Estórias de Sexo - Contos Eróticos e Experiências Sexuais

O conto erótico está logo abaixo dos anúncios

Alguns homens e mulheres recém-cadastrados no Classificados de Sexo
Quer conversar com eles? Basta enviar uma mensagem!

moreninhalinda
De: Porto Alegre - RS

Sou divertida sensual sexi e to aprocura de homens
Mensagem Chat
casalrp
De: Ribeirao Preto - SP

Olá SOMOS UM CASAL bem resolvidos e discretos, estamos a procura de uma mulher ou casal, que assim c
Mensagem Chat
deusasafada
De: Pedreiras - MA

Sou casada safadinha e adoro sexo, aventuras e novas experiências. me chama pra gente conversar.....
Mensagem Chat
menina_curiosa
De: Salvador - BA

Oi, pessoal, sou novinha e adoro sexo virtual. Fico toda meladinha quando estou conversando besteira
Mensagem Chat
negao_3535
De: Arcos - MG

super discreto a procura de aventura
Ver Perfil Chat
dorisly
De: Cabo Frio - RJ

Me acho uma mulher muito interessante e de dar inveja aos outros homens, pois sou liberal ao ponto d
Mensagem Chat

Veja mais usuários do sexo feminino e masculino


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Nada que umas boas palmadas não resolvam


Facebook

Enviado por Casado Carente em 12/07/2015
Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto

Categoria: Sadomasoquismo | Visitas: 17146
Avaliação: [Votar]
0 Comentários [Comentar]

Isso aconteceu alguns anos atrás e obviamente os nomes das pessoas e dos lugares foram mudados. Quando me casei, meus sogros estavam de mudança para o interior, onde meu sogro assumiria um cargo de gerente de uma filial da firma onde ele trabalhava.

Como era outubro e sua filha caçula de 16 anos, Márcia, tinha de terminar o ano letivo, ela ficou conosco. Antes de viajar, meu sogro me agradeceu por hospedar sua caçula logo nos primeiros dias de casado e disse que eu poderia tomar as atitudes que fossem necessárias para a educação dela.

As coisas foram transcorrendo normalmente. Ela era muito prestativa e educada (meu sogro era muito rígido na educação das filhas). Mas uma coisa começou a me irritar. Nosso apartamento era pequeno e só havia um banheiro e como eu chegava por último em casa, era o último a tomar banho.

E eu sempre encontrava o banheiro na maior bagunça, com água para todo lado, obra da minha pequena cunhada. Mais de uma vez reclamei, dei umas broncas e até de castigo a deixei, mas nada resolvia. Um dia cheguei muito nervoso e ao me deparar com o estado do banheiro, perdi a paciência.


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Fui até o seu quarto para dar mais uma bronca e a encontrei só de toalha, secando os cabelos. Reclamei e esbravejei enquanto ela parecia nem me ouvir. Quando perguntei se ela não tinha nada a dizer, ela simplesmente me respondeu com um palavrão.



Perdi as estribeiras e, quase cego de raiva, a puxei pelo braço, coloquei-a de bruços nos meus joelhos, levantei a toalha dela e dei umas boas palmadas naquele traseiro. Ela ainda não tinha vestido a calcinha e ainda por cima estava meio molhada.

Deve ter doido muito, pois ela chorava e esperneava. Mas eu só parei quando seu traseiro estava bem vermelho. Após este incidente, fiquei até preocupado com a minha reação, mas ela foi extremamente eficaz. Nunca mais tive problemas de encontrar o banheiro limpo, e nunca mais ouvi palavrões.

O interessante foi que nem minha esposa, que a tudo presenciou e nem meu sogro, depois que eu mesmo lhe contei, fizeram qualquer censura à minha atitude.

Depois disso ela foi morar com seu pai e nós só nos víamos em reuniões de família. Bom, uns 5 anos depois meu sogro novamente pediu para eu hospedá-la, pois ela havia entrado na faculdade e estava procurando uma pensão ou república para morar.


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Sem qualquer problema eu disse que ela poderia vir. A esta altura já morávamos num apartamento maior e banheiro não seria problema, pois agora havia dois, e mais um na área de serviço. Quando ela chegou, minha esposa ainda não havia subido do litoral com as crianças, por isso eu a instalei num quarto que havíamos transformado em escritório, dei-lhe uma chave do apartamento e falei que no dia seguinte, sábado, eu desceria para o litoral para buscá-los.

