Estórias de Sexo - Contos Eróticos e Experiências Sexuais


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Quer dar sua buceta para homens safados e pauzudos aí na sua cidade? Faça sexo sem compromisso com milhares de homens cadastrados. Quer trair seu esposo ou namorado? Basta acessar nosso site.

Surpresa do Prazer


Enviado por Morena Casada em 13/07/2016
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto

Categoria: Traições | Visitas: 28680
Avaliação: [Votar]
9 Comentários [Comentar]

Oi, eu sou a Lívia. Depois das loucuras que cometemos juntos, eu e o Diego não nos vimos mais. Para quem não me conhece ainda, trabalho em um hospital, sou técnica de enfermagem e trabalho dia sim outro não em um hospital bem conceituado na cidade onde moro.

Quem quiser ler meus contos anteriores, pesquise por "Carona do Prazer", "Visita do Prazer" e "Encontro do Prazer". Vocês terão uma idéia das loucuras que já fiz com o Diego.

Bem, o tempo foi passando e eu e Diego não nos víamos mais. E este tempo facilitou para esquentar a relação entre mim e meu marido. Aos poucos meu marido voltou a me comer do jeitinho que ele comia quando éramos namorados.

Mas, por mais que meu marido se esforçasse, minhas trepadas com ele, infelizmente, não eram nada comparadas às loucuras do Diego e seu mastro quente e excitante. Meu deussss!! Só de escrever isso eu já fico louca, com a buceta babando de vontade de meter com ele.


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Enfim, finalmente fui pedida em casamento pelo meu marido. O chamo assim pois moramos juntos, mas ainda não somos casados. Ficamos noivos e o casamento será em breve.



Num dia comum, um sábado, dei meu plantão e o dia foi bem corrido. As horas estavam passando muito rápido e eu não tinha esperanças de ir embora tão cedo, pois o hospital estava num dia daqueles. Com certeza eu teria que dobrar neste dia. Estava uma correria só.

Mas, constrariando minhas expectativas, à noite veio a calmaria e pudemos trabalhar mais tranquilas, eu e meus colegas de enfermagem. Comuniquei à Brenda, minha colega, que eu iria fazer uma pausa e me dirigi até uma lanchonete que ficava próxima ao hospital.

Porém, quando eu estava saindo, escutei alguém no corredor do hospital chamar meu nome. Era o Diego. Deus do céu! Eu fiquei olhando pra ele sem graça, enquanto ele sorria pra mim, sentado naquela cadeira de hospital.

Tentei falar alguma coisa mas a minha voz não saia.
- Me conhece mais não, Lívia? - ele perguntou calmamente.


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Nossaaaa!!! Eu continuava tentando falar e nada. Gaguejei, fiquei pasma, e veio aquela sensação, fiquei trêmula, e meu coração acelerou.

- O-oi, D-Diego, quê que tú tá fazendo aqui? - perguntei e fui até ele, suando frio e com um sorriso sem graça.
- Vim me consultar... estou com uma leve febre eu acho! Senti uma tontura voltando do trabalho, e achei melhor me consultar!




- Você tá pálido mesmo... c-c-comeu alguma coisa hoje? - perguntei a ele e toquei no seu rosto. Ele olhou pra mim sorrindo, com cara de safado, e eu logo percebi a besteira que eu tinha perguntado ao meu ex-amante.

- N-não é o que-que você t-tá pensando, seu besta, eu...


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

- Tudo bem, Lívia, tudo bem! Eu não almocei hoje. Foi só um lanche rápido...! - ele disse.

- Por isso, seu louco! Você anda em cima dessa moto e não se alimenta direito! Diego, isso é perigoso! Vamos para a minha sala e eu te ajudo! - falei e caminhei em direção à minha sala. No entanto, eu tive que voltar e ajudá-lo, pois ele estava pálido, passando mal por causa da má alimentação.

Então eu o levei até a minha sala e lá pedi que ele se sentasse na maca. Coloquei meus óculos e tentei relaxar, o que estava muito difícil, pois a situação era embaraçosa. Meu ex-amante estava na minha sala de trabalho.

