de um corno manso. E não perdi tempo. Se era para acontecer, tinha que ser naquele momento.

Enquanto ela foi tomar banho eu liguei para o Sérgio. Já eram 21:00hs e o meu temor era de que ele já estivesse dormindo ou tivesse saído. Meio trêmulo e acanhado eu liguei no interfone dele, que tocou três vezes. Quando ele finalmente atendeu eu senti um certo alívio em saber que ele estava lá.

- E aí, amigão? Que tal a gente tomar uma "saideira" aqui em nosso quarto? - perguntei, um pouco indeciso ainda. Houve um silêncio do outro lado, e meu coração, que já estava acelerado, praticamente disparou, querendo sair pela minha boca.
- Me deixa trocar de roupa e logo estarei aí! - o Sérgio respondeu, depois daquele breve silêncio.

- Cara, não precisa se trocar não... pode vir com a roupa de dormir mesmo!
- Você tem certeza disso, Humberto? - ele perguntou, e percebi excitação em sua voz.
- Sim, tenho certeza!
- Já estou indo aí no apartamento de vocês! - ele disse. Nessa hora eu percebi que o negócio era pra valer mesmo. Eu ia ser corno mesmo.

[Continua em: "O inesperado aconteceu em nossa viagem - Parte 3 - Final"]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Envie seu conto erótico ou estória verídica para publicarmos: Gostaria de publicar sua estória ou conto erótico em nosso site? Basta enviar para cintia_gomes@estoriasdesexo.com.br

Darei preferência aos contos inéditos, ou seja, que não foram publicados em outros sites do gênero. Também me reservo o direito de revisar seu texto (para deixar o português "tinindo" de bom).

Ao enviar o conto, não se esqueça de colocar um TÍTULO, CATEGORIA e o NOME DE USUÁRIO (aquele que aparece como a pessoa que publicou). O nome de usuário pode ser algo como "Menina Novinha", "Urso Carinhoso", "Pegador de Coroas", etc. No corpo do conto você poderá colocar seu e-mail para contato, se quiser, é claro.

Gostou Desta Estória? Compartilhe Com Seus Amigos

Dê sua nota para este conto erotico

Gostou deste conto erótico? Deixe sua nota:


Comentários

Nome: Reginaldo Ferreira Santana
E-Mail: reginaldosantana41@hotmail.com
Data: 29/06/2018
Muito bom não demore para o final estou aguardando

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Sergio
E-Mail: Sergiolpaulo@ Gmail.com
Data: 29/06/2018
Gostei muito do conto eu também tenho um desejo de ver alguém comendo minha mulher só que a minha vontade e ver o cara comendo ela mais sem ele saber que eu estava vendo

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Negrão sp
E-Mail: Jeferson.inacio2012@gmail.com
Data: 30/06/2018
Bom dia adorei esse conto gostaria de fazer contato gostaria de realizar algum desejo mandar Jeferson.inacio2012@gmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Picanegragrossa
E-Mail: eder7l92@gmail.com
Data: 05/07/2018
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Mulheres chamem la

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário


Deixe um Comentário

Quem quiser entrar em contato pra conversamos um pouco sobre sexo ou quem sabe fazer uma boa amizade, deixe os seus dados nos comentários abaixo que entro em contato.

Importante: Devido à reclamação de várias pessoas de que seus números de telefone estavam sendo postados aqui sem o seu conhecimento, permitimos agora somente o endereço de e-mail.

Contos Eróticos Relacionados

Vídeos Recomendados do site videosdesexonovinhas.com.br

O melhor boquete da minha vida
Novinha safada chupa meu pau bem devagar e pede pra eu gozar em sua boquinha linda
Namorada dormindo
Enquanto minha namorada dormia eu filmei a bunda dela para mostrar aos meus amigos. Vocês concordam que ela é gostosinha?
Novinha deliciosa dançando
Gatinha linda começa dançando de shortinho e depois tira a blusa e a calcinha, ficando completamente peladinha
Novinha filmada usando o toilet
Garota vai ao banheiro e não sabe que está sendo filmada
Fodendo a safadinha no banheiro da festa
Novinha putinha queria mesmo uma pica bem grossa na xoxotinha. Depois de beijar o cara eles foram para o banheiro meter
Namorada perfeita
Morena novinha e deliciosa tira a calcinha e mostra sua bundinha redondinha e empinada. Em seguida ela mostra a pepeca lisinha

