Estórias de Sexo - Contos Eróticos e Experiências Sexuais

Há 45 usuários no chat aberto e 102 nas salas secretas (com vídeo, imagem e som). Clique aqui para acessar e conversar com eles.

Encontre mulheres casadas e solteiras e garotas novinhas loucas para transar sem compromisso. Tudo 100% discreto e seguro

A calcinha da minha namorada - Parte 2 [Conto erótico de bissexuais]


Enviado por Safado e Carente em 01/01/2018
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto

Categoria: Fantasias | Visitas: 22038
Avaliação: [Votar]
8 Comentários [Comentar]

Depois do encontro que tive com o rapaz no banheiro do centro comercial, no qual eu levei a calcinha da Jéssica pra ele se masturbar e gozar nela, eu não parei de bater punhetas com a cena na minha cabeça, durante uns 15 dias ou mais, quase de forma compulsiva.

No entanto, ao mesmo tempo, eu sentia uma vergonha sem limites, talvez por ter me colocado naquela situação. Eu tinha passado de uma conversa de chat relativamente tranquila e oculta para o risco de uma situação da vida real, com um desconhecido, em um banheiro de um lugar qualquer.

"Você é melhor que isso, Renato! Você não precisa descer o nível dessa forma!", eu me pegava falando essas coisas para mim mesmo, me recriminando. E se alguém tivesse nos flagrado? E se o segurança do centro comercial tivesse chegado? E se o cara começasse a ter atitudes violentas?

Afff! Era coisa demais para eu pensar e depois extrair conclusões. Na verdade eu deveria era me sentir aliviado por ter escapado ileso daquela aventura. Minha vida estaria arruinada se a Jéssica descobrisse que eu deixei outro homem gozar bem em cima da calcinha dela, e com a minha ajuda.

Assim, com muita determinação eu cheguei à conclusão que era melhor dar um fim a estas fantasias loucas. Mesmo com o peso da culpa, tentei reconstruir a minha relação com a minha namorada. Nos dias seguintes eu a levei para jantar fora e tomar uns drinks nos fins de semana.



Mas eu sentia que algo não estava indo bem. Quando ela não reclamava de cansaço, ela reclamava de ter excedido na bebida. E quando não era isso, ela reclamava porque estava um pouco triste. E eu ali, com o pau duro, querendo meter nela e reviver os primeiros meses do nosso relacionamento.

O que estava acontecendo era que, apesar do meu sofrimento por parecer desesperado em agradá-la, as nossas fodas aconteciam sempre com menos frequência. Muitas vezes ela virava a bunda pra mim, levantava a saia ou vestido, descia a calcinha e deixava eu enfiar o pau nela, só pra eu gozar logo e deixá-la em paz. Eram 2 minutos de felicidade que se tranformavam em um desgosto eterno após eu gozar.

A gente estava se dando melhor, era verdade, mas penso que era mais por resignação, já que prevíamos uma derrota que estava pronta, só esperando o momento de acontecer. E eu não estava mais com tanta vontade de continuar lutando. E assim, um mês depois, entre a rotina do meu trabalho na prefeitura e as constantes recusas da Jéssica, minhas fantasias voltaram, em dobro.

Voltei para os chats, principalmente os chats de cornos, que eram os que tinham as conversas mais interessantes e cheias de safadeza. Algumas vezes eu assumia o papel de corneador, ou seja, o comedor de casadas, mas na verdade, o que eu gostava mesmo era de assumir o papel de corno manso e submisso.

Muitas vezes, só de pensar em entrar nos chats eu já ficava de pau duro e, assim que eu entrava e começava a conversar sobre tais assuntos eu já não me aguentava mais e gozava como um louco. Que gozadas mais gostosas. No entanto, depois do êxtase, a vida enfadonha que eu estava vivendo voltava a me deixar angustiado.

Meu segundo encontro surgiu como resultado de eu ter conhecido um cara em um dos sites que eu vivia visitando. Descaradamente ele propôs foder a Jéssica, na minha frente. Nesse dia, em vez de dar muita corda a ele, eu respondi, com sinceridade, que minha intenção no chat era apenas ficar excitado para depois bater punheta.