Meu deussss!! Comecei a me tremer toda, com falta de ar. Mas eu precisava me concentrar, afinal, era o mínimo que eu podia fazer pelo cara que me proporcionou tanto prazer. Mil coisas passaram pela minha cabeça enquanto eu mexia em alguns papéis e escrevia alguns rabiscos sentada à mesa de frente para o Diego, que continuava na maca.

A verdade era que eu estava nervosa e não iria saber como reagir. Eu escrevia um pouco, muito trêmula, depois parava, sem conseguir me concentrar e ele continuava me olhando, me estudando, vendo o desespero que ele estava provocando em mim.

- Vou já... só um instante, Diego! - falei, sem olhar pra ele, tentando ganhar mais tempo.
- Tudo bem! - ele me respondeu, com toda a calma do mundo. Nessa hora eu olhei pra ele discretamente e vi que ele tinha parado de olhar pra mim.

Aproveitei para recuperar meu fôlego. Eu estava pensando em como e por onde começar, o que fazer. Até o procedimento médico eu havia esquecido.
- Lívia, você não vai tirar a pausa? - a Brenda, minha colega, entrou na sala e me perguntou.

- É que, é... - tentei falar mas estagnei. Eu não conseguia me explicar, e fiquei suada. Apontei para o meu paciente com um sorriso nervoso no rosto.

- Ahhh... entendi! - a Brenda disse com um sorriso insinuador. - Tudo bem! Vou agora então... quando eu voltar você vai... pode ser?
- Tá bom! - confirmei.
Ela saiu e o silêncio reinou na sala.

- Então, Lívia... como vão as coisas? - o Diego me perguntou de repente.
- Bem! - respondi sem olhar pra ele. - Irei me casar em breve! - resolvi complementar e sorri, mas sem olhar pra ele, ajustando os óculos no rosto.

- Que maravilha, Lívia! Felicidades...!
- Obrigada! - respondi sorrindo e olhando pra ele dessa vez. Me senti mais aliviada para me aproximar dele.

- Vamos lá?
- Sim! - ele respondeu, muito seguro de si.
Eu fui examiná-lo primeiro medindo sua pressão. Quando cheguei próximo a ele percebi o volume em suas calças. Deus do céu! Aquilo pulsava louco pra sair.

Aí pronto! O nervorsismo começou a voltar, e senti minhas pernas bambas. Fui pegar o estetoscópio em cima da mesa, o coloquei e quando me viro de volta, lá estava o Diego sem blusa. Eu parei, um pouco ofegante, tentei falar, mas cortei com um sorriso falso, balançando a cabeça.

- Para facilitar, ué! - ele, leigo, respondeu.
Deslizei minhas mãos no peitoral do Diego, e me veio a sensação de excitação. Permaneci focada, mas o seu membro continuava pulsante, doido pra entrar em mim novamente, como fizemos outras vezes. Comecei a suar, muito séria.

Por último pedi que ele abrisse a boca. Nisso o Diego já estava de pernas abertas na maca e eu entre elas, com uma palheta, examinando sua boca. Tirei a palheta, ele fechou a boca, olhei sem jeito pra ele e voei em sua boca, beijando-o desesperada, respirando ofegante, trêmula.

Ele ficou surpreso no início, mas foi aceitando meus chupões de língua aos poucos, até nos sincronizarmos uma vez mais. Aquilo era uma maravilha, e eu já estava toda molhada. Senti minha perereca vibrar de excitação e gemi, com vontade de gozar naquela pica de novo.

Me certifiquei de que a porta estava mesmo trancada e voltei pra cima dele. Toquei o seu cacete duro por cima de sua calça. Amassei e apertei sua pica deliciosamente. Finalmente eu podia sentir, uma vez mais, o pau do Diego pulsar em minhas mãos.

Que maravilha! Minha buceta já estava babando e eu não via a hora de ser penetrada por aquela vara que tanto me encantava. Continuamos a nos beijar como dois apaixonados, com ele sentado na maca e eu entre suas pernas.