Veja mais vídeos pornô de novinhas

Consiga o WhatsApp de centenas de mulheres solteiras e casadas de todo o Brasil. Temos grupos de WhatsApp de putaria e muito mais. Cadastre-se gratuitamente

Alguns homens e mulheres recém-cadastrados no Classificados de Sexo
Quer conversar com eles? Basta enviar uma mensagem!

moreninhalinda
De: Porto Alegre - RS

Sou divertida sensual sexi e to aprocura de homens
Mensagem Chat
casalrp
De: Ribeirao Preto - SP

Olá SOMOS UM CASAL bem resolvidos e discretos, estamos a procura de uma mulher ou casal, que assim c
Mensagem Chat
deusasafada
De: Pedreiras - MA

Sou casada safadinha e adoro sexo, aventuras e novas experiências. me chama pra gente conversar.....
Mensagem Chat
menina_curiosa
De: Salvador - BA

Oi, pessoal, sou novinha e adoro sexo virtual. Fico toda meladinha quando estou conversando besteira
Mensagem Chat
negao_3535
De: Arcos - MG

super discreto a procura de aventura
Ver Perfil Chat
dorisly
De: Cabo Frio - RJ

Me acho uma mulher muito interessante e de dar inveja aos outros homens, pois sou liberal ao ponto d
Mensagem Chat

Veja mais usuários do sexo feminino e masculino

Últimos Comentários dos Leitores

Sozinho com minha cunhada e com minha sobrinha [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Kaique disse:
Cara comeu a cunhada?!
Me enviei
Me chamem no email sou de goiania!!!

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Meu primeiro ménage à trois [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Casal amigo disse:
Estamos procurando um casal para nós iniciar no menage somos maduros faixa dos 40 mais somos casal bonito e saudável ela loira e eu um belo homem aguardo algum comentário e a sim começar uma conversa

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Estou dando para um velho babão e meu marido não sabe - Parte 2 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Fogoso safado disse:
Hum delicia vc gata sou umcoroa safadofaminto domunadorvc e outras gatas que curtam sexo e prarzer posso viajar zap dd trinta e dois nove meia dois desssete mechamam amo chupar ma buceta um cuzinho

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Como virei mulherzinha debaixo do meu cachorro [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Roger disse:
Sou separado, 45 anos de idade, posso viajar e quero algo sério com mulher entre 25 e 40 anos. Faz um tempo que busco. Ajuda financeira. Contato pelo e-mail: gatodapipa2011@hotmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Foi por acidente... pelo menos na primeira vez [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Roger disse:
Sou separado, 45 anos de idade, posso viajar e quero algo sério com mulher entre 25 e 40 anos. Faz um tempo que busco. Ajuda financeira. Contato pelo e-mail: gatodapipa2011@hotmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Bebi demais e dei para um cachorro pela primeira vez [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Roger disse:
Sou separado, 45 anos de idade, posso viajar e quero algo sério com mulher entre 25 e 40 anos. Faz um tempo que busco. Ajuda financeira. Contato pelo e-mail: gatodapipa2011@hotmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Acordei com a língua do meu cãozinho Fuffy na minha buceta [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Roger disse:
Sou separado, 45 anos de idade, posso viajar e quero algo sério com mulher entre 25 e 40 anos. Faz um tempo que busco. Ajuda financeira. Contato pelo e-mail: gatodapipa2011@hotmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha primeira vez com um cachorro [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Roger disse:
Sou separado, 45 anos de idade, posso viajar e quero algo sério com mulher entre 25 e 40 anos. Faz um tempo que busco. Ajuda financeira. Contato pelo e-mail: gatodapipa2011@hotmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