Para minha surpresa o sujeito respondeu que ele também buscava a mesma coisa, que nunca tinha metido na mulher de outro homem e coisas assim. Ele acabou me confessando que era como a maioria dos caras dos chats de cornos, que ficam mais é só fantasiando, e que na hora H não têm coragem de fazer o que ficam falando.

Acabei gostando da atitude dele e, depois de gozarmos juntos, nos despedimos amigavelmente e marcamos de conversar no dia seguinte. E assim fizemos em outras oportunidades, contando coisas de nossas vidas e detalhes que nos deixavam excitados. No fim acabávamos batendo punheta e gozando como loucos.

Na quarta ou quinta conversa que tive com ele, eu acabei contando a minha experiência com a calcinha da minha namorada, ou seja, como eu deixei outro homem gozar na calcinha da Jéssica. No entanto, não contei que eu tinha marturbado o cara até ele gozar. Fiquei com vergonha deste último detalhe.

- Moço, isso que você me contou me deixou excitado demais. Meu pau está tão duro que parece que vai explodir! - ele me escreveu.
- Sério? Eu também fico assim só de relembrar... depois disso eu me masturbei quase todos os dias durante duas semanas seguidas! - respondi.

- Te digo uma coisa, Renato! Eu estou morrendo de vontade de gozar na calcinha da sua namorada também!
- Tú tá falando sério? - escrevi, um pouco apreensivo.
- Sério mesmo, cara! Vamos nos encontrar pessoalmente. Eu e você. Não precisa levar ela não, só a calcinha dela mesmo. Me fale um dia que fica bom pra você!

- Eu trabalho na prefeitura. E as tardes são bem tranquilas. Posso sair qualquer dia! - respondi.
- Bom demais! Mas não quero te pressionar. Você quem escolhe o dia. Coloque umas fotos da sua namorada em um pen drive e leve pra gente bater punheta!

- Bater punheta vendo as fotos dela? - estranhei.
- Sim, cara! Pode borrar o rosto dela. Só quero ver o corpo dela, saber como ela é. Escolha fotos bem picantes mesmo. O que quero mesmo é gozar no fundinho da calcinha dela, bem onde fica a buceta, do mesmo jeito que o outro cara fez!

- Isso é loucura demais! - escrevi. - Mas é uma proposta muito tentadora. Vou pensar e te dou uma resposta em breve!
- Combinado, cara! Anota meu e-mail. Você vai ver como a gente vai gozar gostoso! - o sujeito falou e anotei seu nome, Walter, e o seu e-mail.

O resto do dia demorou a passar. Eu estava apreensivo e muito nervoso, mas ao mesmo tempo excitado. Não bati punhetas. Esperei a Jéssica chegar e parti pra cima dela. Novamente ela reclamou de cansaço e não insisti muito. Quando ela foi para a cama, aproveitei seu sono pesado para tirar várias fotos dela dormindo, principalmente de seu traseiro, com a calcinha enfiada na racha da bunda.

No dia seguinte bem cedo eu enviei um e-mail para o Walter e combinamos de nos encontrar à tarde em sua casa. Ele me recebeu com um grande sorriso. Fiquei até surpreso, já que não tínhamos trocado fotos. Ele era alto, magro, e tinha uns 35 anos.
- Entra, cara... seja bem-vindo! - ele falou e me deu um forte aperto de mão.

Estávamos em um bairro residencial, de classe alta, o que deixava claro que o Walter era um homem de situação financeira bastante confortável. Ele me levou até a sala e me trouxe uma cerveja. Começamos a conversar e eu soube que sua esposa estava viajando com seus filhos.

- E aí?... trouxe o pen drive? - ele me perguntou de repente.
- Sim, está aqui! - respondi e entreguei o pen drive com as fotos da Jéssica. De imediato ele o pegou e o inseriu na lateral de sua enorme TV.

- Renato, esta tela é ótima para ver pornô. É um modelo novo. A definição é excelente. Você não faz idéia das punhetas que eu bato aqui nessa sala... sem contar o futebol, que gosto muito! - o Walter falava e eu percebi o quanto ele estava confortável com a minha presença.