- Está vendo o que você faz comigo, seu safado? - falei baixinho no ouvido dele e tirei meu jaleco. Em seguida abri o zíper de sua calça desesperadamente, louca pra pegar o cacetão duro do Diego e sentir o calor dele nas minhas mãos.

Me abaixei e, alí mesmo, na minha sala de trabalho, com ele sentado de pernas abertas na maca, eu o chupei. Chupei com volúpia meu cacete predileto, enquanto alisava seu peitoral.
- Chupa, minha delíciaaaaa!! Eu sei que você gosta, Lívia... chupa bem gostosooooo!!! - ele falava e gemia, enquanto eu saboreava seu pauzão.

- Fala baixoooooo!! Alguém pode ouvir!! - eu o alertei, e voltei a mamar no cacete dele. Eu olhava para o Diego, com cara de safada, e cuspia na cabeça do mastro. Depois eu lambia, sempre olhando pra ele.

Lambi e engoli suas bolas, enquanto punhetava seu pau vagarosamente. Eu queria castigá-lo por fazer aquilo comigo, queria ver sua carinha de sofrimento, implorando pra meter em mim. A pica dele estava tão cheirosa, e mamei com muita vontade mesmo, lambendo e babando.

- Caralhoooooooo!!... preciso comer sua bucetaaa!! - ele falou baixinho e veio pra cima de mim. Com violência ele arrancou minha blusa e meu sutiã. Em seguida ele caiu de boca nos meus seios, chupando como louco. Nossaaaaaa!! Gemi desesperada.

Minha vontade era gritar de prazer, mas estávamos na minha sala, no meu trabalho, com meus colegas de trabalho em outras partes do hospital. Por ser à noite e com pouco movimento, eu sabia que eu podia aprontar ali, mas não podíamos abusar da sorte.

Enquanto mamava meus peitos, o Diego abriu minha calça e a tirou rapidamente, com minha ajuda, é claro, pois adoro calças apertadas. Depois ele me jogou na maca, ainda de calcinha. O safado nem me deu tempo. Ele segurou minhas pernas bem abertas e começou a beijar minha buceta, por cima da minha calcinha.

Ele parecia não ter mais pressa, e lambeu o fundo da minha calcinha bem devagar, deixando minha buceta ainda mais acesa. Enquanto isso eu gemia baixinho, torcendo pra ele parar aquela tortura e meter sua vara em mim de uma vez.

- Uhhhhhhhh... que g-g-gostosooooo... ahhhh... ahhhh...!! - gemi deliciosamente quando ele puxou minha calcinha de lado e deu uma chupada na minha xoxota, como se a minha perereca fosse a metade de uma laranja. Nessa hora perdi o controle e pressionei a cabeça dele contra a minha racha. Estávamos loucos.

- Diegooooooooo... vou... gozarrrr... ohhhhhhh... vou... vou... gozarrrrrrrr...!! - soltei um gemido baixinho e demorado e gozei na boca dele, me contorcendo todinha. E ele chupou tudo, bebendo todo o meu gozo. O Diego estava tão safado que imediatamente veio me beijar, pra eu sentir o gosto da minha buceta na boca nele.

Nos beijamos deliciosamente, e logo senti a mão dele descendo e tirando minha calcinha. Nossas bocas não se desgrudaram quando eu senti a vara dura e grossa me penetrando. Ela estava me fodendo ali, na maca da minha sala de trabalho.

Mordi os lábios dele, babei em sua boca, enfiei minhas unhas em seus costas e gemi como uma gatinha no cio. Ele me fodeu com força, com violência, abafando meus gemidos com sua boca. Que maravilha! Eu sentia o Diego me penetrar uma vez mais, e gozei intensamente na pica dele, nos beijando e nos olhando sem vergonha ou remorsos.

