Estórias de Sexo - Contos Eróticos e Experiências Sexuais


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Vídeos Recomendados do site videosdesexonovinhas.com.br

O melhor boquete da minha vida
Novinha safada chupa meu pau bem devagar e pede pra eu gozar em sua boquinha linda
Novinha filmada usando o toilet
Garota vai ao banheiro e não sabe que está sendo filmada
Comendo a namorada
Sem minha namorada perceber eu coloquei uma câmera escondida e filmei ela gemendo bem gostoso na minha rola até gozar

Quem tirou meu cabaço foi meu sogro - Parte 3 - Final


Enviado por Morena Sedutora em 29/05/2016
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto

Categoria: Traições | Visitas: 82645
Avaliação: [Votar]
17 Comentários [Comentar]

- Seu Carlos... a gente não pode... a Patricia vai ver...! - falei e meu futuro sogro já foi me puxando. Em segundos ele me colocou debruçada em cima de uma caixa, me deixando com a bunda empinada. Como eu já estava sem calcinha, ele enfiou o rosto na racha da minha bunda.

- Ohhhhhhhhhhh... meu deussssss... sogrinhoooo... o senhor é safado demaisssss...!! - gemi quando senti a boca dele encostar no meu cú. Ele começou a me lamber todinha, me deixando toda arrepiada. Que língua gostosa tinha aquele safado.

Ele passava a língua desde o meu cuzinho até o meu grelo, que estava durinho. Eu já estava toda taradinha e, sem nenhum pudor, passei a rebolar minha bundinha na cara dele. Eu mesma coloquei as mãos para trás e abri bem minhas nádegas, ficando toda arreganhada pra ele.

- Aiiiiiii... delíciaaaaaa... bate maissssss... pode baterrrrr... adoro levar tapas na bunda...!! - falei quando o Sr. Carlos, todo machão, me deu dois tapas na bunda que arderam muito mesmo.

- Rebola, putinha... rebola esse rabo na minha cara, sua cadela... teu macho tá mandando... vagabunda safada! - ele falou e fiquei mais doida ainda.



Depois de chupar bastante o meu cú e a minha bucetinha, meu futuro sogro foi subindo e me abraçando por trás. Senti as mãos dele apertando meus peitinhos, massageando, entrando por dentro do meu vestido e do meu sutiã. Gemi deliciosamente e pedi pra ele me foder, ali mesmo, no depósito.

- Vem, seu Carlos... fode a sua norinha... fode... me come todinha... mas no meu cú, tá?... a bucetinha vai ser do Vitor!! - falei e ele deu uma mordidinha na minha orelha.
- Sim, minha delícia... a bucetinha vai ser dele... mas você vai ter que dar esse cuzinho bem gostoso pra mim!!!

- Simmmmm... eu dou... mas tem que ser rápido... não quero que o Vitor veja! - falei, um pouco preocupada.
- Ele não vai chegar, menina... ela sempre liga antes de vir aqui! - meu sogro falou e voltou a lamber o meu cuzinho, preparando-o para ser penetrado.

Meu sogro tarado era um macho decidido, e eu vi que eu não ia escapar daquela enrabada. Me agarrei à caixa e deixei ele fazer o resto. O safado abriu minha bunda e encaixou a cabeça do pau na portinha do meu cú. Na hora meu ânus foi se abrindo para facilitar a entrada.

- Nossaaaaaaaa... é grande demaisssssss... mais devagarrrrr...! - falei ao sentir o pau dele invadindo meu ânus, lentamente, esticando todas as minhas preguinhas. Meu deusssss!!! Fiz o máximo para não gritar. E ele me segurava forte, indo cada vez mais fundo.



Nesse momento percebi que o safado tinha um pau bem grandão e com certeza bem mais grosso do que o do filho. Eu estava acostumada a dar meu cuzinho, mas quando a cabeçona enorme avançou pra bem dentro de mim eu senti que a coisa ia pegar de verdade.

- Aiii... seu Carlos... que pauzão grandão... põe devagar, põe... só dei o cuzinho pro seu filho... aiiii... o pinto dele é pequeno... o teu é muito grosso... devagar, seu tarado... aiiiii... vai rasgar o meu cú...!! - eu gemia e falava.