Depois que ela arrumou suas coisas e trocou de roupa, colocando uma camiseta regata e um shortinho minúsculo, é que eu percebi o quanto ela havia crescido.
No dia seguinte, voltei para almoçar em casa, para em seguida descer para o litoral. E novamente encontrei a Márcia usando a mesma camiseta e o mesmo shortinho do dia anterior. É lógico que algumas bobagens passaram pela minha cabeça, mas voltei à realidade quando minha esposa telefonou.




Falei que iria descansar um pouco após o almoço e logo desceria. Chamei a Márcia para ir junto mas ela recusou dizendo que estava cansada da viagem e que gostaria de arrumar melhor suas coisas. Tudo bem então. Almocei e fui tirar uma pestana. Acordei com umas batidas na porta e ouvi a Márcia me chamar.

- O chuveiro do banheiro não está funcionando, posso tomar banho no seu? - ela me perguntou.


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

- Claro, fique à vontade. - respondi e fui para a cozinha tomar um café, fumei um cigarro e ela logo me avisou que havia terminado.

Qual não foi a minha surpresa quando, ao entrar no banheiro, encontrei a mesma bagunça de anos atrás. E pior, as marcas de pés molhados por todo o carpete do quarto. Foi demais, fui até seu quarto disposto a arranjar briga. Ao chegar comecei a esbravejar que ela já era uma mulher crescida, que ninguém a aceitaria numa república com aqueles modos e tudo quanto era lição de moral que me veio a cabeça.

Ela simplesmente respondeu que não era mais criança e me disse o mesmo palavrão de quando tinha 16 anos. Fiquei mais puto da vida ainda e lhe disse que não teria pudor de lhe dar umas palmadas outra vez.

- Duvido!! - disse ela - Você não é homem pra isso!!!
Era a deixa que me faltava. Novamente peguei-a pelo braço, coloquei-a deitada no meu colo. Ela estava muito mais forte agora, e tive que segurar seu braço torcido para trás e deixar as suas pernas presas entre as minhas.

E ela pulava, dizendo que iria contar tudo para o pai e para a minha esposa. Nem ouvi. Rapidamente levantei a toalha dela e abaixei sua calcinha. Cada palmada que eu dava nela fazia sua bunda ficar cada vez mais rosada e depois vermelha.

Quando a raiva foi passando é que comecei a notar sua nudez. No começo ela procurou proteger sua intimidade mas agora eu tinha uma ampla visão da sua bucetinha e de seu pequeno e rosado ânus. De repente percebi que seus gemidos de dor passaram a ser de prazer e ela começou a se esfregar na minha perna.

Pronto, bastou para que uma ereção se apresentasse com todo o vigor, forçando o meu calção e a sua barriguinha. A cada tapa eu passava a mão pelas suas nádegas, acariciando e batendo, até que resolvi passar a mão pela sua pequena bucetinha. Que surpresa, ela estava completamente molhada.

Parei de bater e fiquei brincando com aquela flor úmida e quente. Ela rapidamente gozou e ficou ali, submissa, como que esperando uma ordem minha. Continuei a acariciá-la, hora na bucetinha, ora no cuzinho. Mantendo aquele clima de submissão, a fiz descer do meu colo, ficando de joelhos na minha frente.

Puxei meu pau para fora do shorts e mandei ela chupar. Foi incrível!! Aquela situação havia me deixado com um tesão imenso, tão grande que rapidamente a fiz parar e a levei para a cama. Quando a deitei ouvi um pequeno "ui" quando sua bunda encontrou o lençol e não perdi mais tempo. Coloquei meu pau direto na sua bucetinha e entrei de uma vez só.

Acho que nem que tivesse sido feita sob encomenda nos encaixaríamos tão bem. Num instante estávamos gozando, ela pela segunda vez. Depois daquela moleza pós-gozo é que eu vi seu rosto cheio de lágrimas e o quanto deveria ter doído aquela surra. Ela logo se virou de bruços e eu pude realmente notar o estrago que eu tinha feito.

Sua bunda apresentava um vermelho forte contrastando com o branco da sua pele. Fiquei com remorsos, fui ao banheiro, peguei um creme da minha mulher e fui cuidar daquele traseiro maravilhoso e vermelho deitado em minha cama. Comecei a aplicar e a cada vez que eu encostava na sua bunda eu ouvia um pequeno gemido de dor.

Fui aplicando cada vez mais creme, até que eu estava aplicando sobre o seu pequeno anelzinho, que começou a piscar. Tive uma nova ereção de imediato. Também pudera, aquela era uma cena que só vendo para saber o tesão que dava. O sentimento de culpa sumiu rapidamente e já que eu havia feito aquele estrago do lado de fora, por que não terminar o serviço e dar uma "surra" no lado de dentro também?