Depois de uns minutos eu me levantei da cama e me deitei de bruços na minha mesa, com as pernas no chão e a bunda bem empinada. O safado veio por trás e me comeu sem dó, enfiando bem fundo na minha buceta babada de tesão. Gemi baixinho, me abrindo toda para receber aquele cacetão.

- Minha safadinha gostosa... goza na pica do seu macho... goza, minha delícia! - o Diego falou baixinho no meu ouvido. Mas eu já tinha gozando o bastante pela buceta. Minha idéia era outra.

- Diegoooooo, coloca... vai, coloca... na minha bunda, seu puto! - pedi, quase sem voz, de tanta vontade que eu estava de dar o meu cú pra ele. Fiquei na mesma posição. Ele só tirou o pau todo melado da minha buceta e enfiou no meu rabo, de uma só vez. Meu cú aceitou guloso aquela baita pica.

Nossaaaaaa!!! O pau dele entrou macio no meu cú, deslizando, abrindo caminho até atolar tudo. Senti o saco dele encostar nos lábios da minha buceta e fiquei alí, engatada na pica dele, apertando meu cú levemente, querendo sugar mais um pouquinho de rola.

Gemíamos intensamente, bem baixinho, e logo ele começou a se movimentar dentro de mim. Aquele vai e vem delicioso no meu cuzinho me fez gozar em segundos. Eu tinha esquecido como era bom aquele cacete, como era bom dar pro Diego. Eu me sentia completamente realizada.

Gozei e ele continuou metendo, beijando minha nuca e mordendo minha orelha. O Diego parecia um touro enfurecido. Ele comia meu rabo e eu olhava pra ele por cima do ombro, com uma cara de safada, mordendo os lábios e conversando baixinho com ele, pedindo pra ele arregaçar o cuzinho da piranha dele.

- Ahhhhhhhh... vou gozarrrrrrr... caralhoooooooooo...!!! - ele disse e puxou meus cabelos com muita força mesmo. Senti o seu pau pulsar dentro da minha bunda, enchendo meu reto de porra. Bem rápido o safado levou o seu cacete para o meu rosto e me melou com sua porra, sobrando também pro meu rostinho.

Chupei a pica dele igual uma cabritinha com fome, sugando, até sair todo o leitinho que ainda sobrava. Que loucura! Eu estava tão tarada que nem me importei em chupar um pau que tinha acabado de sair do meu cú. Mas o Diego merecia aquilo. Aquele safado sabia mesmo como me dar prazer, e eu estava muito feliz em poder retribuir.

Depois que recuperamos nossas forças eu peguei papel higiênico, me limpei e nos ajeitamos para irmos juntos até a lanchonete, pois além de dar de comer ao seu membro maravilhoso, o Diego precisava também se alimentar.

No caminho minha colega Brenda nos encontrou e me chamou para conversar reservadamente. Fiquei assustada quando ela comentou comigo que eu estava com a maior cara de quem tinha acabado de levar rola, e que eu deveria aprender a disfarçar melhor uma trepada.

Pedi licença ao Diego e fui correndo ao banheiro lavar meu rosto e me vi toda descabelada no espelho. Na hora até ri da minha inexperiência. Realmente eu não estava preparada para aquele tipo de loucura.

Voltei para a lanchonete, encontrei o Diego, comemos, conversamos um pouco e nos despedimos, sem beijos, apenas a promessa de nos encontrarmos mais vezes para um flashback. O safado foi embora todo satisfeito, por ter metido na buceta e no cú da sua eterna amante e puta.

Pela manhã meu marido (e noivo) foi me buscar no hospital para irmos pra casa. Mal entramos em casa e ele já me empurrou na parede, de costas pra ele. Ele nem me deixou tirar o jaleco, só abaixou minha calça e minha calcinha e comeu minha buceta ali mesmo, em pé, puxando meus cabelos e me fazendo gemer como louca.

Enquanto meu marido me fodia eu só pensava no Diego, na pica dele, na forma como ele me fodeu na maca e depois em cima da minha mesa. Que bom que meu marido não desconfiou nem um pouco, pois minha despedida de solteira foi ótima. Obrigada, Diego!!