Meu sogro, todo macho, me segurou pelos cabelos com uma mão e com a outra o meu quadril, e sem dó, foi fincando aquele pauzão até o talo. Eu já estava até tonta, de tão fundo que o pau entrou.

- Quer ser puta de verdade, Mônica?... tem que aguentar dar o rabo sem frescura, menina... vou arrombar esse cuzinho gostoso, sua cadela... quero você rebolando na minha pica, magrinha safada... dá esse cu bem gostoso... não gosto de puta fresca... rebola, cadela... senão vou te bater de cinta! - o Sr. Carlos falou isso e fiquei doidinha de tesão.

Senti os pêlos do púbis do meu sogrão tarado roçando no meu bumbum e tive certeza que ele estava todinho dentro de mim. Apesar da dor intensa, o tesão de ter um macho me dominando daquele jeito me incendiou de vez. Devagar comecei a rebolar, e ele então puxou meus cabelos bem forte mesmo.

- Rebola gostoso, cadelinha... vou arrombar esse cuzinho apertado... ahhh... que delicia de cu tem a putinha magrinha... rebola, vadia... gosto de puta bem vadia e você é dessas vagabundas que adoram ser dominadas, não é?... vou te ensinar a ser um cadela do jeito que eu gosto... dá gostoso pro teu macho, sua vagabunda!

Eu rebolava como uma louca, sentindo aquele pauzão enorme entrando e saindo com força do meu cuzinho arrombado. Meu sogro taradão batia na minha bunda sem dó.

- Uhhhhhhhhhhhh... meu deusssssss... mete bem fundoooooo... bem fundoooooo... vou gozarrrrrrrrr... vou gozarrrrrrr nessa picaaaa...!!! - falei e meu gozo chegou intenso e incontrolável.

Eu estava sendo enrabada por um macho de verdade, e adorando ser tratada como uma putinha. Os orgasmos eram contínuos e meu sogrão tarado me segurava firme e tampava minha boca para que meus gemidos de prazer não fossem ouvidos na frente da loja.

Depois de me foder do jeito que quis, meu sogrão tarado deu um urro e senti os jatos de porra fervente inundando meu cuzinho arrombado. O esperma dele funcionou como lubrificante, pois nessa hora a pica ficava deslizando dentro do meu ânus, pra dentro e pra fora. Quase chorei de prazer.

Gozei como nunca tinha gozado antes. Meu futuro sogro era um macho que uma putinha tesuda como eu estava precisando. Toda tarada eu jogava minha bunda empinada pra trás, pra sentir uma penetração total, sem deixar um milímetro daquele pauzão majestoso pra fora.

- Magrinha... você é gostosa demais!!! - meu sogrão tarado falou no meu ouvido e ficou engatado atrás de mim, até seu pau dar uma amolecida. Nessa hora fiz força e o pau dele foi saindo de dentro de mim. Senti a porra escorrendo do meu cuzinho arrombado pelas minhas coxas.

- Pronto, cadelinha! - meu sogro falou e deu um tapinha de leve no meu bumbum. - Já levou o que estava querendo... eu tinha certeza que eu ia te comer a hora que eu quisesse... é mais uma vagabunda na família... agora vem cá... deixa eu beijar essa boquinha!!

O Sr. Carlos falou isso e me puxou pra ele, me dando um delicioso beijo na boca. Eu me tremia todinha, entregue nas mãos daquele macho safado.

- Mônica, eu não sou bonzinho igual meu filho! Se eu te pegar de novo eu como sua buceta... está ouvindo? Eu vou tirar seu cabaço se ele ficar demorando demais! Você vai levar vara nessa xoxotinha até não aguentar mais! - meu sogro falou.

Minha bucetinha virgem até latejou ouvindo a voz de macho do meu sogro dizendo que ia tirar meu cabacinho. Dei um sorrisinho de putinha safada, abaixei meu vestido, peguei minha calcinha, que estava jogada no chão, e sai andando em direção ao banheiro, sentindo minhas coxas todas melecadas da porra que escorria do meu cuzinho arrombado.