De tanta curiosidade pelo sexo anal, entreguei meu cuzinho [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Fabio disse:
É um dos melhores contos que já li.
Gostaria de ter certeza que foi real.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Me apaixonei por um homem mais velho na faculdade [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
homemgostoso disse:
Relato delicioso.Realmente trata-se de uma bela mulher, fico imaginando o tesão que carrega em seu corpo.Procuro mulher fogosa ou casal liberal cujo marido queira ver sua amada transando comigo. são paulo capital e interior de sp, campinas e viajantes.
Tenho local mas posso ir até vc
Não quero prostituição, baixarias e sexo virtual.
Contato inicial pelo e mail
homemgostoso@bol.com.br

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Seduzindo o meu cunhado [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
homemgostoso disse:
Hummmm....estou de pinto duro e imagino quantas mulheres estejam com a calcinha molhadinha
Realmente trata-se de uma bela mulher, fico imaginando o tesão que carrega em seu corpo.Procuro mulher fogosa ou casal liberal cujo marido queira ver sua amada transando comigo. são paulo capital e interior de sp, campinas e viajantes.
Tenho local mas posso ir até vc
Não quero prostituição, baixarias e sexo virtual.
Contato inicial pelo e mail
homemgostoso@bol.com.br

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Aliviando os funcionários - Parte 3 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
homemgostoso disse:
Realmente trata-se de uma bela mulher, fico imaginando o tesão que carrega em seu corpo.Procuro mulher fogosa ou casal liberal cujo marido queira ver sua amada transando comigo. são paulo capital e interior de sp, campinas e viajantes.
Tenho local mas posso ir até vc
Não quero prostituição, baixarias e sexo virtual.
Contato inicial pelo e mail
homemgostoso@bol.com.br

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Aliviando os funcionários - Parte 3 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
homemgostoso disse:
Realmente trata-se de uma bela mulher, fico imaginando o tesão que carrega em seu corpo.Procuro mulher fogosa ou casal liberal cujo marido queira ver sua amada transando comigo. são paulo capital e interior de sp, campinas e viajantes.
Tenho local mas posso ir até vc
Não quero prostituição, baixarias e sexo virtual.
Contato inicial pelo e mail
homemgostoso@bol.com.br

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Estou dando para um velho babão e meu marido não sabe - Parte 2 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Homemmaduro disse:
Continua flavia vc e um tezao sua puta safada faz uma garganta profunda e faz o seu joao gozar td dentro, vc e uma vagabunda tem que amarrar vc na cama e vc apanhar muito entra em contato comigo e fazer vc gozar que nem uma cadela.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Estou dando para um velho babão e meu marido não sabe - Parte 2 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Homemmaduro disse:
Continua flavia vc e um tezao sua puta safada faz uma garganta profunda e faz o seu joao gozar td dentro, vc e uma vagabunda tem que amarrar vc na cama e vc apanhar muito entra em contato comigo e fazer vc gozar que nem uma cadela.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Estou dando para um velho babão e meu marido não sabe - Parte 2 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Homemmaduro disse:
Continua flavia vc e um tezao sua puta safada faz uma garganta profunda e faz o seu joao gozar td dentro, vc e uma vagabunda tem que amarrar vc na cama e vc apanhar muito entra em contato comigo e fazer vc gozar que nem uma cadela.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Estou dando para um velho babão e meu marido não sabe - Parte 1 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Homemmaduro disse:
Que delicia de conto flavia,, queria te pegar bem gostoso sua vadia gostosa safada me fez gozar bem gostoso, novinha que queira entra em contato comigo para nos convesar, parasemprevc68@gmail.com, quero pegar uma bem safada.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Sofri na rola do Carlinhos [Conto erótico gay] [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Vovozinho disse:
Sou hetero 1:68 54 anos de idade, sou virgem do cuzinho adoro ver fotos de pinto pequeno, tenho atração por garotos novinhos meu pinto mede 12cm, se alguém do pinto pequeno tiver interessado deixe seu comentário.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Contos Eróticos Sugeridos

Contos Eróticos Mais Vistos

Categorias de Contos Eróticos

Vídeos Pornô de Novinhas
Anal / Sexo Anal
Diversos
Em Público
Fantasias
Fetiches
Gatas/Gatos
Gays/Lésbicas
Héteros
Incesto
Jovens X Mais Velhos
Masturbação
No Emprego
Orgias
Sadomasoquismo
Teens - Jovens
Traições
Três ou Mais
Zoofilia