TAGS: Enfermeira dando a buceta no hospital, Tenho fantasias com enfermeiras, Enfermeira safada fodendo no hospital, Fodi minha amiga enfermeira, Transando com uma enfermeira, Sou louco para transar com uma enfermeira, Enfermeira chupando o pau do paciente, Paciente metendo a vara na enfermeira, Enfermeira querendo foder com o paciente, Comendo o cuzinho da enfermeira no hospital, Paciente fodendo a enfermeira na maca, Dei meu cú para um paciente no hospital, Enfermeira e paciente fazendo sexo no hospital, Enfermeira novinha fodendo o paciente, Médico comendo o cuzinho da enfermeira, Médico e enfermeira fodendo no hospital.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Envie seu conto erótico ou estória verídica para publicarmos: Gostaria de publicar sua estória ou conto erótico em nosso site? Basta enviar para cintia_gomes@estoriasdesexo.com.br

Darei preferência aos contos inéditos, ou seja, que não foram publicados em outros sites do gênero. Também me reservo o direito de revisar seu texto (para deixar o português "tinindo" de bom).

Ao enviar o conto, não se esqueça de colocar um TÍTULO, CATEGORIA e o NOME DE USUÁRIO (aquele que aparece como a pessoa que publicou). O nome de usuário pode ser algo como "Menina Novinha", "Urso Carinhoso", "Pegador de Coroas", etc. No corpo do conto você poderá colocar seu e-mail para contato, se quiser, é claro.

Gostou Desta Estória? Compartilhe Com Seus Amigos

Dê sua nota para este conto erotico

Gostou deste conto erótico? Deixe sua nota:


Comentários

Nome: Paulo Duarte
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 14/07/2016
Sou um homem coroão dotado, mas apenas pra mulheres que queiram gozar muito de 10 as 17 hrs. [somente e-mail permitido agora]


Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Jose
E-Mail: veloucura@bol.com.br
Data: 14/07/2016
Muito boa estoria minha enfermeira, sou bombeiro louco pra catar uma meu whats ([somente e-mail permitido agora] regiao vale paraiba sp

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Pedro
E-Mail: athos_pmartins@yahoo.com.br
Data: 15/07/2016
Mulheres(somente mulheres)interessadas em fazer um ménage com minha namorada; chamem n Whats: [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Dotado Safado
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 15/07/2016
ótimo conto.. fico puto de tesão ao ler.. e com vontade de conhecer esse tipo de mulher safada as vezes uma evangelica ou crente.. que gosta de ser bem fodida, mesmo que as vezes não tenha coragem pra falar mais morre de desejo,depois de algumas exp. passei a gostar demais de ficar cobiçando uma mulher safada, ou vela se exibindo, até mesmo ajuda-la a perder a timidez e mostrar todo desejo e vontade reprimida. quem sabe ajudando a conhecer esses desejos..e vontade.. whats ([somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: sissa
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 15/07/2016
Amei o conto...bom demais ter um amante. Whats [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Ronaldo
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 16/07/2016
[somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: pedrao
E-Mail: pedraopolimentos@hotmail.com
Data: 16/07/2016
sou moreno malhado adoro sexo se tiver alguma mulher de mogi guacu, mogi mirim,pinhal ,itapira,aguai q goste sexo me add no facebook( pedrao polimentos)

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Corrêa
E-Mail: lcorrea2010@ig.com.br IP
Data: 26/08/2016
Parabéns muito bom o seu conto fiquei com muitíssimo tesão me chamem no wat [somente e-mail permitido agora] casais e casadas carentes. Sigilo absoluto

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Rog
E-Mail: Roqueuba2@gmail.com
Data: 17/11/2017
Olá boa noite sou casado mulher não sabe sou muito discreto si vc marido gosta de vê outro homem tranzando com sua esposa tenho muito interesse à sou normal moreno simples mais fafado com muito respeito e discrição!