Ao me lavar no banheiro, percebi o estrago que aquele pauzão cabeçudo do meu sogrão tarado tinha causado no meu cuzinho. Ele estava todo inchado e pegando fogo de tão quente. A água gelada da ducha higiênica deu uma acalmada, mas continuava ardendo muito.

Quando voltei para a loja meu sogro estava atendendo uma cliente e minha cunhadinha continuava conversando com as amigas. Tentei disfarçar, mas a forma como eu estava andando me entregou. Logo a Patricia veio falar comigo.

- Mônica de deusssss... parece que meu pai te arrombou todinha, minha amiga! Você está andando torta... pelo amor de deussss... vai ficar sentada um pouco! - a Patricia falou e segui seu conselho, pois meu cú estava todo dolorido, me causando até uma leve dor em uma das pernas.

Quando minha sogra voltou do médico, ela rapidamente se trancou com o maridão tarado no escritório da loja, e foi a vez da vagabunda gozar gostoso naquele pauzão delicioso. Meu futuro "sogrão" realmente era um macho espetacular, que dava conta de três putas taradas. Sim, eu era uma delas agora.

Meu cuzinho ardeu quase o dia todo, mas o tesão ainda era intenso, e meu corpo pedia mais sexo. Com certeza não era com meu noivo e sim com meu sogrão dominador, que sabia como tratar uma putinha metidinha e fresca como eu. O Sr. Carlos ainda ia arrebentar meu cú, e eu ia gostar muito.

A safadeza anda junto com a oportunidade, e foi então que, naquela noite, após meu "noivo" me levar pra jantar, ele me chamou pra dormir em sua casa, porque logo cedo ele iria viajar e queria dormir comigo ao seu lado.

Como sempre fazia, liguei pra mamãe dizendo que eu ia dormir na casa de uma "amiga" e fui tranquila com o Vitor para a casa dele.

Assim que chegamos à casa do meu "noivo", encontrei meu sogrão, a sogra e a cunhada no sofá assistindo um filme, como uma família muito bem comportadinha.

Fomos para o quarto do meu noivo e rapidamente já estávamos sem roupa. Desta vez precisei ser esperta. Antes que ele resolvesse me colocar de quatro na beira da cama pra foder meu rabo, como ele sempre fazia, e percebesse meu cuzinho ainda todo inchado da enrabada que eu tinha levado à tarde do pai dele, deitei-o na cama e comecei a mamar no seu pau bem gostoso.

- Gozaaaaaaa... meu gostosão... goza na boca da sua putinhaaaaa... - eu falei, provocando o Vitor. Não demorou e ele encheu minha boquinha de porra quentinha. O coitado ficou tão fraco que não demorou quase nada pra dormir em seguida.

No dia seguinte meu "noivo" acordou bem cedinho. Até achei que ele ia dar uma rapidinha no meu rabo antes de sair, mas isso não aconteceu, e ele foi viajar me deixando sozinha na cama completamente nuazinha. Meu cú já tinha voltado ao normal e eu já estava pronta pra outra rodada de pica.

Voltei a cochilar e foi então que senti um calor intenso na minha bucetinha. Quando entreabri os olhos levei um susto.
- Seu Carlossssss... o que?!? - falei assustada ao vê-lo entre minhas coxas. O taradão estava lambendo e sugando meu grelo de um jeito que logo me levou à loucura.

- Gosta disso, magrinha?... gosta de ser chupada, não gosta? - meu sogro falou e chupou minha buceta com muita vontade mesmo. Abri minhas pernas ao máximo e comecei a rebolar na boca do safado.
- Simmmmmmm... gosto muitooooooo... chupa mais... assim... ohhhhhh...!!

Não demorou nadinha pra eu me contorcer todinha e gozar deliciosamente na boca do Sr. Carlos. Fui uma gozadinha tão gostosa que cheguei a babar pelos cantos da boca. Ele me olhou e riu, me vendo toda descabelada e vermelha.

- Que sogro mais tarado que eu tenho... o filho nem acabou de sair e já tá lambendo minha bucetinha virgem... e se minha sogra e sua filha putinha acordarem e pegarem a gente aqui?... desse jeito?... seu louco taradão! - falei e ele nem se importou.