Eu não sabia muito bem o que dizer, apenas fiquei calado e esperei ele terminar os preparativos e começar a exibição das fotos.
- Vou ajustar a tela para fotos... vão ficar mais lindas ainda! - ele falou. - Ah, me dá a calcinha dela aí... você trouxe, né?

- Sim, claro!... aqui está! - falei e, enfiando a mão no meu bolso, tirei a calcinha da Jéssica toda enroladinha. Era uma calcinha pequena, estilo leopardo, com rendinhas vermelhas. Eu era apaixonado por aquela calcinha, e ficava louco de tesão quando ela a usava.

Mesmo tenso e nervoso, percebi que o meu pau ficou duro só de passar a calcinha da Jéssica da minha mão para a mão do Walter. Finalmente eu ia viver mais uma fantasia.

Ficamos em pé, lado a lado, e o Walter começou a passar as fotos. Eu tinha feito uma seleção muito boa: fotos de férias, nas quais minha namorada estava usando roupas normais, calças, saias, bermudas e shorts curtinhos. Ela adorava fazer poses sexy, fazendo caras e bocas, mordendo o dedo e coisas assim.

Por um momento fiquei imaginando o que a Jéssica sentiria se soubesse o que eu estava fazendo. Por certo ela nunca pensou que as fotos que tirei dela estavam agora sendo exibidas para um desconhecido na sala de sua casa. E eu estava super excitado com a situação.

- Porra! Sua namorada é gostosa demais, Renato! Que delícia! - o Walter falou enquanto acariciava o pau por cima da calça. Pude perceber que o volume de sua rola não parava de crescer. E ainda não tínhamos chegado nas melhores fotos, as quais eu, de propósito, tinha deixado para o final.

- Não tem fotos mais atrevidas não?
- Calma... espera mais um pouco e verá! - respondi.
Então as melhores fotos começaram a aparecer. A Jéssica fazendo topless, ou com a parte de baixo do biquíni enfiada na racha da bunda, ou com as pernas abertas e com a calcinha do biquíni um pouco abaixada, além das fotos que eu tinha tirado da bunda dela enquanto ela dormia.

Nesse momento o Walter não aguentou mais.
- Caralho... preciso bater uma punheta... essa sua namorada é gostosa demais, Renato! - ele falou e, rapidamente, baixou sua calça e sua cueca na altura dos joelhos. Na frente dos meus olhos saltou uma pica de uns 18cm, grossa e muito cabeçuda. O pau dele realmente chamava a atenção.

De imediato ele enrolou a calcinha da Jéssica em seu pênis e começou a se masturbar, de olho na tela da TV.
- Que delícia... ia ser gostoso demais enfiar meu pau todinha na buceta dessa safadinha! - ele falou entre os dentes. Percebi sua excitação. E eu também estava muito excitado, só de ouvir ele falando assim da minha namorada.

- Anda, cara!... deixa de ser fraco... vamos bater punheta juntos! - ele falou, tentando me animar. - Você veio aqui foi para isso, não foi?
- Sim! - respondi e abaixei também minha calça e minha cueca. Meu pau já saltou duro. Era a primeira vez que eu batia punheta junto com outro homem.

E então chegaram as fotos que eu tirei dela em nosso quarto, durante a nossa fase inicial: a Jéssica só de camisola, de calcinha e sutiã, de salto alto e peladinha, deitada, em pé, agachada, de quatro. E os olhos do Walter não perdiam nenhum detalhe, e pareciam devorar as fotos. Como não admirar a bunda da minha namorada, seus seios duros, sua barriga chapadinha, sua buceta completamente depilada...

- Estou com tesão demais, cara! - ele sussurrou e esfregou a calcinha da Jéssica em seu rosto. - Estou com muita vontade de foder essa xoxota até ela gozar na minha vara... você quer me ver metendo nela, não quer?

- Sim, quero sim! - respondi, sem nem pensar. Na verdade era o que havia para ser dito. O clima de safadeza era forte demais para eu ter falado outra coisa.
- Eu ia meter gostoso demais na sua mulher, cara... ela ia ficar presa no meu pau... gemendo de prazer... até gozar... você percebeu que meu pau é mais grosso que o seu, né?