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário


Deixe um Comentário

Quem quiser entrar em contato pra conversamos um pouco sobre sexo ou quem sabe fazer uma boa amizade, deixe os seus dados nos comentários abaixo que entro em contato.

Importante: Devido à reclamação de várias pessoas de que seus números de telefone estavam sendo postados aqui sem o seu conhecimento, permitimos agora somente o endereço de e-mail.

Contos Eróticos Relacionados

Vídeos Recomendados do site videosdesexonovinhas.com.br

Fodendo a safadinha no banheiro da festa
Novinha putinha queria mesmo uma pica bem grossa na xoxotinha. Depois de beijar o cara eles foram para o banheiro meter
Novinha filmada usando o toilet
Garota vai ao banheiro e não sabe que está sendo filmada
Loirinha delícia desfilando na praia
Vejam que bundinha mais gostosa, balançando de um lado para o outro. Na hora já imaginei a bucetinha dela no meu pau
O melhor boquete da minha vida
Novinha safada chupa meu pau bem devagar e pede pra eu gozar em sua boquinha linda
Novinha deliciosa dançando
Gatinha linda começa dançando de shortinho e depois tira a blusa e a calcinha, ficando completamente peladinha
Foram flagrados no banheiro da escola
Casal de novinhos estava tão concentrado na foda que não viram a câmera. Só depois de gozar é que a meninha percebeu

Veja mais vídeos pornô de novinhas

Consiga o WhatsApp de centenas de mulheres solteiras e casadas de todo o Brasil. Temos grupos de WhatsApp de putaria e muito mais. Cadastre-se gratuitamente

Alguns homens e mulheres recém-cadastrados no Classificados de Sexo
Quer conversar com eles? Basta enviar uma mensagem!

moreninhalinda
De: Porto Alegre - RS

Sou divertida sensual sexi e to aprocura de homens
Mensagem Chat
casalrp
De: Ribeirao Preto - SP

Olá SOMOS UM CASAL bem resolvidos e discretos, estamos a procura de uma mulher ou casal, que assim c
Mensagem Chat
deusasafada
De: Pedreiras - MA

Sou casada safadinha e adoro sexo, aventuras e novas experiências. me chama pra gente conversar.....
Mensagem Chat
menina_curiosa
De: Salvador - BA

Oi, pessoal, sou novinha e adoro sexo virtual. Fico toda meladinha quando estou conversando besteira
Mensagem Chat
negao_3535
De: Arcos - MG

super discreto a procura de aventura
Ver Perfil Chat
dorisly
De: Cabo Frio - RJ

Me acho uma mulher muito interessante e de dar inveja aos outros homens, pois sou liberal ao ponto d
Mensagem Chat

Veja mais usuários do sexo feminino e masculino

Últimos Comentários dos Leitores

O segredo da minha amiga Beatriz [Conto Erótico de Lésbicas] [Ver Vídeo Pornô]
Morena gostosa disse:
Adorei tenho tanta vontade de viver algo assim, só falta a oportunidade

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Adoro tomar no cú desde mocinha [Ver Vídeo Pornô]
Carlos disse:
Olá meninas chamem no email vamos conversar muita putaria

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Enquanto meu marido dormia [Ver Vídeo Pornô]
candial disse:
Como eu com meu 21x17 gostaria de comer um cuzinho desse basta dizer sim

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Meu marido virou corno [Ver Vídeo Pornô]
Geraldo disse:
Sou da zona sul de são Paulo gostaria de fazer amizade com algem da região do Grajaú santo Amaro que tem um pau grande para transa com minha me fazer de corno

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Fodendo com meus amigos (e com o meu irmão) - Parte 1 [Ver Vídeo Pornô]
Diogo disse:
Olá muito bom seu conto estou esperando o final, eu também passei por uma experiência parecida quando vi minha irmã e meu cunhado, (e depois transamos eu minha irmã, meu cunhado e a irmã dele) tentei contar essa estória aqui mas não foi publicada, se você quiser saber como foi veja no site "clímax contos eróticos" procure pelo autor Diogodioguito... bjs