Meu sogrão tarado então se deitou em cima de mim. Seu pau duro, quente e todo babado deslizou entre os lábios da minha bucetinha virgem, roçando no meu grelo inchado e duro.
- Seu Carlos... a gente não pode... a Patriciaaa... a D. Andreia... elas vão ouvir... vamos fazer na loja, vamos? - falei um pouco desesperada.

- Não se preocupe com isso, cadelinha... tá tudo dominado... elas sabem que eu vim te comer... vou tirar esse cabacinho que tá atrapalhando a putinha a gozar mais gostoso... agora cala essa boca... e se prepara pra levar pau do teu macho... sua cadelinha viciada! - meu sogro falou no meu ouvido, dando beijinhos no meu pescoço.

- Aiiii, sogrão... você vai mesmo tirar meu cabacinho?... como vou explicar isso pro seu filho?... sempre falei que ele só ia tirar meu cabaço quando se casasse comigo... deixa eu dar primeiro pra ele... depois você me come... come meu cuzinho igual ontem... eu adorei dar o cu pra você... por favor... vamos só por trás mesmo! - falei, tentando fazer ele desistir de meter na minha bucetinha virgem.

Meu sogrão deu um sorrisso safado, levantou minha duas pernas, me arreganhando toda. Nessa posição minha buceta ficou toda exposta para ele. Eu vi os olhos do taradão brilhando, com vontade de enfiar aquela rola na minha xoxotinha virgem, quentinha e apertadinha.

- Larga de frescura, menina... vou te comer todinha... pode ter certeza... eu sei que você vai conseguir enrolar o coitadinho do meu filho... agora chega... minha vara tá louca de vontade de sentir essa bucetinha tesuda... vou ser teu macho, sua vadia... dá gostoso pra mim! - ele falou e vi que não tinha como escapar.

Vi meu sogro passar um gel na cabeça da rola e em toda a sua extensão. Em seguida ele passou o gel também no meu grelo e na entradinha da minha grutinha. Nossaaaaa!! Que gel mais geladinho. Depois ele voltou a me beijar, lentamente. Na hora não entendi aquela demora proposital.

- Hummmmmm... o que você passou na minha buceta? - perguntei a ele depois de uns dois minutos. Minha xoxotinha estava pegando fogo, latejando, piscando, e isso estava me provocando sensações deliciosas. Fiquei com tanta vontade de meter que voei pra cima do meu sogro.

- Quer me comer, quer?... seu tarado safado... vem comer minha buceta... tira minha virgindade... pra eu te dar todos os dias... vem, meu safado gostoso...!! - falei e meu sogro encaixou a cabeça da rola na entradinha da minha xoxotinha.

- Me come, seu tarado pevertido... tira meu cabaço logo... eu também tô louca de vontade de dar pro meu sogrão tarado... me fode bem gostoso... igual o senhor come a sua filha puta e sua esposa vagabunda... mete esse pauzão... me arromba... me fodeeeeeeeeeee!

Meu sogrão deu uma fincada forte e em segundos minha virgindade tinha ido embora. Aquele pauzão enorme abriu caminho entre as paredes da minha bucetinha que, toda tesuda, se alargava pra receber o macho que ela sempre desejou.

Que delicia sentir um pau enorme e grosso enterrado até o talo dentro de mim. A dor que senti desapareceu em poucos segundos e, como uma puta que sabe o que deve fazer pra agradar o macho, logo eu rebolava como uma profissional.

- Ahhhh... que pauzão gostoso, sogrão... fode sua nora putinha, fodeeee... me come... soca com força nessa buceta... fode ela... fode... ahhhhhh... delíciaaaaaa... hummmm... mete bem forte... me comeeeeeeeeeeee! - eu gemia e falava, enquanto meu sogro me castigava na rola dele.

- Issoooo... sua cadela... vagabunda... rebola, cachorrinha safadaaaa... ahhh... que putinha mais safada e tarada... dá gostoso, magrinha safada... rebola na pica do teu macho, vagabundinha linda! - meu sogro falava e eu me arrepiava todinha.