- Sim... percebi... é bem mais grosso que o meu! - respondi, com a voz trêmula.
- E é mais comprido também... qual é o comprimento do seu, Renato?... te falo que não chega a 15cm!
- 14... 14cm!

- Que azar, cara!... isso não chega nem na média. Agora entendo porque sua namorada não fode com você... ela precisa é de outro macho, de outra pica, como a minha!... e de outra atitude, cara! Eu meteria no cú dela todos os dias, sem cansar!... você gostaria de ver este pau enfiado na cú da sua mulherzinha?

- Affff!
- Como assim "afff"?!?... sim ou não?
- Sim, cara!... claro que eu gostaria de ver isso!
- E gostaria de ver ela de joelhos mamando minha rola?... fala!
- Sim... cara!... você é safado demais!... sim... eu gostaria sim!

- E você mesmo vai pegar meu pau... com sua mão... e vai enfiar na buceta dela, não vai?
- Simmmmmmmmmm! - respondi em voz baixa, mal acreditando na minha disposição em seu um cara submisso, tanto para as mulheres quanto para os homens. Agora eu entendia porque a Jéssica me fazia de gato e sapato.

O Walter estava me deixando cada vez mais excitado com sua conversa. O tesão e a safadeza podiam ser sentidos no ar. Ele tinha conseguido fazer eu confessar que eu queria entregar minha namorada a ele, como se isso fosse a coisa mais natural. Era ele o macho que deveria foder a Jéssica, e não eu.

De repente, sem me olhar e com os olhos fixos na tela, ele colocou uma das mãos na minha nuca.
- Vem aqui mais perto! - ele falou com voz firme.
Não me mexi. "O que ele pretende fazer?", pensei.
- Chega aqui mais perto, seu frouxo!

Essa repentina demonstração de autoritarismo me pegou de suspresa. Rapidamente aproximei e fiquei bem ao lado, pois eu não queria que ele ficasse chateado.
- Pega no meu pau e punheta ele pra mim, cara... bem devagar... até o saco... é assim que eu gosto!

Achei aquele pedido muito estranho. Olhei para ele, mas ele evitou meu olhar, parecendo estar muito concentrado nas fotos sendo exibidas na tela. Envolvi o tronco do pau dele com a calcinha da Jéssica. A pica estava quente, grossa, palpitante, com umas veias enormes. Subi a baixei a pele do prepúcio, lentamente, enquanto o Walter gemia baixinho.

Alí estava eu novamente, pegando no pau de outro homem. E o pior é que eu estava adorando aquilo, sem dúvida. Gostei de perceber o quanto eu estava dando prazer a ele, enquanto, com a outra mão, eu não parava de me punhetar também.

- Caralho... meto demais nessa gostosa, Renato... sua mulher merece é o meu pau... essa puta safada quer é rola... que pernas gostosas... eu tiro a roupa dela... e deixo ela só de salto alto... e meto a pica nela sem dó, por trás... quer ver isso, seu corninho manso?

Pronto! Bastou o Walter me chamar de "corninho manso". Deixei escapar um gemido e gozei, esporrando no chão da sala dele.

- Eita, porra! Tú gozou igual uma cachorrinha no cio, seu safado! - o Walter falou e começou a rir.
- Eu estava com tesão demais! - respondi, um pouco sem graça.
- Bom demais... é isso aí... agora tenho que gozar também, né?... vem... punheta meu pau com sua boca!

"O que?!? O cara está querendo que eu chupe o pau dele?!?", pensei e senti a minha mente dar um nó. Primeiro eu tinha tocado a pica de outro homem, e agora estava a um passo de sentir o gosto de um pênis na minha boca. E a voz do Walter soou autoritária, como se eu tivesse que obedecê-lo de imediato. Será que eu estava pronto para descer a este nível?

A dura batalha entre a razão e emoção não durou mais que 10 segundos. Lentamente me ajoelhei entre as pernas do Walter e beijei a cabeça de seu pau. O resultado foi instantâneo.
- Ohhhhhhhhh... isso, cara... é isso mesmo...! - ele suspirou e senti sua mão me segurando forte pelos cabelos. Agora eu não podia fazer nada para impedir o que parecia inevitável.