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Não mexa nas calcinhas da mamãe - Parte 5 - Final [Ver Vídeo Pornô]
Dotado Safado disse:
Ótimo conto.. fico puto de tesão ao ler.. e com vontade de conhecer esse tipo de mulher safada as vezes sendo uma evangelica, crente..comprometida ou mulher que gosta de ser bem fodida, mesmo que as vezes não tenha coragem pra falar mais morre de desejo,depois de algumas exp. passei a gostar demais de ficar cobiçando uma mulher safada, ou vela se exibindo, até mesmo ajuda-la a perder a timidez e mostrar todo desejo e vontade reprimida. quem sabe ajudando a conhecer esses desejos..e vontade.. whats (19,92.33.27.98)

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Não mexa nas calcinhas da mamãe - Parte 5 - Final [Ver Vídeo Pornô]
luix disse:
eu esperei bastante pra ver o final dessa estoria gostei muito e teve um final feliz pro dois

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Adoro tomar no cú desde mocinha [Ver Vídeo Pornô]
barbara disse:
Olá meu nome é barbara sou estudante universitária . Amo ler contos amo viajar e viver aventuras , sou totalmente submissa.amo homens mais velhos .Se alguém quiser conversar ou até mesmo marcar algo. Mandem email q passo meu Whatts bijus.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha sobrinha universitária [Ver Vídeo Pornô]
barbara disse:
Olá meu nome é barbara sou estudante universitária . Amo ler contos amo viajar e viver aventuras , sou totalmente submissa.amo homens mais velhos .Se alguém quiser conversar ou até mesmo marcar algo. Mandem email q passo meu Whatts bijus.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

O namorado da minha amiga arrombou o meu cuzinho [Ver Vídeo Pornô]
Santiago disse:
Adorei eu tambem adoro comer um Rabo e sou um Negão de pura safadeza adoroo uma boa safadeza pra essas deliciosas que adoram uma safadeza meu e-mail Pretinhocharmoso@yahoo.com.br meu zap [Ocultado. Clique e deixe uma mensagem]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Flagrei minha esposa dando para o meu irmão [Ver Vídeo Pornô]
Negrão sp disse:
Bom dia adorei esse conto gostaria de participar mulheres queira contato vamos fazer amizade 019 9.71.41.45.55

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Não mexa nas calcinhas da mamãe - Parte 5 - Final [Ver Vídeo Pornô]
Negrão sp disse:
Bom dia adorei seu conto gostaria de contato com mulheres que gostam de fazer amizade para poder falar de tudo que é gostoso 019 9.71.41.45.55

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Adoro tomar no cú desde mocinha [Ver Vídeo Pornô]
Gilson hostin disse:
Adorei tambem gosto de comer cu de mulher mas minha esposa n gosta

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Não mexa nas calcinhas da mamãe - Parte 5 - Final [Ver Vídeo Pornô]
jonathan disse:
Otimos contos os seus parabéns....espero que não pare de postar kkkk

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

O marido da minha amiga [Ver Vídeo Pornô]
Thiago disse:
Gostei do conto muito excitante
Você é bem safada quero comer sua buceta
Me chama no zap ([Ocultado. Clique e deixe uma mensagem]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Tracei o marido da minha filha [Ver Vídeo Pornô]
Thiago disse:
Adorei seu conto fiquei com tesão
Quero comer sua buceta em gata

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha sobrinha universitária [Ver Vídeo Pornô]
Pedro disse:
Boa tarde Barbara, me passa seu contato no pedro.geromel.balbuena@gmail.com

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Contos Eróticos Sugeridos

Contos Eróticos Mais Vistos

Categorias de Contos Eróticos

Vídeos Pornô de Novinhas
Anal / Sexo Anal
Diversos
Em Público
Fantasias
Fetiches
Gatas/Gatos
Gays/Lésbicas
Héteros
Incesto
Jovens X Mais Velhos
Masturbação
No Emprego
Orgias
Sadomasoquismo
Teens - Jovens
Traições
Três ou Mais
Zoofilia