Ele logo me colocou de quatro e começou a me comer por trás. Empinei minha bunda ao máximo e rebolei na pica dele, enquanto ele aproveitava pra estapear meu bumbum sem dó.
- Ohhhhhhhhhhhh... safadoooooo gostosooooooo... vou gozarrrrr... vou gozarrrrrrr... uhhhhhhhhhh... - soltei uns gritinhos e me desmanchei de prazer.

Os gozos chegaram intensos e repetidos. Eu gemia alto e gritava de prazer, sendo comida por aquele macho gostoso. Meu sogro gozou tanto na minha buceta que parecia que ele ia ter um troço. Ele puxou meus cabelos com tanta força que gemi igual uma gatinha no cio.

Devagar fomos nos acalmando, e quando me dei conta, minha sogra e minha cunhadinha estavam de pé ao lado da cama assistindo meu desvirginamento. Nem acreditei. As duas putas estavam peladinhas, e se masturbavam sem nenhum pudor.

Após verificar que eu estava fraca demais para continuar, meu sogro fez sinal para as duas se aproximarem. A D. Andreia veio e começou a beijar a boca dele, enquanto a Patricia chupava sua rola, bebendo o restinho de porra que ainda saia. É claro que ela estava sentindo o gosto da minha buceta no pica do pai dela. Que loucura!

Olhei de pertinho e vi uns sinais de sangue no cacete do meu sogro. Era da minha ex-bucetinha virgem. E a Patricia nem se preocupou com isso, e chupou o pau até deixá-lo limpinho e bem duro novamente.

Em seguida meu sogro colocou minha sogra e minha cunhadinha lado a lado na cama, com suas bundas empinadas e passou a foder as duas com vontade. Ele enfiava na buceta de uma, dava umas dez bombadas e passava para a outra.

As duas gemiam e davam gritinhos de prazer e também levavam tapas bem dados na bunda. Eu continuei sentada bem pertinho delas, só assistindo, toda tesuda, já querendo participar também daquela sacanagem que me excitava demais.

- Vem, magrinha! Fique de quatro igual a elas, minha cachorrinha... vou comer teu cu agora... quero gozar no teu rabo, sua puta safada! - o Sr. Carlos falou e nem esperei. Fiquei de quatro, com a bunda bem empinada.

Nessa hora aconteceu algo que eu jamais imaginaria. A D. Andreia veio de um lado e Patricia do outro. Logo as duas começaram a beijar minha boca. Nossaaaaaaaa!! Elas começaram a brincar com suas línguas na minha boca no exato momento que a pica do meu sogro encaixou na entradinha do meu cú.

- Ahhhhhhhhhhh... deus do céu... vocês vão me matar assimmmm...!! - gemi quando o pau deslizou pra dentro do meu rabo, me rasgando todinha. Vi estrelas, e doeu bem mais que na bucetinha. Mas aguentei firme, como uma puta de verdade.

- Goza, querida... goza no pau do nosso macho!! - a D. Andreia falou no meu ouvido, enquanto a Patricia praticamente mamava nos meus lábios. Foi demais pra mim. Gozei como louca. Nesse dia aprendi que eu gozava muito mais gostoso pelo cú do que pela buceta.

A loja naquele dia demorou um pouco mais pra ser aberta, pois meu sogrão teve que saciar o tesão de três vagabundas taradas e insaciáveis. O interessante é que nem a D. Andreia nem a Patricia davam o cú para o Sr. Carlos. Depois que elas viram ele metendo no meu cuzinho, as duas ficaram viciadas em sexo anal também.

A minha única preocupação era como fazer pra enrolar meu "noivo" sobre minha virgindade, mas isso resolvi rapidinho quando minha menstruaçao do mês chegou. Levei-o ao motel e tipo "sem querer querendo" fiz ele errar meu cú e enfiar na buceta.

Pra tornar tudo mais real, dei um gritinho falso de dor e quando o sangue desceu ele acreditou que tinha tirado meu cabacinho. Nem foi tão difícil fazer aquela cena toda.