Fechei meus olhos e abri bem a minha boca. Senti a pica dura e grossa dele abrir caminho entre os meus lábios. Eu estava chupando o pau de outro homem. Minha cabeça era uma confusão total. O que a Jéssica ia pensar de tudo aquilo? O que aconteceria se ela descobrisse as safadezas nas quais eu estava envolvido?

- Chupa, putinha gostosa... que boca quentinha, seu viadinho corno! - o Walter falava essas coisas e eu juntava mais cuspe na minha boca, para que o pau dele deslizasse mais facilmente entre os meus lábios. Subi e abaixei minha cabeça na vara dele, uma e outra vez, sentindo a piroca aumentar ainda mais de tamanho e grossura.

- Issooooo... você é uma putinha safada, Renato!... mais puta do que a sua namorada... você vai ser a minha puta... pra chupar meu pau sempre que eu quiser... você vai ser a minha mulherzinha, não vai?... você sabe disso, não sabe? - o Walter gemia e falava essas coisas, enquanto fodia minha boca como se ela fosse uma suculenta buceta.

As palavras dele tiveram um efeito tão forte sobre mim que meu pau ficou duro de novo, e passei a chupar loucamente, exatamente como a Jéssica fazia comigo no início do nosso namoro. O Walter, por sua vez, me segurava pela cabeça com as duas mãos e fodia minha boca, desesperado, como se eu fosse fugir dalí a qualquer momento.

A cabeça do pênis dele aumentou ainda mais de tamanho, e senti as veias de seu pau incharem mais. Sua respiração ficou forte, assim como a força de suas mãos nos meus cabelos. Ele ia gozar na minha boca. Pela primeira vez na minha vida um homem ia gozar na minha boca, e eu não ia fazer nada para impedir.

- Ahhhhhhhhhhh... caralhooooooooooo... estou gozandoooooooo... sua putinha safadaaaaaaaaaa... estou...! - ele soltou um gemido mais forte e seu esperma veio espesso, quente, invasivo, uma gozada de um macho de verdade. Apertei meus lábios com força ao redor de seu pau e segurei, enquanto os jatos de porra desciam pela minha garganta.

Engoli tudo, até a última gota, enquanto sentia meu pau esporrando também, sem eu sequer me tocar. O corpo do Walter se tremia todo, e meu olhar procurou o seu, até encontrá-lo. Nesse momento eu sorri com o pau dele atravessado na minha boca. Nem precisei falar nada. Meus olhos assumiram a responsabilidade de dizer "Muito obrigado, Walter!".

Continua...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto

Envie seu conto erótico ou estória verídica para publicarmos: Gostaria de publicar sua estória ou conto erótico em nosso site? Basta enviar para cintia_gomes@estoriasdesexo.com.br

Darei preferência aos contos inéditos, ou seja, que não foram publicados em outros sites do gênero. Também me reservo o direito de revisar seu texto (para deixar o português "tinindo" de bom).

Ao enviar o conto, não se esqueça de colocar um TÍTULO, CATEGORIA e o NOME DE USUÁRIO (aquele que aparece como a pessoa que publicou). O nome de usuário pode ser algo como "Menina Novinha", "Urso Carinhoso", "Pegador de Coroas", etc. No corpo do conto você poderá colocar seu e-mail para contato, se quiser, é claro.

Gostou Desta Estória? Compartilhe Com Seus Amigos

Dê sua nota para este conto erotico

Gostou deste conto erótico? Deixe sua nota:


Comentários

Nome: pau bem grosso
E-Mail: eder8l92@gmail.com
Data: 02/01/2018
0.3.1.9.7.1.0.4.4.3.5.0 zap
Sou solteiro gosto de mulher comprometida tbm
mais converso com todas mulheres que me chamar no zap
chama la mulheres afim de um papo safado