Com ela deitada de bruços, me ajoelhei de modo que ela ficou entre minhas pernas e meu cacete bem na porta da sua bundinha. Uma pequena lubrificada no cuzinho dela, outra no meu cacete e quando fui colocar veio um "não" bem forte.

Em vez de quebrar o tesão, aquele "não" só serviu para me atiçar ainda mais e, de um golpe só, enterrei tudo. Provavelmente metade do prédio ouviu o grito que ela deu, e começou a tentar me tirar de cima dela. Ela tentou sair de baixo de mim, mas com todo o meu peso em cima das suas pernas e segurando o seu quadril com as mãos, ela não tinha muitas opções.

A cada estocada minha ela gemia, e a cada estocada, que ainda por cima tocava na sua bundinha toda dolorida, ela gemia duas vezes. Gozei tão forte que a minha porra deve ter chegado até na sua boca. Dormimos rapidamente e ao acordar vi a cama vazia, o banheiro arrumado e fui encontrá-la no seu quarto.

Foi aí que ela me disse que desde criança alimentava aquela fantasia e aquela tinha sido a chance de realizá-la, mas ela nunca iria me perdoar por ter comido a bundinha dela daquele jeito. Fui buscar minha esposa e ela rapidamente achou outro lugar para morar.

Ela ainda veio almoçar algumas vezes em casa e me tratava amistosa, mas friamente. Acho que perdi uma boa chance de dar vazão a algumas fantasias que eu tinha, mas a lembrança de ter enrabado a bundinha da minha cunhadinha depois de ter lhe dado umas boas palmadas, é inesquecível.

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste conto

Você gostou do conto erótico que acabou de ler? Faça uma doação de qualquer quantia e me ajude a manter este site no ar, pois estou tendo dificuldades em arcar com todas as despesas. Clique aqui e saiba como fazer sua doação. Ficarei eternamente grata pela sua constribuição.


Masturbadores Masculinos | Estimulador Clitoriano | Vibradores | Anestésico Anal | Fantasias Femininas | Anel Companheiro | Anel Peniano | Anel Vibratório | Lubrificantes | Desenvolvedor Peniano e Bomba Peniana

Envie seu conto erótico ou estória verídica para publicarmos: Gostaria de publicar sua estória ou conto erótico em nosso site? Basta enviar para cintia_gomes@estoriasdesexo.com.br

Darei preferência aos contos inéditos, ou seja, que não foram publicados em outros sites do gênero. Também me reservo o direito de revisar seu texto (para deixar o português "tinindo" de bom).

Ao enviar o conto, não se esqueça de colocar um TÍTULO, CATEGORIA e o NOME DE USUÁRIO (aquele que aparece como a pessoa que publicou). O nome de usuário pode ser algo como "Menina Novinha", "Urso Carinhoso", "Pegador de Coroas", etc. No corpo do conto você poderá colocar seu e-mail para contato, se quiser, é claro.

Gostou Desta Estória? Compartilhe Com Seus Amigos

Facebook

Dê sua nota para este conto erotico

Gostou deste conto erótico? Deixe sua nota:


Comentários


Deixe um Comentário

Quem quiser entrar em contato pra conversamos um pouco sobre sexo ou quem sabe fazer uma boa amizade, deixe os seus dados nos comentários abaixo que entro em contato.

Importante: Devido à reclamação de várias pessoas de que seus números de telefone estavam sendo postados aqui sem o seu conhecimento, permitimos agora somente o endereço de e-mail.

Contos Eróticos Relacionados

Vídeos Recomendados do site videosdesexonovinhas.com.br

Fodendo a safadinha no banheiro da festa
Novinha putinha queria mesmo uma pica bem grossa na xoxotinha. Depois de beijar o cara eles foram para o banheiro meter
Comendo o cú da amiga da namorada
Minha namorada caiu na besteira de me apresentar a sua amiga gostosa. Não deu outra. Levei a safada para o motel e comi o cú dela
Loirinha delícia desfilando na praia
Vejam que bundinha mais gostosa, balançando de um lado para o outro. Na hora já imaginei a bucetinha dela no meu pau
Novinha deliciosa dançando
Gatinha linda começa dançando de shortinho e depois tira a blusa e a calcinha, ficando completamente peladinha
Comendo a namorada
Sem minha namorada perceber eu coloquei uma câmera escondida e filmei ela gemendo bem gostoso na minha rola até gozar
Novinha mostrou o cuzinho
Gatinha com sede de pica tira o short e a calcinha e faz um vídeo mostrando a bucetinha e o cuzinho todo depilado