Isso já faz quase dois anos. Eu e o Vitor estamos casados. Quando ele viaja meu sogrão é o meu macho oficial. Eu, minha sogra e minha cunhadinha fazemos de tudo pra tornar nosso macho pauzudo cada vez mais feliz, para que ele possa nos fazer gozar cada vez mais gostoso.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto

Envie seu conto erótico ou estória verídica para publicarmos: Gostaria de publicar sua estória ou conto erótico em nosso site? Basta enviar para cintia_gomes@estoriasdesexo.com.br

Darei preferência aos contos inéditos, ou seja, que não foram publicados em outros sites do gênero. Também me reservo o direito de revisar seu texto (para deixar o português "tinindo" de bom).

Ao enviar o conto, não se esqueça de colocar um TÍTULO, CATEGORIA e o NOME DE USUÁRIO (aquele que aparece como a pessoa que publicou). O nome de usuário pode ser algo como "Menina Novinha", "Urso Carinhoso", "Pegador de Coroas", etc. No corpo do conto você poderá colocar seu e-mail para contato, se quiser, é claro.

Gostou Desta Estória? Compartilhe Com Seus Amigos

Dê sua nota para este conto erotico

Gostou deste conto erótico? Deixe sua nota:


Comentários

Nome: diogo
E-Mail: diogo
Data: 29/05/2016
Meu watts. Chama lá gatinha [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Corrêa
E-Mail: lcorrea2010@ig.com.br
Data: 30/05/2016
Parabéns adorei seu conto fiquei com muitíssimo tesão me chama no wat [somente e-mail permitido agora].Gostaria de manter contato com casais e casadas.Sigilo absoluto

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Eduardo
E-Mail: edumartins17@live.com
Data: 30/05/2016
Meu Zap [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Roberto
E-Mail: rcviana06@yahoo.com.br
Data: 30/05/2016
Gostei do conto... excitante, quero te conhecer...
Zap [somente e-mail permitido agora].

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Ronaldo
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 30/05/2016
Meo zap [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Marlon
E-Mail: Nal. Falda @hotimail. Com
Data: 30/05/2016
Delícia de conto gostei muito gosto de mulher assim bem puta qui gosta de fude com vontade de chupa bastante e de dá o cuzinho bem gostoso add aí [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Italo
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 01/06/2016
Sou de SÃO PAULO CAPITAL quero fuder com mulheres SAFADAS. meu whats é [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: moreno dote 19
E-Mail: militar sp
Data: 01/06/2016
Vc e um casal ou uma solteirinha, e procura um dotado para fantazias ? Meu zap [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: moreno dote 19
E-Mail: militar sp
Data: 01/06/2016
Vc e um casal ou uma solteirinha, e procura um dotado para fantazias ? Meu zap [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: moreno dote 19
E-Mail: militar sp
Data: 01/06/2016
Vc e um casal ou uma solteirinha, e procura um dotado para fantazias ? Meu zap [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Dotado Safado
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 03/06/2016
Ótimo conto..louco de tesão ao ler.. e com vontade de conhecer esse tipo de mulher fogosa, mesmo que as vezes não tenha coragem pra falar mais morre de desejo, adoraria ajuda-la a perder a timidez e mostrar todo desejo e vontade reprimida. até ajudando a conhecer esses desejos e vontades whats (um, nove, nove, oito, nove, dois, dois, quatro, um, quatro, oito) [somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Ronaldo
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 04/06/2016
[somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Si Silveira
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 14/06/2016
Eu também traí meu marido mas foi com a irmã dele. Meu sogro pegou a gente juntas e agora estamos ficando com ele também de vez em quando

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Ilma
E-Mail: Ilma
Data: 10/07/2016
Adorei o conto... Sou do Ceará ([somente e-mail permitido agora]

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Cupido prazeres
E-Mail: cupidoprazer@gmail.com
Data: 14/04/2017
Adorei tanto o seu conto que fiquei com o meu pau babando.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Dotado Safado
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 27/10/2017
ótimo conto..sempre que leio fico puto de tesão e com vontade de conhecer esse tipo de mulher safada, as vezes sendo uma evangélica, mãe, dona de casa..crente..comprometida enfim mulher que gosta de ser bem fodida, ou tenha fantasias e desejos mesmo que as vezes não tenha coragem pra falar mais morre de desejo,quero até mesmo ajuda-la a perder a timidez e mostrar todo desejo e vontade reprimida. quem sabe ajudando a conhecer esses desejos e vontades...whats (47).92.12.64.11.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Nome: Klaus
E-Mail: Anônimo(a)
Data: 04/05/2018
Conto tesudo demais. Que mulheres taradas e safadas!