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Negrão sp
E-Mail: Jeferson.inacio2012@gmail.com
Data: 04/01/2018
Boa adorei o conto gostaria de fazer parte do próximo conto seu se tiver mulher que queira contato eu adoro fazer amizades e falar coisas gostosa [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Comedor de casadas de bh
E-Mail: Safadaosedutordebh@yahoo.com.br
Data: 09/01/2018
Me passa seu contato que vou comer essa casada pra vc.
Moreno de rola grossa 17cm.
Vou foder a bucetinha dela e encher de porra pra vc chupar depois ate ela gozar na sua boca.
E fazer vc chupar meinha rola toda gozada da buceta dela ate ficar dura denovo pra eu foder o cuzinho dela.
Depois ela vai te chamar de corno e mandar vc ficar de 4 pra eu foder vc tbm e gozar na boca dela.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Pau grosso
E-Mail: Eder7l92@gmail.com
Data: 12/01/2018
0.3.1.7.1.4.4.3.5.0 ZAP
Procuro mulher safada

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Pau grosso
E-Mail: Eder7l92@gmail.com
Data: 12/01/2018
0.3.1.9.7.1.0.4.4.3.5.0 ZAP
Procuro mulher safada

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Morena gostosa
E-Mail: ninaoliveira057@gmail.com
Data: 15/01/2018
Conto maravilhoso

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Pau bem grossao
E-Mail: Eder7l92@gmail.com
Data: 22/01/2018
0.3.1.9.7.1.0.4.4.3.5.0 ZAP
Procuro mulher safada
Pra conversar no ZAP
Mandar audio trocar fotos vídeos
Se alguma mulher estiver afim me chama no ZAP
Ok

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Pau bem grossao
E-Mail: Eder7l92@gmail.com
Data: 22/01/2018
0.3.1.9.7.1.0.4.4.3.5.0 ZAP
Procuro mulher safada
Pra conversar no ZAP
Mandar audio trocar fotos vídeos
Se alguma mulher estiver afim me chama no ZAP
Ok

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário


Deixe um Comentário

Quem quiser entrar em contato pra conversamos um pouco sobre sexo ou quem sabe fazer uma boa amizade, deixe os seus dados nos comentários abaixo que entro em contato.

Importante: Devido à reclamação de várias pessoas de que seus números de telefone estavam sendo postados aqui sem o seu conhecimento, permitimos agora somente o endereço de e-mail.

Contos Eróticos Relacionados

Vídeos Recomendados do site videosdesexonovinhas.com.br

Fodendo a safadinha no banheiro da festa
Novinha putinha queria mesmo uma pica bem grossa na xoxotinha. Depois de beijar o cara eles foram para o banheiro meter
Comendo o cú da amiga da namorada
Minha namorada caiu na besteira de me apresentar a sua amiga gostosa. Não deu outra. Levei a safada para o motel e comi o cú dela
O melhor boquete da minha vida
Novinha safada chupa meu pau bem devagar e pede pra eu gozar em sua boquinha linda
Novinha deliciosa dançando
Gatinha linda começa dançando de shortinho e depois tira a blusa e a calcinha, ficando completamente peladinha
Novinha mostrou o cuzinho
Gatinha com sede de pica tira o short e a calcinha e faz um vídeo mostrando a bucetinha e o cuzinho todo depilado
Marquinha de biquíni no WhatsApp
Safadinha linda mostra a marquinha de bikini nos seios e traseiro e depois abre a bunda para vermos seu cuzinho

Veja mais vídeos pornô de novinhas

Consiga o WhatsApp de centenas de mulheres solteiras e casadas de todo o Brasil. Temos grupos de WhatsApp de putaria e muito mais. Cadastre-se gratuitamente

Alguns homens e mulheres recém-cadastrados no Classificados de Sexo
Quer conversar com eles? Basta enviar uma mensagem!

moreninhalinda
De: Porto Alegre - RS

Sou divertida sensual sexi e to aprocura de homens
Mensagem Chat
casalrp
De: Ribeirao Preto - SP

Olá SOMOS UM CASAL bem resolvidos e discretos, estamos a procura de uma mulher ou casal, que assim c
Mensagem Chat
deusasafada
De: Pedreiras - MA

Sou casada safadinha e adoro sexo, aventuras e novas experiências. me chama pra gente conversar.....
Mensagem Chat
menina_curiosa
De: Salvador - BA