Veja mais vídeos pornô de novinhas

Consiga o WhatsApp de centenas de mulheres solteiras e casadas de todo o Brasil. Temos grupos de WhatsApp de putaria e muito mais. Cadastre-se gratuitamente

Bate-Papo Estórias de Sexo

Últimos Comentários dos Leitores

Amarrada e comida aos 16 anos [Ver Vídeo Pornô]
Claudinho disse:
Olá Rafaela
Gostaria de saber mais sobre você
Manda mensagem no meu email

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Fui mais cedo para a faculdade e o porteiro comeu o meu cú [Ver Vídeo Pornô]
Kelly disse:
Oi Bruna meu nome é Kelly hoje tenho 22 anos e me identifiquei muito com você, pois acho que temos vários pontos em comum em matéria de sexo, perdi a minha virgindade cedo quando tinha 15 anos, adoro fazer sexo anal e também já tive uma experiência dessas quando estava no quarto semestre da faculdade de Biologia transei com um colega no banheiro feminino da minha faculdade, foi uma experiência incomum e muito excitante, também me acho muito fogosa, adorei o seu conto, com muitos detalhes e bem excitante o único senão que eu tenho é com relação ao Sr. Alberto acho que ele não deveria ter contado para ninguém o que aconteceu entre vocês dois. Quanto a você dar uma chance para seu professor, se você acha que ele é confiável e vai manter em sigilo tudo o que acontecer entre vocês dois não vejo porque não dar uma chance para ele, se você quiser escrever para mim ficarei muito feliz em ouvir a suas estórias e contar as minhas, boa sorte. Beijos

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

A novinha que adorava dar o rabinho [Ver Vídeo Pornô]
RAIMUNDO CALCADA disse:
Jatos de esperma quente enchiam o cuzinho da putinha,. As mesmas besterias de sempre. E aidna aparece uma Teresa cuzeira. kkkk Nota seis,

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Incesto: minha experiência de vida com meu filho [Ver Vídeo Pornô]
MulatoGGG disse:
Mulheres e meninas mande msg meu zap ehh ddd (onze)nove.sete. um.tres.meia.setenta. dezoito sou negro 23cm bem grosso

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Meu irmão foi meu professor [Ver Vídeo Pornô]
casadoquer disse:
Não vivi esta experiencia mais procuro mulheres para sexo sem.compromisso

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Eu e meu filho no banheiro [Ver Vídeo Pornô]
machoalfasorocabasp disse:
Que delicia, adorei ler os comentários, fiquei tesudo
Eu vivo pensando em sexo, adoro longas preliminares e demoradas penetrações, tudo bem feito, com higiene e sigilo
machoalfasorocaba@bol.com.br
Contato inicial pelo e mail acima
Tenho excelente nível

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Sendo fodida por dois [Ver Vídeo Pornô]
machoalfasorocabasp disse:
Li seu relato e fiquei tesudo
Eu vivo pensando em sexo, adoro longas preliminares e demoradas penetrações, tudo bem feito, com higiene e sigilo
machoalfasorocaba@bol.com.br
Contato inicial pelo e mail acima
Tenho excelente nível

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Virgindade rompida [Ver Vídeo Pornô]
machoalfasorocabasp disse:
Li seu relato e fiquei tesudo, quero te fazer gozar gosotoso
Eu vivo pensando em sexo, adoro longas preliminares e demoradas penetrações, tudo bem feito, com higiene e sigilo
machoalfasorocaba@bol.com.br
Contato inicial pelo e mail acima
Tenho excelente nível

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Contei a verdade e meu marido me deixou levar pica [Ver Vídeo Pornô]
machoalfasorocabasp disse:
Quero transar gostoso com mulher fogosa
Eu vivo pensando em sexo, adoro longas preliminares e demoradas penetrações, tudo bem feito, com higiene e sigilo
machoalfasorocaba@bol.com.br
Contato inicial pelo e mail acima
Tenho excelente nível

Clique aqui e fale com o(a) autor(a) deste comentário

Contos Eróticos Sugeridos

Contos Eróticos Mais Vistos

Categorias de Contos Eróticos

Vídeos Pornô de Novinhas
Anal / Sexo Anal
Diversos
Em Público
Fantasias
Fetiches
Gatas/Gatos
Gays/Lésbicas
Héteros
Incesto
Jovens X Mais Velhos
Masturbação
No Emprego
Orgias
Sadomasoquismo
Teens - Jovens
Traições
Três ou Mais
Zoofilia