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário


Deixe um Comentário

Quem quiser entrar em contato pra conversamos um pouco sobre sexo ou quem sabe fazer uma boa amizade, deixe os seus dados nos comentários abaixo que entro em contato.

Importante: Devido à reclamação de várias pessoas de que seus números de telefone estavam sendo postados aqui sem o seu conhecimento, permitimos agora somente o endereço de e-mail.

Contos Eróticos Relacionados

Vídeos Recomendados do site videosdesexonovinhas.com.br

O melhor boquete da minha vida
Novinha safada chupa meu pau bem devagar e pede pra eu gozar em sua boquinha linda
Novinha filmada usando o toilet
Garota vai ao banheiro e não sabe que está sendo filmada
Comendo a namorada
Sem minha namorada perceber eu coloquei uma câmera escondida e filmei ela gemendo bem gostoso na minha rola até gozar
Fodendo a safadinha no banheiro da festa
Novinha putinha queria mesmo uma pica bem grossa na xoxotinha. Depois de beijar o cara eles foram para o banheiro meter
Foram flagrados no banheiro da escola
Casal de novinhos estava tão concentrado na foda que não viram a câmera. Só depois de gozar é que a meninha percebeu
Marquinha de biquíni no WhatsApp
Safadinha linda mostra a marquinha de bikini nos seios e traseiro e depois abre a bunda para vermos seu cuzinho

Veja mais vídeos pornô de novinhas

Consiga o WhatsApp de centenas de mulheres solteiras e casadas de todo o Brasil. Temos grupos de WhatsApp de putaria e muito mais. Cadastre-se gratuitamente

Alguns homens e mulheres recém-cadastrados no Classificados de Sexo
Quer conversar com eles? Basta enviar uma mensagem!

moreninhalinda
De: Porto Alegre - RS

Sou divertida sensual sexi e to aprocura de homens
Mensagem Chat
casalrp
De: Ribeirao Preto - SP

Olá SOMOS UM CASAL bem resolvidos e discretos, estamos a procura de uma mulher ou casal, que assim c
Mensagem Chat
deusasafada
De: Pedreiras - MA

Sou casada safadinha e adoro sexo, aventuras e novas experiências. me chama pra gente conversar.....
Mensagem Chat
menina_curiosa
De: Salvador - BA

Oi, pessoal, sou novinha e adoro sexo virtual. Fico toda meladinha quando estou conversando besteira
Mensagem Chat
negao_3535
De: Arcos - MG

super discreto a procura de aventura
Ver Perfil Chat
dorisly
De: Cabo Frio - RJ

Me acho uma mulher muito interessante e de dar inveja aos outros homens, pois sou liberal ao ponto d
Mensagem Chat

Veja mais usuários do sexo feminino e masculino

Últimos Comentários dos Leitores

Esposa crente e pastor safado [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Doido disse:
Adorei seu relato quem dera se a minha esposa tivesse uma mente aberta pra sexo

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha enteada abusou demais [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
HQ Refrigeração e Climatização disse:
Olá, que tal realizar hoje o sonho de ter o seu aparelho de ar condicionado ? Fazemos a venda do equipamento, do material e a instalação, tudo em até 6x sem juros no cartão ou boleto. entre em contato e aproveite !

Respeitosamente,

Ladislau J. Souza

HQ REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO
Fone: ([Ocultado. Clique e deixe uma mensagem] Cel: ([Ocultado. Clique e deixe uma mensagem]
E-mail: contato@refriecli.com.br
Site: .hqrefriecli.com.br

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Minha sobrinha Mariana [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
HQ Refrigeração e Climatização disse:
Olá, que tal realizar hoje o sonho de ter o seu aparelho de ar condicionado ? Fazemos a venda do equipamento, do material e a instalação, tudo em até 6x sem juros no cartão ou boleto. entre em contato e aproveite !