Oi, pessoal, sou novinha e adoro sexo virtual. Fico toda meladinha quando estou conversando besteira
Mensagem Chat
negao_3535
De: Arcos - MG

super discreto a procura de aventura
Ver Perfil Chat
dorisly
De: Cabo Frio - RJ

Me acho uma mulher muito interessante e de dar inveja aos outros homens, pois sou liberal ao ponto d
Mensagem Chat

Veja mais usuários do sexo feminino e masculino

Últimos Comentários dos Leitores

Meu filho me comeu enquanto eu fingia dormir [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Joelmatv.@gmail.com disse:
Joelmatv.@gmail.com.. deve ser muito bom senti um carinho .. fingindo que ta dormindo... pegando nos mamilos passando a mão passando as mãos nas pernas pegando na buceta metendo no redondinho.. EU adorei o conto como é maravilhoso fuder com o filho

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

A amiga da igreja - Minha primeira experiência lésbica [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
iara disse:

Ola senhor anonimo notei que esta falando da minha pessoa mais cinto muito vc esta enganado . E se o senhor caiu nesse golpe e pq o senhor deve ser um velho tarado que nao conssegue arrumar mulher ai fica nos sites eroticos batendo punheta e quando aparece alguem te faz de otario pq o senhor deve merecer . Por tanto o senhor tem q tomar cuidado km oq fala seu babaca punheteiro pq senao quem da queixa contra vc sou eu e se tiver encomodado ta ai meu email pq diferente de vc nao me escondo iaraloira90@gmail.com



Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha primeira infidelidade de casada [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
iara disse:

Ola senhor anonimo notei que esta falando da minha pessoa mais cinto muito vc esta enganado . E se o senhor caiu nesse golpe e pq o senhor deve ser um velho tarado que nao conssegue arrumar mulher ai fica nos sites eroticos batendo punheta e quando aparece alguem te faz de otario pq o senhor deve merecer . Por tanto o senhor tem q tomar cuidado km oq fala seu babaca punheteiro pq senao quem da queixa contra vc sou eu e se tiver encomodado ta ai meu email pq diferente de vc nao me escondo iaraloira90@gmail.com



Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Vendi meu cú a um velho nojento e descarado - Parte 2 - Final [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
iara disse:
Ola senhor anonimo notei que esta falando da minha pessoa mais cinto muito vc esta enganado . E se o senhor caiu nesse golpe e pq o senhor deve ser um velho tarado que nao conssegue arrumar mulher ai fica nos sites eroticos batendo punheta e quando aparece alguem te faz de otario pq o senhor deve merecer . Por tanto o senhor tem q tomar cuidado km oq fala seu babaca punheteiro pq senao quem da queixa contra vc sou eu e se tiver encomodado ta ai meu email pq diferente de vc nao me escondo iaraloira90@gmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha primeira infidelidade de casada [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Anônimo(a) disse:
Boa tarde Iara.
Vou te denunciar por estelionato.
Sei tudo sobre você, sobre seus golpes.
Tenho provas o suficiente para isso.
Inclusive cópia de depósito bancário feito em seu nome.
Eu tinha certeza que uma hora ou outra você iria aparecer por aqui e tentar dar o mesmo tipo de golpe.
Fiquei aguardando você vacilar por meses.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha primeira infidelidade de casada [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Anônimo disse:

Boa tarde pessoal.
Gostaria de deixar um alerta aqui para todos vocês.
Tomem muito cuidado com essa Iara que postou aqui.
Ela é um tremendo 171 que adora tirar dinheiro dos homens.
Ela vem com uma história de pobre coitada.
Ela usa a mesma conversa cada vez que posta aqui.
Conheci ela no final do ano passado, quando ela postou aqui de uma outra maneira.
E agora ela retornou para aplicar o mesmo golpe.
Estou de posse de todos os dados dela e estou pensando seriamente em denunciar ela por estelionato.
Tenho provas o suficiente contra ela.
Embora não acredito que irá dar em alguma coisa.
Mas que fique o alerta.
Tomem muito cuidado para não saírem no prejuízo.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Viciada em contos eróticos [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Anônimo disse:

Boa tarde pessoal.
Gostaria de deixar um alerta aqui para todos vocês.
Tomem muito cuidado com essa Iara que postou aqui.
Ela é um tremendo 171 que adora tirar dinheiro dos homens.
Ela vem com uma história de pobre coitada.
Ela usa a mesma conversa cada vez que posta aqui.
Conheci ela no final do ano passado, quando ela postou aqui de uma outra maneira.
E agora ela retornou para aplicar o mesmo golpe.
Estou de posse de todos os dados dela e estou pensando seriamente em denunciar ela por estelionato.
Tenho provas o suficiente contra ela.
Embora não acredito que irá dar em alguma coisa.
Mas que fique o alerta.
Tomem muito cuidado para não saírem no prejuízo.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Vendi meu cú a um velho nojento e descarado - Parte 2 - Final [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Anônimo disse:
Boa tarde pessoal.
Gostaria de deixar um alerta aqui para todos vocês.
Tomem muito cuidado com essa Iara que postou aqui.
Ela é um tremendo 171 que adora tirar dinheiro dos homens.
Ela vem com uma história de pobre coitada.
Ela usa a mesma conversa cada vez que posta aqui.
Conheci ela no final do ano passado, quando ela postou aqui de uma outra maneira.
E agora ela retornou para aplicar o mesmo golpe.
Estou de posse de todos os dados dela e estou pensando seriamente em denunciar ela por estelionato.
Tenho provas o suficiente contra ela.
Embora não acredito que irá dar em alguma coisa.
Mas que fique o alerta.
Tomem muito cuidado para não saírem no prejuízo.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

A amiga da igreja - Minha primeira experiência lésbica [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Negrão sp disse:
Boa tarde que delícia de comentário fiquei com muito tezao gostaria de fazer contato com mulheres que gostam de uma aventura ou falar coisas gostosa 019.971.41.45.55

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Meu filho me comeu enquanto eu fingia dormir [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
MARIA ANTONIA disse:
Estou tendo um problema muito dificio, com o meu filho de 12 anos. preciso de sua ajuda, mande mim o seu mail:
que nele eu contarei tudo que estou passando.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Dei pro amigo do meu pai [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Jeee disse:
Sou doida por homens mais velhos, mamar muito um cacete. Gostaria de conhecer um coroa que tirasse meu cabaço, chupasse minha bucetinha me levando ao delírio. Que delícia de conto.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Dei pro amigo do meu pai [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Jeee disse:
Sou doida por homens mais velhos, mamar muito um cacege. Gostaria de conhecer um coroa que tirasse meu cabaço, chupasse minha bucetinha me levando ao delírio. Que delícia de conto.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Dei para meu padrasto [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Fernando ANTONIO ALMEIDA COTTARD disse:
Gostaria de saber Porque não Posso ler meus emails ja QUE tem que Passar do.Ingles OU outras línguas estrangeiras para o Português do Brasil e PODEM PASSAR O MEU WHATSAPP PARA AS GATINHAS LINDAS E COM.VIADINHOS NOVINHOS [Ocultado. Clique e deixe uma mensagem]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

O pai da minha melhor amiga [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Jeee disse:
Que delícia de conto, sou doida pra um coroa me fuder gostoso e tirar meu cabaço.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha primeira infidelidade de casada [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
iara disse:
Ola me chamo iara moro no parana sou totalmente carente universaitaria adoro viajar e curto homens mais velhos. Me mandem email que passo whats adorl fazer amizades.

araloira90@gmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Viciada em contos eróticos [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
iara disse:
Ola me chamo iara moro no parana sou totalmente carente universaitaria adoro viajar e curto homens mais velhos. Me mandem email que passo whats adorl fazer amizades.iaraloira@gmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Contos Eróticos Sugeridos

Contos Eróticos Mais Vistos

Categorias de Contos Eróticos

Vídeos Pornô de Novinhas
Anal / Sexo Anal
Diversos
Em Público
Fantasias
Fetiches
Gatas/Gatos
Gays/Lésbicas
Héteros
Incesto
Jovens X Mais Velhos
Masturbação
No Emprego
Orgias
Sadomasoquismo
Teens - Jovens
Traições
Três ou Mais
Zoofilia