Respeitosamente,

Ladislau J. Souza

HQ REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO
Fone: ([Ocultado. Clique e deixe uma mensagem] Cel: ([Ocultado. Clique e deixe uma mensagem]
E-mail: contato@refriecli.com.br
Site: .hqrefriecli.com.br

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Deflorando a enteada gostosa [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
HQ Refrigeração e Climatização disse:
Olá, que tal realizar hoje o sonho de ter o seu aparelho de ar condicionado ? Fazemos a venda do equipamento, do material e a instalação, tudo em até 6x sem juros no cartão ou boleto. entre em contato e aproveite !

Respeitosamente,

Ladislau J. Souza

HQ REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO
Fone: ([Ocultado. Clique e deixe uma mensagem] Cel: ([Ocultado. Clique e deixe uma mensagem]
E-mail: contato@refriecli.com.br
Site: .hqrefriecli.com.br

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Me apaixonei por um homem mais velho na faculdade [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Ka19 disse:
Nossa que conto excitante eu tenho muita vontade de dar pro cara mas velho mas nunca tive a chance

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Dei minha buceta em um banheiro público do centro de convenções [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Cabeleireiro disse:
Em 2004 eu era solteiro e fui em uma excursão para São Paulo. Era uma feira de cosméticos em geral, pois acabara de fazer um curso de cabeleireiro
Na hora de embarcar no ônibus, eu sem querer pisei no pé de uma mulher.
Pedi desculpa e entrei no ônibus, a mesma entrou depois de mim e sentou do meu lado e nos conhecemos melhor.
Depois de muito papo ela me disse que tinha a fantasia de transar em um ônibus cheio.
Eu sempre fui tímido, mas essa hora meu pau ficou duro.
A viagem iniciou justamente meia noite, quando o motorista apagou a luz e achamos que os outros passageiros estavam dormindo, começamos a pegacão até que conseguimos nos encaixar em uma posição favorável para meter gostoso com o povo todo ao redor e o que nos cobria era um lençol que ela tinha levado na bagagem de mão
Conseguimos ser bem discreto, mas nós dois gosamos gostoso.
Conseguimos ficar no mesmo quarto no hotel da excursão.
Três dias de feira e sexo.
E a volta não foi diferente da ida

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Quando mulher de amigo é mulher mesmo [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
qro as casadas disse:
Adorei o conto.
Mulheres casadas q querem dar uma saidinha. Me chamem.
Sou de São Paulo capital

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Meu sogro meteu em mim no dia do meu aniversário [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Flash disse:
Eu adoro esse conto mas queria muito ler a continuação onde ela para no hospital de tanto levar ferro no cuzinho.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

A amiguinha da minha filha metia demais [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

A colegial no parquinho levou só no cú [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Meu filho meteu atrás e eu gostei [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Bebi demais e dei para um cachorro pela primeira vez [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Olha, vá gostar de dar o cu assim na puta que pariu - Parte 5 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Dei minha buceta para o dono do FoodTruck [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Com o novinho bad boy na casa abandonada [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Com o novinho bad boy na casa abandonada [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Olha, vá gostar de dar o cu assim na puta que pariu - Parte 6 [Chat de Putaria] [Ver Vídeo Pornô]
Picanegragrossa disse:
0.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 Zap
+5.5.3.1.9.9.9.5.3.2.4.0.6 zap
Procuro mulheres que goste de trocar foto e video e audio
Facebook : o tal do éder
Instragam otaldoeder7
@otaldoeder7

Mulheres sem frescura..
Chamem la...

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Contos Eróticos Sugeridos

Contos Eróticos Mais Vistos

Categorias de Contos Eróticos

Vídeos Pornô de Novinhas
Anal / Sexo Anal
Diversos
Em Público
Fantasias
Fetiches
Gatas/Gatos
Gays/Lésbicas
Héteros
Incesto
Jovens X Mais Velhos
Masturbação
No Emprego
Orgias
Sadomasoquismo
Teens - Jovens
Traições
Três ou Mais
Zoofilia